2017 e o desafio da nova safra de treinadores

klopp02012017

E começou 2017!

Acho que entre todas as expectativas que surgem em todo o inicio do ano, a minha maior é sobre os treinadores.

Existe uma geração nova chegando e com enormes desafios pela frente. Entre os 20 times da Série A + o Internacional, são 3 treinadores que estão na faixa de 61 a 70 anos, 6 na faixa de 51 a 60, 9 na faixa de 41 a 50 anos e incríveis 3 na faixa de 31 a 40.

Distribuídos da seguinte forma:

De 61 a 70 anos: Carpegiani, 67 (Coritiba), Abelão, 64 (Fluminense), Autuori, 61 (Atlético-PR)

De 51 a 60 anos: Cristovão, 57 (Vasco), Dorival, 54 (Santos), Mano, 54 (Cruzeiro), Renato Gaucho, 54 (Grêmio), Guto Ferreira, 51 (Bahia) e Silas, 51 (Avaí).

De 41 a 50 anos: Marcelo Cabo, 50 (Atlético-GO), Vagner Mancini, 50 (Chape), Zago, 47 (Inter), Eduardo Baptista, 46 (Palmeiras), Zé Ricardo, 45 (Flamengo), Carille, 43 (Corinthians), Ceni, 43 (São Paulo), Argel, 42 (Vitória) e Roger, 41 (Atlético-MG).

De 31 a 40 anos: Jair Ventura, 37 (Botafogo), Felipe Moreira, 35 (Ponte) e Daniel Paulista, 34 (Sport Recife).

E se pensar que independente dos motivos, esse ano nenhum dos treinadores a seguir estarão iniciando no comando de algum clube da série A nacional: Vanderlei Luxemburgo, Oswaldo de Oliveira, Joel Santana, Leão, Falcão, Muricy Ramalho, Levir Culpi, Marcelo Oliveira, Felipão e Celso Roth. 10 nomes que normalmente estariam em algum clube e se não fosse o Fluminense que anunciou Abel Braga, era um time completo.

Entre os com mais de 60, além do Fluminense a dupla do Paraná (Furacão e Coxa) também estão com os sexagenários.

Agora ainda para a turma da renovação, temos SP como um destaque, dos 4 grandes, 3 vem com treinadores novos, sendo que São Paulo e Corinthians com treinadores de primeira viagem, ótimas apostas e podem contribuir muito para novos conceitos para o futebol local.

Isso sem falar na turma abaixo dos 40, Sport, Ponte Preta e Botafogo estão iniciando o ano com treinadores que até ontem eram jogadores ou que poderiam ainda estar em campo.

No ano em que nosso melhor técnico está na seleção e consolidando seu trabalho, 2017 vem com a boa nova de dar espaço para novas cabeças mostrarem seus trabalhos aqui no Brasil.

Eu sei que a garantia de inovação é incerta, até porque tem muito novo com espirito de velho e vice-versa. O mais certo é que será tudo novo, com muita gente buscando seu espaço.

Espero de verdade que no final de 2017, possa olhar para esse post e ver que ao final bons e novos nomes surgiram, mesmo que ao mesmo tempo alguns não tenha vingado ao longo do ano. E para os “veteranos” que também surpreendam e mostrem que novos conceito nunca fui atrelado a idade.

Anúncios

E aí, gostaram do seus professores?

03abr13---tecnico-jose-mourinho-aprova-atuacao-do-real-madrid-na-partida-contra-o-galatasaray-pelo-liga-dos-campeoes-no-santiago-bernabeu-1365022106265_615x300

Esse final de ano o mercado que tem chamado a atenção é o dos treinadores.

Com as famosas especulações sobre possíveis reforços, que a cada ano que passa aprendemos a desistir disso e apenas comentar quando alguém veste a camisa do seu time, exceto o Renato Gaúcho, porque esse pode vestir e não jogar.

Tiramos um pouco o foco dos jogadores e vemos a intensa movimentações dos clubes para acertar os seus comandantes.

Particularmente, vejo como um movimento positivo, assim o planejamento para elenco do ano que vem será feito com aquele que deverá ser o técnico ao longo do ano. (Vamos tentar acreditar nisso)

Cruzeiro, Galo, São Paulo, Flamengo, Fluminense e Grêmio renovaram com seus treinadores. Entendo que a manutenção é o melhor caminho. E sem sombra de dúvida, todos os acertaram. Curiosamente, entre os dez primeiros do Brasileirão, apenas Santos, Corinthians e Inter optaram por mudanças.

