Rapidinhas do Camisa 10 – 06.06.2012

Enfim, a Galoucura. Parece que Kalil resolveu fazer valer o nome da principal torcida organizada do Atlético-MG, de uma leva só trouxe Jô e Ronaldinho Gaúcho, a dúvida é se Kalil sabe mesmo o que está fazendo com o seu querido ou clube, ou se ele resolveu investir na vida noturna de Belo Horizonte e trouxe potenciais usuários.

O problema do querer. Ainda falando sobre o Gaúcho, o jogador pode atuar centralizado no 4-2-3-1 ou aberto na esquerda como atacante em um 4-4-2 a moda inglesa com wingers. Pelo estilo de jogo do Galo e de Ronaldinho aposto que a segunda opção seria mais favorável. O problema é saber se ele vai querer jogar.

O famoso noves fora. O Corinthians está com um problema crônico com a camisa 09, além de ter que aceitar pagar uma multa para Adriano para se livrar de vez desse problema, agora é a vez do clube ficar indeciso sobre qual decisão tomar sobre Liédson. A dúvida é, age racionalmente e não renova o contrato com o atacante, ou age com emoção e faz uma proposta de renovação pelo atacante “sem cartilagem”.

Copa do Mundo sem o trio sulamericano. Vai começar a Eurocopa, entre Alemanha, Espanha e Holanda como favoritos, fiquem de olho na França. A seleção chega tinindo para a competição, enquanto alguns parecem ainda se encontrar, e em uma competição de tiro curto, chegar tinindo é fundamental.

Craques das crianças. Em mais uma dessas pesquisas, foi feito um levantamento dos craques dos grandes clubes dos últimos dez anos. Vejam os eleitos: Conca (Flu), Romário (Vasco), Petkovic (Fla), Loco Abreu (Bota), Marcos (Pal), Ceni (SP), Ronaldo (Cor), Neymar (San), Alex (Cru) e Fernandão (Inter). A pesquisa foi restrita a esses dez times.

O jeito é fingir que joga. O Flamengo parece que conseguirá economizar um “dinheirinho” daqui pra frente, a idéia é conseguir pagar a classificação para a Libertadores que está em atraso. Será que pode descontar o vexame da eliminação precoce?

Falando em pindaíba No co-irmão Vasco a situação é tão assustadora quanto no Flamengo. O time pode perder de uma vez só Renato Silva, Felipe Bastos e Edér Luís, todos em fim de contrato e o clube sem um centavo no bolso para ao menos negociar a renovação dos empréstimos.

Pouco futebol mesmo Mano falou, falou e não disse nada sobre a derrota para o México. Além da batata dele, Danilo, Juan, Sandro e Damião precisam também acordar, estão jogando fora suas chances de conquistarem um espaço na amarelinha sem sal.

Promessa é dívida Após eliminar o Barcelona, o volante Ramires havia prometido que caso o time fosse campeão, iria gravar uma versão de Para a nossa alegria com ele cantando. Ramires, só para eu lembrar, quem foi campeão da Champions mesmo? Cadê o vídeo?

Estão acabando as opções. Com Ronaldinho no Galo, Seedorf no Botafogo e Ganso assinando um novo contrato pelo Santos, resta para o Corinthians apenas Robinho, Pato, Kaká e Forlan. Pensando bem, resta só o Pato, ou melhor chegou o Romarinho, vai.

Só para não dizer que disse Enquanto o Galo decidiu comprar alguns medalhões para montar o time, o rival está contratando de atacado, sinceramente perdi as contas de quantos jogadores o Cruzeiro trouxe para este campeonato brasileiro, a minha dúvida qual estratégia dará mais errado, trazer um monte em cima da hora, ou trazer errado em cima da hora?

Dúvida da semana. Qual cidade está melhor preparada? Barueri, para sobreviver a Jóbson e Paraíba ou Belo Horizonte para superar Ronaldinho e Jô?

Anúncios

Pitacos: Flamengo 1×1 Corinthians

Galera do blog, ontem acompanhei boa parte de América-MG 2×4 Internacional, e vi o VT do jogo entre Flamengo e Corinthians. Apesar do jogo entre o Coelho e o Colorado ter sido um pouco mais divertido, foi comentar minhas percepções sobre o jogo do Flamengo.

