Restam 16 na Libertadores-16

libertadores-trofeu-480-getty-images

Depois de quase três meses de Libertadores encerra-se a fase de grupos, restam agora apenas 16 times.

São 5 argentinos, 4 brasileiros, 2 mexicanos, 1 uruguaio, 1 paraguaio, 1 colombiano, 1 equatoriano e 1 venezuelano. 8 países diferentes seguem, mas a soberania fica com Argentina e Brasil. Só San Lorenzo e Palmeiras não avançaram.

Vamos aos confrontos: (Irei listar de 1º ao 16º, sendo que do 9º em diante serão os segundos colocados de acordo com a campanha, certo)

Atletico Nacional-COL (1º) x Huracán-ARG (16º): O time da Colômbia tinha tudo para terminar com 100%, mas se poupou e empatou a última partida, além disso segue com a espetacular marca de não ter tomado nenhum gol na competição. Apesar disso, times colombianos costumam prezar pela imprevisibilidade. Assim, como esperar algo do time argentino.

O Huracan é um time advindo do próprio grupo dos colombianos, a tendência é que o Nacional passe sem grandes dificuldades, só perdem para si mesmo.

Pumas-MEX (2º) x Deportivo Táchira-VEN (15º): Confronto teoricamente tranquilo para os mexicanos. Outro confronto com origem dentro do mesmo grupo, ambos estavam no grupo 7. O Táchira tem o fator casa como força, mas é goleado facilmente fora. A tendência é que o Pumas avance.

Corinthians-BRA (3º) x Nacional-URU (14º): Confronto na teoria fácil. O Corinthians tem sido forte dentro de casa e conseguido também impor seu jogo fora. O Nacional conseguiu a classificação graças a duas vitórias consecutivas sobre o Palmeiras.

O time uruguaio com exceção a esses dois jogos, tem feito apresentações bem abaixo, apenas a camisa tem a mística, a questão é saber se o que desperta o time uruguaio é um time brasileiro do outro lado, ou foi apenas um lampejo contra o Palmeiras.

Atlético-MG-BRA (4º) x Racing-ARG (13º): Confronto duríssimo para o Galo. Apesar da ótima campanha na fase de grupos, pegou um adversário duro que usa seu estádio como um verdadeiro caldeirão para fazer seu resultado.

O Galo tem jogado um futebol excelente, talvez o melhor dentro do Brasil, mas isso não o coloca como favoritaço no confronto, precisa mostrar esse futebol e aquele 1% que a Libertadores exige. Promessa de duas grandes partidas.

Toluca-MEX (5º) x São Paulo-BRA (12º): Confronto parelho. O time mexicano fez ótima campanha dentro do considerado grupo da morte, tem boa proposta coletiva e decide em casa.

Já o tricolor paulista, tem a mística da camisa dentro da competição e a crescente do time nos três últimos jogos, o time ainda tem suas oscilações, mas já demonstra um estilo mais compatível com o que a Libertadores exige. Acredito que o São Paulo possa passar para a próxima fase.

Boca Juniors-ARG (6º) x Cerro Porteño-PAR (11º): Confronto também bem parelho. O Boca é o Boca, assim como o São Paulo começou patinando, mas embalou no returno, a diferença é que além do Nacional da Colômbia, apenas os argentinos ainda não perderam na competição. E o time deu sinais de melhora nos dois últimos jogos.

O Cerro talvez tenha um dos seus melhores times dos últimos anos, pode dar trabalho, mas ainda é o início desse time, talvez a pressão de enfrentar uma Bombonera entupida valendo vaga, pese e consequentemente custe a próxima fase.

River Plate-ARG (7º) x Independiente del Valle-EQU (10º): O time equatoriano tem seu valor, mas só, enfrentará o tradicional time argentino e atual campeão da competição, a tendência é que fique pelo caminho.

Rosário Central-ARG (8º) x Grêmio-BRA (9º): Nem sempre um cruzamento é lógico, as vezes o primeiro não pega o pior time classificado, mas nesse caso, não poderia representar melhor o emparelhamento.

Rosário como o pior primeiro e Grêmio como o melhor segundo representam bem o equilíbrio que será o duelo. É inevitável ficar em cima do muro, talvez o fator de jogar a última em casa, jogue a favor do Rosário, além de eu achar o time com o melhor potencial da competição. Mas é confronto duríssimo, o mais parelho dessa fase.

