E aí, cadê o seu camisa 09?

romarioronaldo

Damião, Luis Fabiano, Paolo Guerrero, Henrique, Alecsandro, Fred, Jô, Barcos, Rafael Moura, todos eles representam o famoso centroavante. Jogador de área, finalizador, que tem faro de gol.

Alguns podem até sair mais da área, fazer pivô, mas sua principal função é ser o homem gol do time.

Quando olhamos a relação, vemos Fred e Luis Fabiano como ainda bons nomes e Guerrero e Barcos como outros bons nomes. Agora, se fosse não tivesse um centroavante e precisar contratar, quem além desses quatro, você investiria sem medo?

Os demais da lista estão em grandes clubes, mas não necessariamente são grandes jogadores. Damião é o nosso Fernando Torres, seu futebol sumiu, voltou para várzea ou algo do tipo. O restante, não inspiram confiança.

Tanto é que Galo e Mengo estão atrás de atacantes gringos. O mineiro já fechou com o bom Lucas Pratto, enquanto o Mengo sonda Lucas Barrios.

A pergunta que fica é: acabou o camisa 09?

Eu acho que não, eu acho que ele se reinventou. Guerrero é o exemplo mais próximo do que é o atual 09 no mundo. Lewandowski, Ibrahimovic, Benzema, são os craques dessa função.

Logo, não consigo pensar em nenhum brasileiro. Nem bom, nem apenas atual. O único que me vem em mente é Diego Costa e que simplesmente se naturalizou espanhol e aprendeu a jogar assim lá, não aqui.

O que fica evidente é que a função mudou, mas nós não arrumamos ela na base, nem no profissional, nem em lugar nenhum, apenas vemos e decidimos agora importar centroavante.

Acho um pouco absurdo, o país que se entitula do futebol, importar a principal peça, quem faz gol.

Nada contra Guerreros, Barrios, Barcos e Prattos, mas o Brasil pode abrir as portas para eles jogarem em nossas novas arenas, mas principalmente devemos fabricar esses caras por aqui.

E aí, cadê o seu camisa 09?

Se o campeonato acabasse na 9ª rodada…. (Pitacos)

cruzeiro-lider-web

E dessa vez o campeonato acabou, pelo menos durante o período da Copa.

Podemos dizer que esses 09 jogos foram uma primeira fase, uma prévia, ou apenas 09 jogos do Brasileirão.

Sim, foram apenas 09 jogos, faltam 29 para acabar e acho que pouca coisa na tabela irá mudar. Acho que os candidatos a título e parte de cima da tabela já estão lá. Duvido que outro time figure entre os cinco primeiros, a ordem entre eles pode mudar, mas serão eles no final que estarão no topo da tabela.

Na parte debaixo, o Flamengo terá que fazer muita força para conseguir seu primeiro rebaixamento, tem muito time ruim querendo voltar para a Série B.

O Cruzeiro é o grande favorito, e é bom Fluminense, São Paulo, Corinthians e Inter se reforçarem para que o campeonato tenha graça, se não, Cruzeiro campeão com 29 rodadas de antecedência.

Fluminense e Corinthians já sairam as compras. Elias e Lodeiro chegam no alvinegro e Wellington Nem, Henrique (príncipe do Shrek) e Cícero nas Laranjeiras. Para o Corinthians só falta Mano dar liga para o time, apesar de achar que o time poderia buscar alguém para o ataque, se Mano fizer esse time jogar, dá para ir longe sem precisar desse cara. O time está forte, precisa parar de perder pontos bobos.

Já o Fluminense, contratou um belo trio. O time é forte, Cristovão parece ter conseguido o apoio do elenco e o time mostra uma proposta de jogo interessantíssima. O time tem tudo para ser o principal rival do Cruzeiro na luta pelo título, o que será uma grande ironia, devido a situação que o time poderia estar esse ano.

Já São Paulo e Inter precisam se movimentar. No Colorado, o nome de alguns estrangeiros são ventilados, mas o time precisa de força ofensiva, o time que quer ser campeão, não pode depender dos gols de Rafael Moura e Wellington Paulista. Já Muricy que sempre ganhou título no São Paulo graças aos ferrolhos que montava, encontrou outra realidade no São Paulo e está me surpreendendo pela adaptação.

O São Paulo não tem nenhum jogador de qualidade defensiva. Os zagueiros são medianos e/ou inexperientes. Falta um bom zagueiro ao time e mais um volante para jogar ao lado de Souza, Maicon é bom para compor elenco, não para ser titular. Se arrumar a defesa nesse intervalo, o time chega forte, pois do meio para frente, tem muita gente para resolver.

