Pitacos: 11ª rodada do BR-2011

Galera do blog, esse fim de semana acompanhei os jogos de São Paulo e Palmeiras.

No sábado, o tricolor paulista encarou o Atlético-GO e jogou dois pontos no lixo ao empatar poe 2×2. O time dominou o jogo, criou inúmeras oportunidades, fez dois gols, com Rhodolfo e Rivaldo, mas tomou dois gols do Atlético-GO e falhas grotescas da defesa, na primeira culpa exclusiva de Xandão, na segunda os “méritos” da falha podem ser divididos entre Xandão e Jean.

O São Paulo não fez uma grande partida, mas soube se impor diante do fraco rival, o time ainda precisa ganhar entrosamento, o time errou muitos passes inclusive Rivaldo, o camisa 10 fez outra boa atuação, mas errou vários passes e perdeu um gol feito. Lucas teve atuação apagadíssima. Dagoberto foi importante, como principal assistente. Denilson fez boa estréia.

Ficou nítido que o São Paulo precisa contratar um zagueiro e agora apenas no mercado nacional será encontrado essa peça, além disso, Adilson deve definir logo como será o esquema de jogo do São Paulo para que os jogadores do meio de campo se entendam.

No jogo de ontem, o Palmeiras perdeu para o Fluminense por 1×0 em um jogo de péssima arbitragem, Heber e sua equipe protagonizaram lances absurdos durante o jogo inclusive anulando um gol legal do tricolor carioca.

Na partida, o jogo foi muito truncado, mas o Palmeiras teve atuação apagada de seus principais homens, Valdivia que retornava a equipe pouco fez, Luan e Kleber foram muito bem marcados e Maikon Leite fez sua pior apresentação pelo Palmeiras. Apenas Assunção fez partida razoável.

Pelo Fluminense, Fred voltou motivado da seleção, o jogador fez ótima partida e infernizou a defesa adversaria, inclusive Mauricio Ramos merecia ser expulso de tanto que bateu em Fred. Outro jogador de destaque foi Mariano, o lateral direito voltou a fazer ótima partida que o levou a condição de melhor lateral do Brasileirão do ano passado.

De qualquer forma, a partida foi bem sofrível, muito em culpa do gramado e da arbitragem. O Palmeiras é isso, um time competitivo que será sempre uma pedra no sapato dos adversários e o Fluminense mostrou sinais de recuperação, possui um bom elenco, mas que precisa de tempo para se entrosar, ou seja oscilará muito no campeonato.

3ª Rodada do Brasileião!

Galera do blog mais querido, a terceira rodada do Brasileirão terminou. O Corinthians segue na liderança com 100% de aproveitamento, enquanto na parte debaixo, o Goiás segue sem marcar nenhum um ponto. Não consegui acompanhar nenhum jogo no Sábado, em compensação no Domingo assisti aos dois jogos da TV, primeiro Inter x São Paulo e depois Avaí x Vasco, confesso que prefereria ter visto ao contrário. Seguem os comentários:

Internacional 0 x 2 São Paulo: O São Paulo foi eficiente, não jogou melhor que o Colorado, mas soube aproveitar as poucas chances que criou. O Inter jogou a maior parte do tempo sem o “provável” time titular, mas já ficou claro que será um grande duelo pela smifinal da Libertadores, pena que vai demorar tanto.

No primeiro tempo, o jogo começou truncado, muita marcação no meio de campo e consequentemente muitos passes errados. Nos primeiros trinta minutos, o principal lance foi a fisgada que Miranda sentiu e deu lugar a Xandão. Só na parte final que o Inter começou a fazer Ceni trabalhar. Contudo, o tricolor que abriu o marcador, Hernanes cobrou a falta na barreira, a bola voltou para o seu pé, o camisa 10 não pegou em cheio no rebote, mas foi devagarinho no canto e surpreendeu a todos. Resultado, falha de Abbondazieri e 1×0 São Paulo. Assim os times foram para o vestiário.