Mas como o Cadê Meu Camisa 10 não fica em cima do muro, segue meus palpites para os confrontos das quartas:

Nacional-COL x Rosário-ARG
Pumas-MEX x River-ARG
Corinthians-BRA x Boca-ARG
São Paulo-BRA x Racing-ARG

Anúncios

Sorteio dos grupos da Libertadores 2016!

libertadores 231215

E os grupos da Libertadores foram sorteados.

Sorte de São Paulo, Corinthians e Atlético-MG, azar de Palmeiras e Grêmio. É lógico que tudo é relativo, existe aquela premissa de que aqueles que já pegam dureza logo de cara, já entram fortalecido na fase de mata mata ou que é melhor pegar um grupo tranquilo para o time ganhar corpo na hora certa.

Contudo diante do peso dos nomes e pensando apenas na facilidade em chegar nas oitavas, fico com essa divisão para sorte ou azar. Vejam os grupos:

Grupo 1 – River Plate (ARG), The Strongest (BOL), Trujilianos (VEN) e São Paulo ou Cesar Vallejo (PER).

Ao que tudo indica, São Paulo passa pelos peruanos e disputa com o atual campeão o posto de primeiro do grupo. Ao meu ver, um grupo perfeito, dois times fracos, mas com o efeito altitude para testar o time e ainda o atual campeão e um dos favoritos para testar o time na fase de grupos. Bauza pode aproveitar muito toda essa primeira fase da competição para encorpar o time.

Grupo 2 – Nacional (URU), Palmeiras (BRA), Rosario Central (ARG) e River Plate (URU) ou La U (CHI)

La U deve completar o grupo e junto com o grupo 6 se tornar o grupo mais incerto dessa fase. As distâncias percorridas serão pequenas, mas a entrega será máxima, todo ponto jogado fora em casa fará toda a diferença. Sem nenhuma previsão dos possíveis classificados. Qualquer palpite será mero e aleatório chute.

Grupo 3 – Boca Juniors (ARG), Bolivar (BOL) Deportivo Cali (COL) e Puebla (MEX) ou Racing (ARG)

Pela fase de pré-libertadores esse é o jogo mais incerto, mas aposto na força do Racing no jogo de volta dentro de seu estádio, sendo assim os dois argentinos tem tudo para avançarem para a próxima fase, somente o Cali poderá causar algum imprevisto, mas fora isso, os hermanos devem avançar nesse grupo.

Grupo 4 – Penarol (URU), Atletico Nacional (COL), Sporting Cristal (PER) e Huracan (ARG) ou Caracas (VEN).

Huracan deve avançar e completar o grupo, consequentemente deverá ser o rival do Penarol pela segunda vaga, pois a primeira ficará com o bom time colombiano. Ainda assim, acho difícil o Penarol não figurar nas oitavas, só uma bobeira mesmo contra os argentinos dentro de casa os tiraria da próxima fase.

Grupo 5 – Atlético-MG (BRA), Colo Colo (CHI), Melgar (CHI) e Ind. del Valle (EQU) ou Guarani (PAR)

O Galo pegou um grupo facílimo, o mais tranquilo, faz tempo que o Colo Colo não assusta ninguém e apenas o Guarani pode apresentar resistência, mas a saida de Jubero ainda não foi testada e tampouco sabe-se o impacto. Se Aguirre souber aproveitar essa fase, emplaca a melhor campanha da fase de grupos.

Grupo 6 – San Lorenzo (ARG), Grêmio (BRA), LDU (EQU) e Toluca (MEX).

Outro grupo equilibradíssimo, três campeões de Libertadores no mesmo grupo, dois campeões com o novo treinador são paulino, além disso a força mexicana que sempre causa dor de cabeça. Outro grupo sem nenhuma previsão, acho que o Grêmio passa, não sei em qual posição, mas passa, de resto, também será um puro palpite.

Grupo 7 – Olimpia (PAR), Emelec (EQU), Tachira (VEN) e Pumas (MEX)

O grupo com menor força, são bons times, mas longe de serem forças dessa edição, poderão aproveitar para beliscar umas oitavas e torcerem por um bom cruzamento para ousarem umas quartas, mas nada mais do que isso para provavelmente Emelec e Olimpia.

Grupo 8 – Corinthians (BRA), Cerro Porteno (PAR), Cobresal (CHI) e Oriente Petrolero (BOL) ou Ind. Santa Fé (COL)

O Corinthians caiu naquele grupo que parece que todo mundo tem sua posição bem definida. Os brasileiros ficarão em primeiro, os colombianos que passarão pelo Petrolero em segundo, os paraguaios em terceiro e os chilenos fazendo turismo. De qualquer forma, o Corinthians foi outro brasileiro que pegou o chamado ótimo grupo para começar, pouco transtorno com viagem, o Santa Fé, atual campeão da sulamericana como um bom teste e tempo para encorpar ainda mais, ou entender o time sem, por enquanto, Jadson.