E vocês, o que acharam dessa prévia-primeirafase-só9jogos do Brasileirão?

Rapidinhas do Camisa 10 – 01.08.2012

Decepção das Américas. O pessoal criticando o Corinthians sobre a possível quebra da Taça Libertadores, mas após uma análise de um médico-legista ficou comprovado que o “bonequinho” que fica no topo da taça cometeu suícidio ao perceber onde tinha ido parar.

Quando a esmola é demais.. Pelo andar da carruagem, o Brasil terá um único rival nessa Olimpíadas, ele mesmo. Com a eliminação da Espanha e o futebolzinho mequetrefe do Uruguay, o Brasil se tornou ainda mais favorito.

Ainda não me agrada. Falando em seleção, Mano convocou a seleção que irá enfrentar a Suécia no amistoso em Agosto. A base é quase toda olímpica, com as inclusões de Dedé, Paulinho, Ramires e Jonas. Gosto dos jogadores, mas não gosto do discurso de Mano que a seleção não pode ter um volante pegador na frente da defesa. Ralf ou Luis Gustavo são os donos dessa posição.

Ah, o reino animal. Ganso novamente sentiu uma lesão e foi poupado do jogo de hoje, o meia do Santos começa ganhar cada vez mais dúvidas sobre ele, contudo, Ganso mostrou inteligência ao buscar apoio sobre como lidar com as lesões. Foi falar com Pato, um especialista em conviver com lesões.

Ajustes na linha de montagem. Por alguns instantes, a Nike ligou o sinal de alerta em sua fábrica. Assim que começou uma avalanche de pedidos dos corintianos, a empresa ficou preocupada em como conseguiria fazer uma camisa tão grande.

Remédio caseiro. Ainda existem algumas boas opções no mercado interno para quem quiser se reforçar, segue aqui uma escalação minha com reforços que ainda não fizeram 07 jogos: Felipe(Fla), Piris (SP), Vicotirno (Cru), Pereira (Ctba), Feltri (Vas); Marcelo Mattos (Bota), Bolatti (Inter), Ramirez (Ctns) e Rafinha (Ctba); Andre (Galo) e Rafael Moura (Flu).

Será que alguém consegue? Agora é a vez do Santos dizer que já tem um contrato pronto e enviado para Riquelme. Depois de recusar Corinthians e Flamengo, qual será a resposta de Riquelme. Em caso de negativa, vou começar a “desconfiar” que o rapaz não tem muita vontade de atuar no Brasil.

Apito fanho… Chega a ser curioso, como nossos árbitros escolhem uma rodada específica para fazer todas as presepadas possíveis, até com 12 em campo um time jogou. Acho que os erros fazem parte, mas que temos que admitir que nossos árbitros são mal preparados, são.

Adriano ou Ronaldo?. Vampeta disse em entrevista que festa boa era as do Ronaldo e do Adriano, os problemas era que na festa do Ronaldo, ele tinha que perguntar toda vez se aquela mulher era mulher mesmo e na do Adriano era conseguir chegar na festa sem tomar uma bala perdida.

Você sabia… que Michael Phelps, maior medalhista da história das Olimpiadas, possui 15 ouros na sua coleção, o mesmo que o Brasil conquistou nos últimos 24 anos de Olimpíadas.

Dúvida da semana. Será que o ouro olímpico salva Mano Menezes?

Pitacos: Rio triste como São Paulo e São Paulo alegre como o Rio…

Galera do blog, ontem a tristeza tomou conta da cidade maravilhosa por causa da Libertadores, enquanto a cidade que não para segue em frente tanto no torneio internacional quanto aqui dentro do Brasil.

No Engenhão, dois tempos muito distintos. No primeiro, o Fluminense foi muito superior ao Boca Juniors, criou diversas chances, mas marcou apenas uma vez com Thiago Carleto. O Fluminense teve todas as chances do mundo para resolver a partida ainda no primeiro tempo, não seria nenhum absurdo o time carioca sair com a vantagem de 3×0 no placar, mas não fez e como diz Muricy a bola pune.

E no segundo tempo, ela resolveu punir realmente. O jogo foi amarrado durante o segundo tempo, muito brigado, o que fez o Fluminense cair de rendimento, enquanto os hermanos melhoraram. Então, a bola resolveu dar uma chance para cada time, e para ser mais justo uma chance para cada centroavante.