Na etapa complementar, o Inter voltou mais agressivo na vontade de atacar, tanto que Ceni teve que mostrar o que sabe embaixo das traves, aliás o camisa 01 tricolor está em grande fase nesse primeiro semestre. Mas assim como na primeira etapa e nos dois jogos contra o Cruzeiro, o tricolor soube novamente liquidar a partida em um contra ataque muito bem encaixado. Dagoberto carregou a bola pela esquerda, tocou livre para Hernanes que na linha de fundo só teve o trabalho de levantar a cabeça e tocar para Fernandão dentro da pequena área só empurrar para o fundo da rede. O jogador em respeito ao Inter não quis comemorar muito, mas o time do Sâo Paulo em peso foi para cima do jogador comemorar.

Dessa forma, o tricolor vence mais uma, o time titular segue a rotina de não tomar gols. o trio Hernanes-Dagoberto-Fernandão tem funcionado muito bem, enquanto Alex Silva e Ceni estão sendo dois monstros na defesa. O São Paulo está longe de apresentar um futebol tão bonito quanto o do Santos, mas já não mais aquele futebol burocrático duro de assistir.

Avaí 2 x 0 Vasco: O jogo foi complicado de assistir, primeiro por que a qualidade dos dois times é fraca e segundo porque a chuva que tomou conta do Ressacada agravou isso. A diferença no placar foi exclusivamente o conjunto, o Avaí está com uma série de desfalques, mas tem padrão de jogo e organização tática, enquanto o Vasco é um amontoado de gente correndo atrás de uma bola.

No primeiro tempo, o time vascaíno dominava as ações no meio de campo, mesmo jogando com quatro volantes no meio e mais um como lateral direito, o time partia bem para o ataque, ora com Léo Gago, ora com Souza. Philippe Coutinho estava mais acordado, porém Élton estava afim de perder todas as chances de gol. Essas chances desperdiçadas, contaram também com a boa atuação do jovem goleiro Renan que jogou muito bem. De tanto, Élton jogar fora as oportunidades, o Vasco foi castigado aos 27 minutos, em uma presepada da defesa, a bola sobrou tranquila sem ninguém na frente para Roberto bater firme e abrir o marcador para os donos da casa. A primeira etapa, seguiu com Élton jogando fora as chances e o Avaí tentou achar um bom contra ataque.

Roth colocou mais um atacante em campo, recuando um pouco mais Coutinho para o meio. O panorama não mudou, continuou o Vasco sendo mais presente no ataque e o Avaí mais perigoso. Na verdade, a única mudança no Vasco, foi que Élton ganhou um companheiro para perder gols com ele, Rafael Coelho em um lance daqueles inacreditáveis, perdeu um gol sem goleiro. E assim, seguia o segundo tempo, da mesma forma como terminou a primeira etapa. Contudo aos 46 do segundo tempo, o Avaí encontrou o tal bom contra ataque, em boa trama dos atacantes, Robson que havia substituído Roberto apareceu livre pela direita, seu chute ainda contou com o desvio de Dedé antes de morrer no fundo da rede, dando números finais a partida.

Para os dois times, o melhor seria o intervalo da Copa chegar logo, para os catarinenses seria o tempo necessário para recuperar os desfalques, enquanto para o Vasco era a chance de Roth botar ordem na casa.

Jogos do Domingão!!

Galera do blog, vamos falar sobre alguns jogos que aconteceram no fim de semana.

Palmeiras 2 x 0 São Paulo: Ficou claro que os jogadores do Palmeiras não queriam mais Muricy no comando, o que os jogadores correram hoje foi impressionante, em compensação parece que os tricolores estão querendo derrubar Ricardo Gomes.

O placar foi construído após a expulsão discutível de Xandão, de qualquer forma isso não serve como justificativa para a derrota, mostra apenas que o time palmeirense é realmente limitado, porém quando se esforça muito pode dar trabalho para os adversários. Do lado são paulino, a sensação que fica é que parece que o Ricardo precisa de uma pré-temporada de pelo menos uns dois anos para ele conseguir colocar em campo o que ele pensa. O time mostra-se totalmente desorganizado, Cicinho foi resgatado da Roma porque precisavamos de um lateral direito, porque ele foi parar no meio de campo. Jorge Wagner é um excelente meia, porque está de lateral-esquerdo e Paraíba já disse que é um meia, porque ele estava no ataque.