A partida marcava a despedida de Petkovic, e o Corinthians tentou aproveitar esse clima de festa logo no início para abrir o marcador, pressionou nos minutos iniciais e chegou ao gol aos 18 minutos com William. Weldinho que estreou na lateral direita, fez um bom jogo e parece pronto para ser titular da lateral no Corinthians, já que Alessandro joga “uma” partida por mês e Moradei e Moacir assustam.

Voltando ao jogo, após o gol a postura dos dois times mudaram, o Corinthians e o seu “Titês dominante” começou o processo de “retrancabilidade” que lhe é imposto, enquanto o Flamengo percebeu que a festa tinha acabado e que era hora de ir para o jogo. Neste momento, ficou claro como os dois times são parecidos, estão bem organizados, mas não possuem nenhum poder ofensivo, dificilmente veremos esses times com aquele apetite ofensivo.

Tanto é que o Flamengo chegou ao seu gol apenas na bola parada, em ótima cobrança de Renato aos 41 do primeiro tempo. Depois disso, restava apenas deixar o primeiro tempo acabar e deixar Petkovic fazer sua festa de despedida. Merecidissima, Petkovic se deu muito bem com a camisa do Flamengo.

Na volta do segundo tempo, Negueba entrou no lugar de Pet, na expectativa de melhorar a velocidade do time, contudo ele quase marcou um gol de cabeça no escanteio, o Corinthians respondeu na mesma moeda com Liédson, porém no desenrolar da jogada Felipe e Liédson trombaram e sobrou o pior para Liédson que teve que ser substituído logo em seguida. Um parentêses aqui, nada me tira da cabeça que Felipe fez de propósito no lance, não com a intenção de machucar Liédson, mas de cavar uma falta a seu favor.

Bom, voltando a partida, foi a vez do “querido” Tite aparecer, seu time está empatando fora de casa, mas você está jogando de igual para igual, inclusive criando as melhores chances, seu atacante se machuca e você coloca Edenílson, um volanta, vindo do Caxias, a chance dele ser um volanta ao melhor estilo Galeano é enorme. Não quero crucificar o menino, mas a entrada dele, fez o futebol do Corinthians sumir no segundo tempo.

O jogo ficou lento, apenas Negueba parecia fora desse “Slow Motion”, mas era insuficiente para criar reais chances de gol, Tite continuou com suas ótimas substituições trocando sono por mais sono e o jogo foi assim até o final.

Pelo Flamengo, acho que Diego Maurício mereça ser o titular do ataque, tem mais força física e presença de área, Vanderley é uma espécie de talismã tem que entrar durante o jogo. Quanto ao Gaúcho, entrou na vala comum, as pessoas ainda esperam dele uma grande atuação, mas ele se tornou apenas um bom jogador, alguns dias mais inspirados e outros dias menos. Se tirarmos a responsabilidade dele em ser Ronaldinho Gaúcho, ele tem feito boas partidas.

Pelo Corinthians, a chegade Alex e Emerson ganhando ritmo de jogo parecem fechar o time, o Corinthians estará sempre entre os primeiros, mesmo com suas substituições mirabolantes. Vai ver ele está certo, e o resto errado.

Fim de semana ruim para os tricolores…

Galera do blog mais querido, ontem aconteceram vários clássicos e alguns jogos complementares. Assisti a vários deles, dois ao vivo e mais um pelo VT e outro pelos melhores momentos, seguem meus comentários:

Corinthians 1 x 0 Palmeiras: O Corinthians venceu a partida jogando com um menos o jogo inteiro, encerrou um jejum que durava mais de 03 anos e virou o líder do campeonato. Tudo isso com um gol de cabeça do “baixinho” Jorge Henrique, que junto com Felipe foram os melhores em campo.

Durante a partida ficou claro uma coisa, o Muricy nunca consegue ganhar uma partida com um a menos, o Palmeiras teve 65% de posse de bola, mas as poucas chances criadas encontraram Felipe inspiradíssimo. Ainda pelo lado alviverde, me assustou o nervosismo de Armero, da mesma forma que Edinho surpreendeu fazendo uma boa partida. Pelo lado alvinegro, como já disse Jorge Henrique foi o melhor em campo para mim, aliás eu o considero o jogador mais importante do time, enquanto Roberto Carlos fez papelão, e nos poucos 08 minutos que jogou, errou passe, falhou na marcação e ainda foi expulso justamente.