Na bola que caiu nos pés de Rafael Moura ao invés de ser o centroavante de sempre, ele quis mostrar classe, dominar a bola limpar o zagueiro, mas na hora de chutar fez tanta coisa que esqueceu como fazia para chutar e chutou errado. Já na chance argentina, o simples foi feito, quando a bola sobrou nos pés de Santiago Silva, ela pouco tempo ficou, El Tanque tratou de chutá-la logo para o gol e eliminar o sonho carioca.

Depois, foi a vez de montar toda a logística para acompanhar São Paulo x Goiás e Corinthians x Vasco.

O jogo no Serra Dourada parecia o roteiro mais previsível entre os três jogos, o time goiano tratou de ir para cima logo no começo do jogo para encontrar seu gol e o São Paulo tentou se fechar (algo que ele não sabe) e buscar os contra ataques.

E o jogo podia ficar complicado quando o Goiás abriu o marcador, mas o gol de Jádson no lance seguinte foi o balde de água fria necessária para acabar com qualquer pretensão dos esmeraldinos.

Dali para frente, foi o jogo com mais clima de amistoso ou jogo de pontos corridos no início, os times queriam vencer, mas sem aquela entrega que um jogo de mata-mata exige. No fim, o jogo terminou 2×2. Para o Goiás, a certeza de que o time terá grandes chances na Série B, é um dos favoritos. Para o São Paulo, a certeza de que a cozinha (defesa) precisa de gente que saiba fazer omeletes (desarmes), e que Jadson aos poucos vai mostrando que sua contratação valeu muito a pena.

Chegou a vez de falar do jogo no Pacaembu. Drama total com requintes de crueldade.

O jogo foi bem melhor daquele da semana passada, ora pela necessidade de vitória nesse jogo, ora pela melhor condição do gramado. E curiosamente, o Vasco foi melhor que o Corinthians durante o jogo, pouca coisa, mas melhor.

O Vasco criou mais chances reais, tanto nas investidas de Eder Luis como nas rebatidas de Cássio. O goleiro que está cheio de moral com a torcida, errou alguns lances que poderiam complicar sua vida, mas salvou a bola mais importante.

Já aos 37 do segundo tempo, em uma sobra de escanteio a bola caiu no pé de Diego Souza que correu sozinho em direção ao gol, mas Diego resolveu fazer o mais difícil, bater colocado baixo em cima de um goleiro de quase dois metros de altura, resultado, chance jogada fora e Cássio com status de herói.

E para completar a festa, aos 42, Paulinho subiu alto e sozinho e testou firme para dar a vitória ao Corinthians e levar o time pela segunda vez na sua história a uma semifinal.

O Corinthians segue firme, mostrou que a “pressão” Libertadores não o afeta mais tanto, o time conseguiu jogar quase 90 minutos precisando do resultado sem perder a cabeça, mas fica claro que o time é forte coletivamente e que não tem aquele cara que possa resolver uma partida amarrada como essa.

Rapidinhas do Camisa 10 – 19.10.2011

Não se esqueça de mostrar qual o seu time do coração! Participe da enquete ao lado!!

Imperador e o seu trono. Segundo o Corinthians, Adriano faltou em dois treinamentos em virtude de um pequeno incômodo, mas precisamente uma diarréia. Será que fazia parte do plano de emagrecimento do Imperador?

Estrategistas verdes. O time do Parque Antartica continua adotando táticas fantásticas, agora decidiram voltar a atrás e tentar conciliar Kléber e Felipão. A tática é tão “inteligente” que muitos já dão como certo o resultado final dela: Felipão no São Paulo e Kléber no Corinthians.

Galo sensível. “Se eu der bronca, não ganhamos de mais ninguém!” frase dita por Cuca, técnico do Atlético-MG. Bom, ainda bem que o time está sendo merecedor de elogios, né?!

O bom filho a casa… O jogo é apenas no dia 30/10, mas o Olímpico promete estar pronto para ver o retorno de seu ilustre filho. Ronaldinho Gaúcho será homenageado pela torcida tricolor, notas de R$ 100 com sua foto já foram confeccionadas, assim como uma faixa com a frase $ PILANTRA $.

Brincadeira de mau gosto. O time feminino sub-17 do Vasco possui uma jogadora chamada Elisa, até poucos dias atrás ela era tratada em campo pelo apelido de Samúdio. Parece que alguém percebeu o quanto a brincadeira era ingrata.

