Quem mais merecia a Bola de Ouro?

edmundo-goncalves-540x305

E na quarta-feira no Instagram lancei a pergunta, qual jogador merecia ter recebido uma Bola de Ouro?

A pergunta começou por causa de um vídeo que eu também postei no Insta de Iniesta, vi o vídeo e lembrei que mais do que aquele lance no Insta, Iniesta quase sempre jogou acima da média, quase sempre foi genial e talvez seja um dos grandes nomes que colocaram o Barcelona no estágio atual de super time.

Contudo, ao ver que Iniesta começa a dar indícios que sua carreira caminha para o final, percebi que ele não terá a chance de receber esse prêmio individual máximo, e aí fiquei me questionando quem mais teve carreira brilhante, mas não recebeu tão honraria.

Fiquei pensando se o prêmio não poderia ser dado para mais de um jogador por ano, mas acima de tudo precisaria criar alguns critérios para não virar prêmio de consolação ao invés de realmente um prêmio para quem foi destaque do ano.

Sendo assim, meu intuito aqui é destacar jogadores que foram fora de série, mas por terem disputado com alguém que também foi sensacional no mesmo ano, ficou sem o prêmio. Não irei listar quem ainda tem potencial para ganhar, mas sim quem provavelmente não ira ganhar mais ou quem já se aposentou.

Para saber quem já ganhou, clique aqui, não trouxe a lista, porque é imensa.

Mas irei listar alguns jogadores dos quais vi jogar e que foram sensacionais em alguns momentos/ano/temporada.

Buffon, Maldini, Baresi, Del Piero, Totti, Iniesta, Edmundo, Gamarra, Hagi, Bergkamp, Baggio, Batistuta, Ibrahimovic, Eric Cantona, Henry, Gerrard, Romário, Pirlo, Rijkaard.

Confesso que foi um exercício dificílimo e que provavelmente terei esquecido de alguém, meu único ponto fora da curva foi Edmundo, mas sua temporada em 97 foi absurda e precisei mencionar.

E para vocês, quem mais ficou faltando dessa lista?

 

Anúncios

Parabéns Peixe!!

romario

50 anos.

Mais de 1000 gols.

Mulheres e frases polêmicas na mesma proporção.

O melhor jogador dentro da área, nunca vi ninguém parecido. Tive o prazer de ver pelo menos uma dúzia de jogos do Baixinho, incluindo o tapa na cara de Andrei e a virada pelo Vasco em cima do Palmeiras pela Mercosul.

E não cansado, Romário vai surpreendendo como político, continua com a língua afiada e passa a sensação de que vai tentando fazer o certo.

Foi protagonista máximo em 94, de todas as Copas que tenho a lembrança viva, 90 foi a primeira, não lembro de ninguém com tamanho protagonismo.

Parabéns Peixe!

Neymar entraria na seleção dos melhores que você viu jogar?

neymarpele

Pensando somente nos jogadores que eu vi jogar, fiquei pensando o quanto Neymar entraria nessa lista, se faria parte ou não dessa seleção.

Sou nascido em 1984, praticamente não vi Maradona e Zico jogarem, minhas lembranças são mais distantes de ambos, um em lances isolados pela seleção argentina, o Galinho já esbanjando sua arte pelo Oriente, encantando os japoneses.

Sendo assim, minha seleção dos melhores que vi jogar seria, Ceni, Cafu, Maldini, Gamarra, Roberto Carlos, Pirlo, Djalminha, Zidane, Messi, Ronaldo e Romário. É capaz de ter esquecido de muita gente no meio principalmente, minha defesa e meu ataque não mudarão tão cedo.

E foi aí que percebi o quanto Neymar é novo e genial, ainda parece distante ele roubar a vaga de alguém do trio da frente, mas ao mesmo tempo, parece que nada é impossível.

A sensação que eu fico é de quem ele roubará a vaga, Romário e Ronaldo, e aí, não sei o que faria, porque acho apesar de diferentes, gênios iguais, difícil abrir mão de um, ao que tudo indica, meu time se tornaria kamikaze, pois acho que Djalminha viraria opção de segundo tempo.

E aí, qual a seleção dos melhores que você viu jogar?

E ele já chegou ao topo!

neymar

E Neymar chegou ao pódio.

Com 23 anos, o brasileiro volta a colocar o Brasil entre os principais jogadores do mundo. O último tinha sido Kaká em 2007, inclusive no que Messi e Cristiano disputavam pela primeira vez a coroa. Kaká levou e de lá para cá, ou Messi, ou Cristiano foram ganhando o prêmio.

Neymar rapidamente chega para ser o postulante a tirar a coroa da dupla, não será ainda esse ano, seu companheiro de clube de ficar com sua quinta bola de Ouro. Mas Neymar segue assombrando, principalmente os modinhas por aqui.