Santos definirá a situação de seu treinador em breve, uma possível reunião nessa quinta irá selar a permanência ou não de Enderson. Corinthians optou por descontinuar o trabalho de Mano e trazer Tite novamente.

Não gosto de Mano, pura empatia, não o conheço. Mas, acho que ele merecia concluir seu trabalho. O treinador fez toda a reformulação necessária, começou a organizar o time e terminou com o time mais arrumado, teria 2015 para deslanchar suas ideias e eis que o ciclo é encerrado e agora Tite terá a responsa de entender que time é esse, vencer uma difícil pré-Libertadores e entender que seu trabalho sempre será comparado ao anterior.

Outros grandes em situações mais drásticas resolveram trocar seus treinadores. Botafogo, Palmeiras e Vasco começam 2015 com novos professores.

Dois acertaram e um errou. Vasco foi muito bem, trouxe Doriva, cara novo, barato e com um bom trabalho já realizado. Pegará um Vasco com $$ limitado, terá que montar um time competitivo dentro das opções escassas que terá, além de usar a molecada da base. Fez bem no Ituano e teve pouco tempo no Furacão. Foi uma boa aposta, contudo a intervenção constante de Euricão pode dificultar o trabalho.

Palmeiras mandou muito bem. Oswaldinho desde sua volta do Japão tem feitos bons trabalhos, contudo o rótulo dado para a imprensa, faz com que se fale pouco dele. Tenho certeza que se for permitido, fará ótimo trabalho no Palmeiras e com toda certeza será um ano bem mais tranquilo para os palestrinos.

Em compensação, o Botafogo errou feio. Buscou alguém que ganhou um nome por um trabalho na Jamaica, nunca conseguiu sucesso no Brasil e sempre saiu reclamando do mundo e de todos, o alvinegro poderia buscar Ricardo Drubscky, Ricardinho, Gilson Kleina ou até mesmo a manutenção de Mancini. Renê é andar para trás.

E o Inter, ah o Inter gostou de imitar seu eterno rival e ficará brincando que coloca a caixa de som e tira a caixa de som. Acho que o Inter deve fechar logo com o Mano ou achar uma aposta logo.

E aí, gostaram do seus professores?

E se o campeonato acabasse na 25° rodada?

felipao_scolari_gremio_reu01 (1)

E se o campeonato acabasse na 25° rodada?

Sim, já está chato eu ficar repetindo isso, mas o Cruzeiro seria o campeão.

Agora, a disputa pela Libertadores ganhou detalhes extraordinários. O Galo teria abocanhado a última vaga, deixando Corinthians e Fluminense de fora.

Aliás, São Paulo, Galo e Grêmio terminariam empatados em números de pontos, o paulista e o mineiro ficariam com a vaga devido ao saldo. Mas, vale lembrar que o Grêmio está a 9 jogos sem perder e a 8 sem levar gols, Felipao parece ter superado o 7×1.

O Furacão e o Peixe se tivessem melhor aproveitamento fora de casa, poderiam bagunçar ainda mais essa disputa.

Na parte de baixo da tabela, o Flamengo ainda não afastou por completo a zona da degola, mas ao mesmo tempo percebe que tem muito mais time interessado nela do que eles.

Coritiba e Criciuma parecem que independente de qualquer resultado, eles sempre terminam a rodada entre os rebaixados.

Entre os grandes, Palmeiras e Botafogo são os que mais namoram a série B. O Palmeiras é a mulher de malandro do “malandrinho” mago Valdivia, disposto a fazer o que quiser com a camisa verde.

Já o Botafogo precisa entender que Mancini gastou as artimanhas para manter um time que não recebe motivado, está na hora de acertar as contas, ou os juros dentro de campo, se manifestarão com jogos de terça, sexta e sábado.

Aliás, se as séries A e B acabassem hoje, SC seria o estado junto de SP com o maior número de representantes. 4 times.

E aí, se o campeonato acabasse na 25° rodada, você estaria satisfeito com o seu time?

Se prepare controle, que vou lhe usar…

FutebolnaTV

O que você vai assistir nesse fim de semana?