Chororô só na cama quentinha. Na Inglaterra, o treinador do Nottingham Forest resolveu multar os jogadores que publicarem qualquer chororô em suas contas de redes sociais (Twitter, Facebook, etc.). O preço da multa é de R$ 3.000 por palavra escrita. Ainda bem que o Neymar é do Santos.

Toda unanimidade é… Julio Grondona foi reeleito como presidente da AFA, ele recebeu 46 votos dos 46 possíveis. Motivo, não havia outro candidato.

STJD imparcial! Rafael Moura foi suspenso por dois jogos pela cusparada no clássico. Hugo quando jogava no São Paulo em 2007, pelo mesmo ato, foi suspenso por 120 dias. Isso que eu chamo de critério imparcial.

Parabéns pra você!! Parabéns ao Joinville e Ipatinga que já garantiram o acesso a série B. Parabéns a Lusa que praticamente carimbou o passaporte para a Séria A.

Ficou difícil para o Botafogo e para o Grêmio!

Galera, como minha vida pessoal tem tomado meu tempo por completo, estou replicando o texto do Cosme Rímoli sobre o jogo de ontem, do qual compartilho quase que totalmente sobre o comentário. Só discuto um pouco a dinâmica do texto, Cosme enaltece o Goiás como se o Independiente fosse um adversário perigoso, pode até ser, mas ontem jogou como qualquer time inexpressivo.

O rei e o príncipe do Rio de Janeiro não foram dormir nada bem nesta madrugada de quinta-feira. Joel Santana e Renato Gaúcho e grande parte da população brasileira não esperavam pela ótima partida do Goiás.

Na primeira partida das finais da Sul-Americana, o rebaixado no Brasileiro levantou a cabeça. Com muita moral, os comandados de Artur Neto ganharam por 2 a 0 do Independiente. Mesmo com o gigantesco gramado do Serra Dourada molhado, os goianos pressionaram. Encurralaram os argentinos no primeiro tempo. Jogaram com a autoridade de quem deveria estar liderando o futebol do seu país. E não rebaixado com antecedência. Rafael Moura e Otacílio Neto marcaram 2 a 0.

O time brasileiro poderia tem feito pelo menos mais dois gols. A pressão foi incrível. O técnico El Turco estava assustado. Mas seu time não caiu na armadilha de tentar descontar de qualquer maneira. Matreiro, tocou a bola com calma. Ainda mais no segundo tempo quando teve o artilheiro Silvera expulso infantilmente. Com dez jogadores, os argentinos trataram de fazer o que sabem. ‘Mataram’ a partida, catimbaram, fizeram o tempo passar. O Goiás perdeu um pouco de embalo. Diminuiu o ritmo, cansou.

Esse foi um erro. Poderia ter conseguido mais um gol e ir para Avellaneda muito mais confiante. Matreiro, o goleiro Navarro roubou pelo menos uns cinco minutos do jogo. Soube como deixar o tempo passar. Mas não há o que reclamar. O árbitro paraguaio Carlos Torres foi muito bem, mesmo deixando os argentinos tirarem alguns minutos de bola rolando. No final, o placar de 2 a 0 foi justo.

Empolgante, heróico até para um time rebaixado para a Segunda Divisão. E que está pertíssimo da Libertadores da América em 2011. Terá de repetir as façanhas do Uruguai, quando desbancou o Peñarol e em São Paulo, quando eliminou o Palmeiras. Não será fácil. O caldeirão de Avellaneda é terrível.

Mas não há como não abrir um sorriso ao analisar o comportamento da torcida goiana. Emocionante. Exatos 35.500 torcedores fanáticos no Serra Dourada. Esqueceram por uma noite a vergonha do rebaixamento no Brasileiro. Benditos R$ 912 mil de arrecadação… Santo dinheiro para o clube com tanta dificuldade financeira.

Os torcedores testemunharam e empurraram o Goiás para a maior vitória de sua história. Nunca o time chegou tão longe em uma competição internacional. Quem assistiu ao jogo não teve como não torcer pelo Goiás. Se tivesse 10% da organização tática e vontade de jogar que teve ontem o time não seria rebaixado. Mas isso cabe a Leão, Jorginho e Jorginho explicarem… Artur Neto fez o básico e conseguiu o maior feito do clube desde que foi fundado. Que venham os argentinos e seu caldeirão na próxima quarta-feira…

O Goiás parece pronto para o que ninguém esperava. Os palmeirenses podem dormir um pouco menos envergonhados. Em compensação… O rei e o príncipe do Rio de Janeiro estão mais tensos do que nunca. Graças ao rebaixado Goiás, podem duelar no domingo por nada…