A Libertadores dentro de campo começa só dia 03 de fevereiro, mas aqui no Cadê Meu Camisa 10 vocês já curtem uma prévia dos grupos.

Palpitando 30.06.2015

Imagem

E já se foi meio ano de Palpitando, está começando o mês de Julho, uma overdose de Brasileirão, já que é o que resta e mais outros joguinhos para completar. Clique aqui para conferir os resultados da rodada anterior.

Veja como ficou a pontuação apenas da rodada passada:
1 – Wagner – 75 pontos
2 – Andre Russo – 70
3 – Ramon – 60 pontos
4 – Cadê Meu Camisa 10? – 55 pontos

Em uma rodada de pontuação baixíssima, segurei a vantagem e venci o mês de Junho. Vejam os rankings:

rm300615

rb300615

rg300615

Quarta, 01 de Julho de 2015
19h30 Sport Recife 3×0 Internacional – Brasileirão
22h00 Atlético-PR 2×1 São Paulo – Brasileirão
22h00 Grêmio 1×0 Cruzeiro – Brasileirão
22h00 Joinville 0x1 Flamengo – Brasileirão

Sexta, 03 de Julho de 2015
07h00 Monaco (FRA) 0x3 Shakhtar Donetsk (UCR) – Amistosos
22h30 River Plate 0x2 Rosario – Copa da Argentina

Sábado, 04 de Julho de 2015
16h30 Bragantino 1×2 Santa Cruz – Série B
16h30 Vitória 4×1 Bahia – Série B
16h30 ABC 1×1 Macaé – Série B
21h00 Micronesia sub23 0x38 Ilhas Fiji sub23 – Jogos Olímpicos do Pacífico

Domingo, 05 de Julho de 2015
11h00 Avai 2×2 Sport Recife – Brasileirão
16h00 Santos 1×3 Grêmio – Brasileirão
18h30 Internacional 1×3 Atlético-MG – Brasileirão
18h30 Ponte Preta 0x2 Palmeiras – Brasileirão

Encerrar a carreira no time que ama: Sonho brasileiro, realidade argentina…

Juninho-Pernambucano-Vasco-Sergio-Moraes_LANIMA20101113_0062_26

Esses dias estava lendo no Blog do Birner uma matéria sobre uma declaração de Di Maria onde o meia argentino comentava que iria jogar no seu time do coração o Rosario Central. Birner aproveitou para explorar o universo de jogadores argentinos que atuavam por outras equipes dentro da própria Argentina, mas assumiam publicamente seus times.

Porque isso no Brasil é tão distante?

Para começar, eu acho que o mais curioso além da distância para isso ocorrer no Brasil, é a particularidade dessa situação na Argentina, talvez a Inglaterra tenha casos similares, além dos casos pontuais pelo mundo afora.

Mas concentrando na análise do Brasil, quero fazer alguns comentários sobre quais os motivos que acredito abafarem a possibilidade dos jogadores assumirem seus clubes do coração.

Primeiro a formação, e nela incluo a mistura de baixa escolaridade com ficar “na mão de empresário”. Esse combo é para mim o pior dos motivos. Pois, um jogador já desde cedo (10/11 anos) tem a presença de algum ser entitulado empresário ao lado dele.

E desde cedo, esse cara deixa muito claro a mercadoria que tal jogador é para ele. E nesse tacanho pensamento somado a baixa escolaridade do menino que não consegue também analisar de maneira mais clara as melhores opções para ele, uma espécie de lavagem cerebral é feita.

E o jogador entende que assumir algum clube pode limitar o seu mercado de atuação. Logo, esse primeiro passo, afasta e muito a possibilidade do cara assumir o clube sem medo algum.

A característica do jogador brasileiro é outro fator que acaba sendo critério complicado para que ele assuma seu time. O argentino é aguerrido por natureza, mesmo jogando por um clube rival ao seu clube de coração, ele irá morrer em campo todo jogo.

O brasileiro não tem essa característica, acredita que o talento é muito mais importante para vencer uma partida (nem digo que está errado, são apenas estilos de jogos diferentes). Logo é mais fácil para uma torcida aceitar alguém que está o tempo todo se matando em campo, do que o contrário.

Além disso, acho que mídia, os próprios torcedores, e todos os demais envolvidos parecem ainda não estarem prontos para isso.