Sertãozinho 2 x 2 São Paulo: O tricolor continua jogando mal e contando com a sorte, ontem o time empatou com um gol no final da partida. Pelo Sertãozinho, Thiago Silvy e Mendes marcaram, enquanto Léo Lima e Wagner (contra) marcaram pelo São Paulo.

O São Paulo foi para Ribeirão Preto com um time misto, mas que no papel poderia dar bom resultado, porém o que se viu foi um time apático. Essa apatia em muito se deve a Hernanes que estava adormecido ontem e Léo Lima que vive dormindo em campo. Aliado a isso, a defesa tinha Andrè Luis e Renato Silva, só isso já bastava para o Sertãozinho sair vencedor. Gostei muito do Carlinhos Paraíba joga parecido ao Richarlyson, porém com disciplina tática e as entradas de Sergio Motta e Jorge Wagner melhoraram o time.

Internacional 1 x 0 Grêmio: Grande jogo, aguerrido como deve ser um Gre-Nal e como sempre decidido no detalhe, com um gol do sempre contestado Alecsandro, o Inter venceu o primeiro Gre-Nal do ano. Fica a certeza que o Rio Grande do Sul possui 02 dos 06 melhores times do Brasil.

Durante a partida, grande destaque para os laterais de ambos os times, Nei e Kléber do lado colorado e Lúcio e Joílson pelo lado tricolor. Foi pelas pontas que o jogo pegou fogo, os dois times abusavam das jogadas pelos flancos fazendo seus laterais correrem muito. Os dois times criaram muito, talvez o Grêmio um pouco mais, mas pecava muito nas finalizações, enquanto do lado vermelho, as chances eram sempre perigosas e exigiram mais esforço do Victor para defender. No final, resta ao Inter segue firme no projeto com a certeza de estar no caminho certo e para o Grêmio o mesmo recado, o tricolor não pode deixar essa derrota desestabilizar a casa.

Fluminense 3 x 5 Flamengo: O clássico carioca acompanhei apenas os melhores momentos, do lado tricolor Alan, Conca e Cássio anotaram seus gols, enquanto Adriano (3), Vagner Love e Kleberson marcaram na vitória rubro-negra.

Pelo que deu para entender, foram dois jogos, no primeiro tempo um passeio tricolor que acabou saindo barato para o Flamengo sair para o intervalo perdendo por “apenas” 3×1. Veio o segundo tempo e aí foi a vez do Flamengo passear em campo e marcar quatro gols e virar o jogo que parecia certo para o Fluminense. De resumo, fica a sensação de dois bons times do meio para frente, mas que são fracos na defesa. Nota negativa da partida foi a desavença entre Petkovic e o vice presidente Marcos Braz no intervalo e pode ter determinado o fim do ciclo Petkovic no Flamengo.

Craques do Brasileirão 2009!!

Depois de toda a festa, nem deu tempo dos jogadores flamenguistas curarem da ressaca e já estava todo mundo pronto para receber os prêmios “Craque do Brasileirão”. Vejam os vencedores:

Goleiro: Victor (Grêmio)
Lat. Direito: Jonathan (Cruzeiro)
Zag. Direito: André Dias (São Paulo)
Zag. Esquerdo: Miranda (São Paulo)
Lat. Esquerdo: Julio Cesar (Goiás)
Volante Direito: Guinazu (Internacional)
Volante Esquerdo: Hernanes (São Paulo)
Meia Direita: Diego Souza (Palmeiras)
Meia Esquerda: Petkovic (Flamengo)
Primeiro Atacante: Diego Tardelli (Atlético-MG)
Segundo Atacante: Adriano Imperador (Flamengo)

Técnico: Andrade (Flamengo)
Revelação: Fernandinho (Barueri)
Craque da Galera: Conca (Fluminense)

Em resumo, me surpreendeu positivamente a lista, acreditava que haveria mais politicagem e mais jogadores do time campeão, até porque era o time com o maior número de indicados. Mas no final, no time eleito, o São Paulo teve 100% de aproveitamento, seu três jogadores que disputaram ganharam a vaga e tornaram o time tricolor o com maior número de representantes. De qualquer forma, entendo o prêmio para Andrade, mas também não seria nenhum um pouco ruim se ele estivesse na mão do Silas, o meu preferido. Quanto a opção do árbitro, prefiro não comentar…

Pitacos da última rodada do Brasileirão 2009

Que festa linda, a torcida rubro-negra fez!!