No jogo, destaque positivo pelo lado palmeirense para Pierre e Lenny, do lado tricolor para apesar da posição errada Jorge Wagner e Ceni mesmo tendo tomado um susto no segundo gol fez boas defesas. Destaque negativo, para Diego Souza que quando bem marcado fala mais do que joga, Marcelinho Paraíba que não pode jogar no ataque, Cicinho que não foi para o estádio ontem, Cléber Santana que fiquei na dúvida se ele acertou algum passe e o Sr. Ricardo Gomes que na minha opinião não passa a confiança necessária para ser técnico do São Paulo.

Botafogo 2 x 0 Vasco: Falando em zebra, olha ela ai de novo. Vi apenas alguns lances, mas parece que apesar do Vasco ter comandado o jogo, o Botafogo foi mortal assim como contra o Flamengo.

Na verdade esse controle vascaíno, se trata de um falso controle, onde um time tem a maior posse de bola, porém sem efetividade nenhuma, já que o outro está só aguardando o momento certo para dar o bote e marcar o gol.

Pelo lado alvinegro, a estrela de Joel Santana e Loco Abreu foram fundamentais para essa conquista. Pelo lado vascaíno, faltou mais maturidade e vontade de suas peças fundamentais, enquanto Carlos Alberto tentou o que pode voltando de lesão, Philippe Coutinho sentiu a pressão de sua primeira decisão e Dodô estava na sua costumeira sonolência.

Jogos de Quarta!!

Galera do blog, essa foi uma quarta-feira com futebol pelos quatro cantos do Brasil e clássico na Inglaterra, acompanhei três jogos na íntegra e vi os melhores momentos de mais dois, vamos a eles:

Arsenal 1 x 0 Liverpool: Jogo truncado, díficil, os dois times desesperados pela vitória, os Gunners para manter acesa a chama do título, e os Reds para consolidar a última vaga para a Champions. Bom, após muitos cruzamentos e poucas chances efetivas de gol, mas aí apareceu Diaby, provavelmente o melhor em campo ontem, e marcou em boa trama do ataque do time londrino.

O time do Arsenal eu recomendo que as pessoas assistam, ainda falta um atacante goleador de nome para o time, mas o time é leve e jovem e possui uma troca de passes incríveis e envolvente, dá gosto de ver o time de Arsene Wegner jogar. Já o meu querido Liverpool não tem mais a mesma velocidade no meio, Mascherano e Lucas não fazem a bola sair com rapidez, lógico que não dá para esperar isso do argentino, porém era possível para o ex-gremista, contudo Lucas vem fazendo jogos burocráticos.

Araguaia-MT 1 x 3 Grêmio: Em um jogo, onde os destaques foram Victor e Borges, percebe-se nitidamente que o Grêmio sofreu um sufoco desnecessário do time matogrossense, que até surpreendeu no primeiro tempo e no início do segundo, porém após o segundo gremista, o time de Araguaia entregou os pontos.

No primeiro tempo o time do Mato Grosso me surpreendeu, acho que a oportunidade única de aparecer na TV despertou o talento em alguns jogadores do time. Destaque para Pedro, Lorena e Diniz, o último em especial merece um destaque, garoto bom de bola, pode conseguir uma vaga em um time de maior expressão. Já pelo lado do Grêmio, Borges continua fazendo seus golzinhos e o time mostrou que ainda precisa de ajustes na parte defensiva, principalmente a dupla Ferdinando e Rochemback que ainda não acertaram o posicionamento na frente da zaga, principalmente porque Silas não definiu o esquema do time. De resto, o mais importante é que o time eliminou o jogo de volta.

São Paulo 2 x 0 Monterrey-MEX: O Tricolor mostrou sua força na Libertadores, fez um bom jogo e venceu a partida com certa facilidade. Washington marcou os dois e mostrou que ele é o atacante tricolor. Do lado do time mexicano, espera mais, talvez a ausência de sete titulares tenha sido o principal motivo.

O São Paulo começou o jogo de maneira eletrizante, da forma como o time conquistou a Libertadores de 2005, marcando muito forte e não deixando espaço para o time mexicano, tanto que antes dos 15 minutos iniciais o time já abria o marcador com Washington. O interessante foi a mudança tática que Ricardo Gomes promoveu, o time jogava em um 3-5-2, porém quando atacava era Hernanes que ficava aberto na direita e não Jean, e ali o volante rendeu o que lhe é esperado, partidaça do volante que fui duramente marcado e por muitas vezes o juiz deixou barato. Destaque também para Cleber Santana e Xandão os dois novos jogadores parecem que jogam no São Paulo há anos. Em resumo, o tricolor estreiou bem e deu mais tranquilidade para sua torcida.