Vai rolar o melão esse fim de semana, e resolvi destacar alguns jogos para quem tá com a TV a cabo em dia e sem nada para fazer no fim de semana.

Sábado – 20/09

11h00 – Espanholão – La Coruña x Real Madrid: Não tem Donato, nem Bebeto, nem Rivaldo, nem Fran nos donos da casa, aliás, o jogo nem promete ser emocionante, mas é bom demais ver o time merengue enfrentando rivais mais fracos. O jogo vira um entretenimento divertido, menos para o pessoal do noroeste da Galícia.

13h30 – Alemão – Mainz x Dortmund: Um jogo no mínimo interessante. Primeiro que dentro do possível, o Mainz foi uma grata surpresa na temporada passada, e depois, assistir ao time de Jurgen Klopp devia ser matéria obrigatória para todos os nossos treinadores. Para mim, ele e Bielsa são os melhores do mundo.

15h45 – Berluscão – Milan x Juventus: Um clássico, isso já bastaria. Mas, atualmente é um duelo tecnicamente desigual, a Juve é muito melhor que os rossoneros. Contudo Inzaghi tem mostrado que seu time fará partidas emocionantes ao longo da temporada, essa pode ser mais uma.

21h00 – Brasileirão – Criciúma x Botafogo: Esse jogo é para fechar o dia. Depois de descansar dos 3 primeiros jogos, você liga só para ter certeza de que a melhor opção é sair para vadiar. Já que a qualidade do jogo promete ser cruelmente sofrível. Duelos de desesperados na fuga do rebaixamento. O Fogão começa a entrar em queda livre em um momento perigo. Está na hora de Mancini e cia reagirem e deixarem a vergonha apenas para CBF.

Domingo – 21/09

12h00 – Inglesão – Manchester City x Chelsea: Para aqueles que gostam de inventar “finais antecipadas” em pontos corridos, aqui está uma. Duelo dos favoritos ao título na terra da Rainha. Na minha opinião, o melhor jogo do fim de semana, acho que basta para comentá-lo.

16h00 – Brasileirão – depende de onde vc estiver: Nesse horário teremos 4 clássicos acontecendo pelo campeonato. Na terra do acarajé um BaVi nervoso, com grande chance do derrotado dormir a rodada com a incomoda última posição da tabela. No Rio, um FlaxFlu de lotar o Maracanã, para o Flamengo, mais uma chance de ganhar sem precisar de um pênalti, para o Flu, a chance de ganhar sem precisar de um advogado.

Em Minas, o Brasil é Galo. É a chance dos atleticanos segurarem o trem azul e manter um pouco de emoção no campeonato. Para fechar em São Paulo, o postulante (na verdade esse título é só para acreditarmos que pode ser) a tentar roubar o título do Cruzeiro contra o time que não se cura da Empatite.

Até daria para listar uns joguinhos a mais, mas como vocês tem família e a vida de vocês não é só futebol. Bora deixar o resto da agenda, para um Faustão, macarronada e sogra.

Se o campeonato acabasse na 6ª rodada…. (Pitacos)

deitaerola

Se o campeonato acabasse na 6ª rodada, eu diria que tinha avisado desde o começo.

Tudo bem que ainda faltam 3 jogos para o fechamento da rodada, com exceção de Goiás e Palmeiras, o restante era para estar lá mesmo. Cruzeiro, Inter, Flu, Gremio, SP e Corinthians, são eles que disputaram o topo da tabela.

O Cruzeiro está começando a aquecer os motores e já está na liderança, daqui para frente, ele sempre estará lá, mas esse ano, acho que não consegue a vantagem do ano passado.´

O Inter com Abel, parece os times de Muricy no tricampeonato com o São Paulo, empata fora e ganha em casa e parece não fazer força para isso, eles simplesmente cheguem o mandamento do tio Abel à risca. D’Alessandro não está ilhado esse ano, Aranguiz foi um ótimo reforço e Alex e Alan Patrick às vezes ajudam.

E o Flu, de time que poderia estar sofrendo contra Icasa’s, ABC’s, Sampaio Correa’s e outros, montou um time fortíssimo, com um quarteto ofensivo mais o carismático Walter que são muito fortes, a atuação ontem diante do São Paulo mostrou a força desse ataque, a questão sempre será e quando as suspensões e possíveis lesões tirarem eles de campo, como o Flu irá reagir.