Pensar em um jogador repetir o que Juninho Pernambucano fez com o Vasco, voltar para ganhar um salário irrisório, apenas para ajudar o clube que ama, depois de ter feito sua carreira vencedora, ainda parece contos antigos de futebol.

Quem sabe, aos poucos, mais brasileiros voltem apenas pelo amor do time que torce..

Palpitando 02.09.2014

Imagem

Acabou o mês de Agosto, confira os vencedores! E agora, chega o mês de Setembro, confira o que o Cadê Meu Camisa 10 preparou para vocês! Confira a pontuação dessa rodada e clique aqui para ver os resultados:

01º Ramon – 160 pts
02º Rodrigo – 135 pts
03º Wagner – 120 pts
04º Cadê Meu Camisa 10 – 80 pts
05º Andre Russo – 75 pts

E com a má atuação de André Russo e a boa campanha na última rodada de Rodrigo, Rodrigo venceu por 5 pontos. Confira:

RM02092014

RG02092014

RB02092014

Seguem os jogos a serem palpitados:
Quarta, 03 de Setembro de 2014
16h00 Alemanha 2×4 Argentina – Amistosos
19h30 Ceará 3×4 Botafogo – Copa do Brasil

Quinta, 04 de Setembro de 2014
15h45 Italia 2×0 Holanda – Amistosos
16h00 França 1×0 Espanha – Amistosos
21h15 Rosario Central (ARG) 1×1 Boca Juniors (ARG) – Copa Sulamericana
22h00 Bahia (BRA) 1×1 Internacional (BRA) – Copa Sulamericana

Sexta, 05 de Setembro de 2014
22h00 Brasil 1×0 Colômbia – Amistosos

Sábado, 06 de Setembro de 2014
16h10 América-MG 2×3 Vasco – Série B
16h10 ABC 2×1 Santa Cruz – Série B
18h30 Flamengo 0x1 Grêmio – Brasileirão
20h00 Bonaire 1×4 Barbados – Copa do Caribe
21h00 Chapecoense 0x0 Goiás – Brasileirão

Domingo, 07 de Setembro de 2014
16h00 Fluminense 3×3 Cruzeiro – Brasileirão
18h30 Atlético-PR 1×1 Palmeiras – Brasileirão
18h30 Bahia 0x0 Coritiba – Brasileirão

Palpitando 03.09.2013

Imagem

Galera, começa o mês de Setembro! Rodada com a volta dos jogos de eliminatórias ao redor do mundo, além dos jogos aqui pelo Brasil.

Confira a pontuação dessa rodada:
01º Wagner – 125 pts
02º Cadê Meu Camisa 10? – 115 pts
03º UAndre – 105 pts
04º Fernando Alemão – 100 pts
05º Jaqueline / Thiago – 85
06º Wallace – 80 pts
07º Andre Russo – 65 pts
08º Rodrigo – 30 pts

Em uma rodada equilibrada, Fernando Alemao garante a vitória no mês de Agosto com 460 pontos.

Na classificação geral temos:
01º Cadê Meu Camisa 10? – 3350 pontos
02º Andre Russo – 2185 pontos
03º Thiago – 1955 pontos
04º Jaqueline / Fernando Alemão – 1945 pontos
05º Rodrigo – 1870 pontos
06º Wagner – 1705 pontos
07º Wallace – 1110 pontos
08º Ulisses Andre – 285 pontos
09º Paloschi – 165 pontos
10º Jonathan – 105 pontos
11º Fabiano – 100 pontos

Seguem os jogos a serem palpitados:
Quarta, 04 de Setembro de 2013
19h30 Atlético-PR x Santos – Brasileirão
21h50 Atlético-MG x Fluminense – Brasileirão
21h50 Bahia x Cruzeiro – Brasileirão
21h50 Internacional x Corinthians – Brasileirão

Sexta, 06 de Setembro de 2013
17h00 Escócia x Bélgica – Eliminatórias da Copa do Mundo
20h10 Vélez Sarsfield x Newells Old B. – Argentinão

Sábado, 07 de Setembro de 2013
14h00 Costa do Marfim x Marrocos – Eliminatórias da Copa do Mundo
16h15 Brasil x Austrália – Amistosos
18h15 Atlético-GO x Palmeiras – Série B
18h30 Ponte Preta x Internacional – Brasileirão
18h30 Vitória x Atlético-MG – Brasileirão

Setembro, 08 de Setembro de 2013
16h00 Rosario Central x San Lorenzo – Argentinão
16h00 Coritiba x São Paulo – Brasileirão
16h00 Cruzeiro x Flamengo – Brasileirão
19h00 Fortaleza x Santa Cruz-PE – Série C