Flamengo-PI 0 x 1 Palmeiras: Acompanhei alguns lances do segundo tempo e depois os melhores momentos, deu para perceber algo comum na Copa do Brasil, o time pequeno faz do primeiro jogo, o jogo da sua vida, para conseguir realizar a segunda partida.

O Flamengo do Piauí até começou tentando assustar o time alviverde, mas com o tempo as coisas foram se normalizando e o Palmeiras assumiu o controle da partida, porém, ora por uma atuação inspirada do goleiro Herivelton, ora pela falta de um centroavante a altura do time, o Palmeiras não conseguia marcar o seu gol, que só fui sair no segundo tempo, com Diego Souza. De qualquer forma, no jogo de volta, tem tudo para ser uma goleada tranquila para o Palmeiras.

Velez Sarsfield-ARG 2 x 0 Cruzeiro: Inicialmente fui ver apenas os melhores momentos, mas depois de alguns lances e algumas declarações, resolvi ver o VT completo da partida. A única coisa que posso dizer é que foi uma vergonha. O árbitro foi o que pejorativamente denominamos de “Cagão”, ou melhor “Caseiro”, o árbitro começou muito bem ao expulsar Gilberto que novamente foi expulso por uma agressão estúpida logo no começo do jogo, porém após o gol do time argentino o que aconteceu foi digno de suspensão do árbitro, o lateral Pablo Lima em lance semelhante ao de Gilberto recebeu apenas amarelo, gerando a revolta do time celeste, além disso no segundo tempo Séba chutou Kléber já caído e o juiz fingiu que não viu.

Sobre o jogo, resultado até que normal, era sem dúvida o jogo mais complicado para o Cruzeiro, mas seria muito melhor se tivesse perdido apenas pelo futebol jogado.

Jogos de Quarta!

Galera do blog mais querido, ontem alguns jogos rolaram pelos estaduais e Libertadores. Acompanhei alguns e aqui vão os meus comentários sobre o que eu vi.

Cruzeiro 7 x 0 Real Potosi: No jogo de volta pela Libertadores, o time celeste atropelou o time boliviano e deixou mais evidente como a altitude influencia o time que está acostumado com ela. Os gols cruzeirenses foram marcados por Marquinhos Paraná, Thiago Ribeiro, Kléber Gladiador, Jonathan, Eliandro, Bernardo e Guerron.

O time boliviano até tentou uma correria inicial, mas com o passar do tempo foi facilmente dominado pelo time brasileiro, tanto que ficou evidente a total fragilidade do time boliviano. Dessa forma, o Cruzeiro vai para o grupo 07 e encara de primeira o Velez, um dos maiores adversários dos clubes brasileiros na conquista desta Libertadores.

São Paulo 3 x 0 São Caetano: Enfim, o considerado time titular (com exceção dos recém-chegados), e deu para ver uma grande evolução, talvez ainda longe do ideal, porém o time atuou de maneira mais equilibrada. Gols de Washington, Dagoberto e Hernanes.

O time são paulino entrou com sua força máximae animou os torcedores desconfiados, principalmente na parte ofensiva, a movimentação de Paraíba e Dagoberto foi muito interessante e atormentou o sistema defensivo do Azulão, outro ponto positivo é a constante evolução de Jean como ala direita, o volante está melhorando cada vez mais o quesito cruzamento. A defesa ainda precisa de entrosamento, mas Xandão mostrou qualidade, o trio titular (Xandão, A. Silva e Miranda) promete dar conta do recado.

Flamengo 3 x 3 Olaria: Nada de novo no time rubro-negro, enquanto o ataque funciona muito bem, a defesa continua tomando muitos e muitos gols. Ontem, Vagner Love marcou dois e Imperador marcou mais um.