O Grêmio ontem sofreu mais do que o necessário para vencer o Botafogo (que melhorou muito com a chegada de Mancini e Sheik), mas venceu. O Grêmio entre os 6 que considero os mais fortes, é o mais fraco, porém o mais organizado taticamente, com mais variações e possibilidades.

O meu tricolor pode surpreender, mas precisará de $$ para isso. Falta qualidade defensiva ao time, os jogadores que marcam, não sabem marcar. Douglas, Paulo Miranda, Antonio Carlos, Rodrigo Caio, Reinaldo, Edson Silva são esforçados, mas abaixo da crítica, o SP precisa gastar um dindim para trazer boas peças de defesa, porque do meio para frente, tá tudo certo.

E o Corinthians? Ah, o Timão, mais uma vez tropeçou em casa. O time parece arrumado, parece forte, mas não demonstra isso. Ontem, mais um jogo apático, parece que só Guerrero toma choque antes de entrar em campo, os outros foram parecem recém saídos do Walking Dead com mordidas no corpo.

Se o campeonato acabasse hoje, Fluminense e Cruzeiro seriam os meus favoritos, enquanto o Flamengo o grande que precisa acender o sinal de alerta.

Rapidinhas do Camisa 10 – 16.04.2014

Rapidinhas 16042014

Começou disputado!! O Brasileirão nem começou, mas já está disputadíssimo! Icasa, Portuguesa, Figueirense, Flamengo e Fluminense disputam na justiça quem realmente merece jogar a divisão principal. Se aplicar a lei, Lusa e Figueira jogam a B, se ignorarem a lei, Icasa e Flu, mas se adotarem a balança desregulada, continua como está. Confuso, né?

O problema não é a cor, é a idade! Nada de racismo, o que mais preocupa no futebol é o abuso sexual e a pedofilia. Em pesquisa feita pela Unicef, ficou claro que existem pedófilos infiltrados no futebol, aproveitando do sonho de garotos para abusarem deles. O silêncio ainda impera, mas alguns ruídos já começam a aparecer.

Folha pesada… Pelo menos na questão de folha salarial, o City pode bater no peito e dizer que é o maior do mundo. O clube inglês supera qualquer agremiação esportiva no mundo. A lista segue com 2) New York Yankees, 3) Los Angeles Dodgers, 4) Real Madrid, 5) Barcelona, 6) Brooklyn Nets, 7) Bayern de Munique, 8) Manchester United, 9) Chicago Bulls e 10) Chelsea

A arte de botafoguear… E o Botafogo rescindiu com o Bolivar, mas voltou atrás. Garantiu que cumpriria suas dívidas e acertou com o Sheik. Seu patrocinador diz que está tudo bem, e pede concordata nos EUA. O time demite Hungaro e ele treina o time no dia seguinte. Só falta dizer que vão trazer o Mancini para arrumar a casa!

Pai Juvenal, só no whisky agora… E nesse fim de semana acaba o mandato de Juvenal Juvêncio no tricolor paulista. JJ ficará marcado na história do São Paulo e do futebol brasileiro. Suas conquistas a frente do São Paulo e sua constante troca de farpas com o Sanchez renderam boas histórias para o universo futebolístico.

Ao vencedor, as batatas! E o Ituano além do título paulista irá agora desfrutar das regalias desse título. Férias de três meses e desmanche total do time à vista! Todas as glórias ao campeão!

Copa Ordináriaaaa… Do Twiiter de Dino Cantelli sobre o episódio do jornalista gringo: “Jornalista dinamarquês se decepciona e desiste de cobrir Copa. Usarei de um expediente bem brasileiro para comentar: sabe de nada, inocente.” Vai ter Copa!

Saravá mandinga!! Se Felipão gosta de mandinga, aí vai uma que parece ser infalível. Toda vez que o Ituano ganhou um campeonato paulista e Scolari era treinador da seleção na Copa, adivinha o que aconteceu? É Hexa!!!

Amarelinha de saia… Aproveitando o momento Copa do Mundo, a CBF aproveitou para anunciar Vadão como o novo “professor” da seleção feminina. Gosto muito do Vadão, um daqueles bons treinadores que não fazem marketing e ficam de lado. Todo sucesso a Vadão, na reconstrução do escrete.

Dúvida da semana… Melhor elenco ou melhor advogado, o que você prefere?