Sim, eles que acham legal continuar condenando nossa geração, tratando nossas joias como lixo logo ao primeiro erro, reflexo da nossa sociedade, que não dá condição nenhuma para um jovem e no seu primeiro erro já quer colocá-lo na cadeia.

Nossa geração imediatista que não quer ver um projeto, mas quer a vitória a qualquer custo. Mas para eles, até isso Neymar dobrou, imediatamente já chegou ao topo.

É bom demais ver um craque brasileiro novamente surgindo, depois de uma entressafra, onde aqueles aí sim que eram para ser não vingaram ou ficaram refém das lesões, ou simplesmente não quiseram, Kaká, Ronaldinho, Robinho e Adriano eram a geração pós Rivaldo, Ronaldo e Romário e deveriam ser a anterior a Neymar e cia.

O Brasil ainda é gigante pela própria natureza futebolística e vai colocando mais um membro no topo dessa cadeia.

500 vezes Cristiano Ronaldo!

ronaldo

E ontem Cristiano Ronaldo chegou a 500 gols com 30 anos.

Na verdade, ultrapassou, fez dois e hoje possui 501 gols marcados em sua carreira. A marca em si, já e incrível, provavelmente seu maior rival deva superá-lo. Messi tem 467 e quase dois anos para chegar a essa marca antes do portuga.

Comparando no Brasil, Cristiano só não supera em idade de quando marcou o gol 500, Pelé, Dinamite e Zico. Sendo que Pele atingiu essa marca aos 21 anos, completamente improvável nos tempos atuais.

Cristiano é quase sempre questionado pelo seu jeito marrento, popstar e metrossexual de ser. Porém é inegável suas marcas, já é o maior artilheiro de provavelmente o maior clube do mundo. Sim, nem digo se é o melhor, se mais vencedor, mas a história do Real é gigantesca, portanto, para mim é o maior clube do mundo.

Cristiano é o artilheiro desse time. Com média superior a um gol por jogo, são 323 gols em 305 jogos, de 2009 para cá, a certeza é que em jogo do Real tem gol do CR7.

Sua maior virtude é levar ao extremo a condição de atleta, guardadas as devidas proporções, Ronaldo tem uma obsessão pela condição física tal qual Pelé tinha na sua época. Ambos sabem o quanto o seu corpo é fundamental para que as ideias sejam executadas.

Tanto que Cristiano está mostrando que a curva de auge de um jogador pode ser mudada, se antes o mantra dizia que o auge de um jogador era com 28, o que dizer de Ronaldo que continua em alto nível, já com 30 e sem nenhum perspectiva de diminuir esse ritmo.

No Brasil meus maiores atacantes que vi atuando foram Ronaldo e Romário, não sei o quanto Cristiano está acima ou entre eles, ou abaixo. Não comparo os feitos por seleção, porque uma disputa título sempre, outra é coadjuvante. E mesmo assim, Cristiano já teve atuações incríveis por Portugal.

É difícil ir aceitando a ideia de que ele está acima dos nossos grandes atacantes, mas pelo andar e pelos números parece que quando pendurar as chuteiras será difícil escolher o melhor Ronaldo ou mesmo o melhor Rô!

Precisa de Copa?

Foto: Bao Tailaing / AP Photo

Foto: Bao Tailaing / AP Photo

Hoje saiu o prêmio World Press Photo 2014, na categoria esporte a vencedora foi a imagem acima.

Foto tirada por Bao Tailiang pela AP Photo.

A foto é realmente sensacional, mostra o maior jogador da atualidade contemplando a taça da Copa do Mundo. E aí me veio aquela velha pergunta, realmente para atingir o Olimpo do futebol, o lugar dos deuses, é necessário levar uma Copa?

Messi parece um predestinado a competir com Pelé, Di Stefano, Maradona e Garrincha. Contudo, com exceção de Stefano, todos tem como o maior diferencial, a conquista de uma Copa. Outros jogadores também tiveram atuações glamourosas em Copas, Zidane em 1998, Romário em 1994, essas aquelas que vi.

Assim como também existem os grandes jogadores que não tiveram uma Copa no currículo e ficaram um degrau abaixo dos monstros sagrados do futebol. Zico, Sócrates, Puskas, Platini, Eusébio e Cruyff.

Acho sinceramente que a Copa do Mundo é a cereja do bolo na carreira de um jogador. Contudo, é necessário que o jogador precise jogar em uma seleção de ponta para ter essa chance. Por exemplo, atualmente, Cristiano e Ibrahimovic nunca irão ter essa cereja, então deve ser relevado na hora de qualificar sua trajetória.

Já no caso de Messi, sua seleção é fortíssima. A Argentina sempre tem chance em Copa do Mundo. Portanto, essa obsessão de Lionel é plaúsivel. E ele tem total condição de ir buscar sua cereja do bolo.

Mas e aí, para Messi ser um dos gigantes, chegar ao Olimpo do futebol, ele precisa da cereja?