O time rubro-negro segue atuando da mesma forma como se tornou campeão, porém a diferença está na parte defensiva de seu meio campo, Airton, Willians e Maldonado possuiam excelente poder de marcação e rápida saída de bola. O chileno principalmente fazia uma proteção a frente da zada como poucos, hoje o time depende de Toró, logo a certeza de gols tomados é enorme. Airton tem muita facilidade em roubar a bola e sair em velocidade para o contra-ataque, apesar de toda qualidade de Kléberson, o jogador não possui o mesmo ímpeto do antigo jogador. Andrade terá que mostrar suas qualidades como treinador para ajustar o meio, ou reinventá-lo.

Além desses jogos, notei que o Corinthians entregou o ouro para a Ponte Preta na estréia do “seu lindo uniforme 3”. Que o Grêmio tropeçou contra o São Luiz e o Internacional não teve trabalho para vencer o Novo Hamburgo.

Especulações do Mercado da Bola, de novo!!

Abaixo, seguem como anda alguns clubes e suas especulações:

Após a chegade de Luxa, a primeira contratação foi Leandro, lateral esquerdo que trabalhou com Luxa no Palmeiras, para a Massa Atleticana só de não ver mais Thiago Feltri naquele setor já é um alívio. Kalil quer trazer mais três reforços, sendo que o principal é alguém para fazer dupla com Tardelli, já que Éder Luis deve ser negociado.

Pelo alvinegro, o time ainda comemora a permanência na elite do futebol, mas viu seu zagueiro-artilheiro-capitã0 dar adeus, o time corre atrás de Antonio Carlos do Furacão, além de Dodô que pode reaparecer no time, após cumprir suspensão.

Pelo Corinthians a velha guarda já está fechada, Tcheco, Iarley, Roberto Carlos, Ralf, e Danilo chegam para dar experiência ao grupo. O time também está prestes a fechar com o polivalente Moacir e ainda quer um zagueiro e mais um lateral direito.

A grande contratação do Cruzeiro, está esperando a contra-prova para ser confirmado, além disso Alex Silva também está nos sonhos da Raposa.

O campeão brasileiro já começa a pensar em substitutos para o Imperador, amigos próximos já disseram que Adriano já marcou a festa de despedida da Vila Cruzeiro. Os nomes pretendidos são de Kléber Gladiador ou Vagner Love. A única certeza do time é saída de Airton para o Benfica, o jogador já viajou para realizar os exames médicos e assinar o contrato.

O maior desafio é manter o time que terminou o ano, por enquanto o time deseja apenas o lateral esquerdo Julio Cesar do Goiás.

Após todas aquelas especulações sobre trazer os jogadores do São Paulo, o ritmo no Olímpico esfriou, agora Silas indicou Marquinhos, com quem trabalho no Avaí.

Do lado Colorado, Fossati foi anunciado como treinador, acho que terá tudo para dar certo, uma vantagem é o fato dele falar o nosso idioma tranquilamente. Além disso, o Inter trouxe na minha opinião, o melhor jogador do Barueri, Thiago Humberto. Falta apenas um camisa 09 do tamanho da história do Inter.

Muricy sonha com Conca e Kléber Gladiador, mas será só sonho mesmo. Para a realidade de Muriçoca, surgem, Manoel, zagueiro do Atlético Paranaense, Muriqui, atacante do Avaí, e Valdívia, que está na Arábia, além de Rodrigo, o zagueiro não fará mais parte do elenco tricolor e ficará entre Corinthians e Palmeiras.

Dorival já chegou dando as cartas é a primeira novidade deve ser Macnelly Torres, o bom meia do Colo-colo. Dorival quer trazer Eltinho, lateral esquerdo do Avaí que fez um ótimo campeonato e me causava estranheza ninguém ter ido atrás do menino, Durval do Sport e Rafael Coelho do Figueirense.

Em 2010, Léo Lima, Xandão, André Luiz e Fernandinho já estão certos. Os Paraíbas ainda precisam assinar o contrato, além da batalha nos bastidores com o time do Goiás para ter Fernandão e Vitor. No setor de repatriação, Breno e Cicinho parecem estar mais próximos do que se imagina.

Para mim, o Vasco é o time que melhor contratou até agora, trouxe um técnico capaz de dar sequência ao trabalho de Dorival e já fechou com as seguintes peças: Elder Granja, Leo Gago, Jumar, Caíque, Geovani, Gustavo, e Marcio Careca. O time precisa ainda de um zagueiro e dois atacantes para fechar o elenco. Boto muita fé nesse time do Vasco.