É Galera, o campeonato acabou, o mais emocionante campeonato dos últimos tempos, teve talvez a rodada mais previsível de todas. De qualquer jeito, com ela o Flamengo se sagrou campeão brasileiro (segundo a CBF, é o quinto título do clube) de forma merecida, até porque na minha opinião merece o título quem fez mais pontos. Eu parabenizo Petkovic, Adriano e principalmente Andrade pelo título rubro-negro, na minha opinião, o último é o principal responsável, fazia tempo que o Flamengo não investia em alguém que conhece o peso da camisa. Vamos aos pitacos da rodada:

Flamengo(1º) 2 x 1 Grêmio(8º): Não foi fácil, contrariando o que muitos acharam, o time reserva do Grêmio deu muito trabalho ao rubro-negro, ao ponto de por quase 70 minutos o título ficar nas mãos do Inter. De qualquer forma, a dupla de zaga, marcou os dois gols e fez explodir a festa dentro do Maraca. Pelo tricolor gaúcho, restou saber que terminou a competição como o melhor ataque com 67 gols.

São Paulo(3º) 4 x 0 Sport(20º): O São Paulo fez a sua parte e detonou o time pernambucano. Washington marcou três gols e a torcida entoou o famoso “Fica” dentro do Morumbi. Eu não estava lá, mas pode incluir o meu grito nessa torcida. Mais uma vez, o São Paulo termina o campeonato com a melhor defesa, o time sofreu apenas 42 gols, e mais uma vez termina como o melhor paulista da tabela. Do lado pernambucano, apenas pensar como será 2010 é o consolo.

Internacional(2º) 4 x 1 Santo André(18º): Assim como no Morumbi, no Beira-Rio também foi feita a parte que cabia ao time interessado no título, tanto que por muitos minutos nesta última rodada, o time era o campeão virtual. De qualquer jeito, de consolo fica a classificação na Libertadores conseguida no final do camopeonato de forma convicentem resta agora definir quem será o treinador na temporada de 2010, para o bem dos colorados, torço para que não seja Luxemburgo.

Botafogo(16º) 2 x 1 Palmeiras(5º): Como eu havia anunciado desde muito tempo, o Palmeiras não vai a Libertadores. Na minha opinião, o time durou muito ainda, era para ter saído há muito tempo, mas no final tudo se resolveu. Isso tudo é culpa, exclusiva de Luxemburgo que nos últimos anos, por onde passou só trouxe bons atacantes, pois se lucra mais com a venda deles e não com zagueiros. Pelo Botafogo, a salvação na última rodada, o time precisa pensar de maneira grande para o ano que vem, mas já começou errado, sua promessa Jobson já mudou de ares e jogará pelo Cruzeiro.

Santos(12º) 1 x 2 Cruzeiro(4º): Aliás, o Cruzeiro já sabe que valeu a pena contratar Jobson, o atacante classificou o time para a Libertadores. Outra ironia, o gol da vitória foi de Kleber Gladiador. Além do nosso “querido” Luxa no banco adversário. Com a classificação do Cruzeiro, o Brasil vai bem representado com força total para a Libertadores, do lado santista é esperar 2010 que vem com diretoria nova e com o maior reforço do time, a certeza que Luxemburgo não continua no Santos.

Coritiba(17º) 1 x 1 Fluminense(15º): O jogo mais tenso do campeonato, terminou com um empate que salvou a heróica campanha tricolor e derrubou o forte time do Coritiba no ano do centenário do clube. Como já disse aqui inúmeras vezes, o time paranaense não merecia a segunda divisão, o time é muito superior a outros times.

Vitória(13º) 2 x 2 Goiás(9º): Em um jogo movimentado, o Vitória empatou e jogou pelo ralo a chance de disputar a Sulamericana. Pelo esmeraldino, a certeza que o time podia ter feito campanha melhor, mas sua sindrome de Robin Hood atrapalhou suas pretensões.

Barueri(11º) 0 x 0 Atlético-PR(14º): O Barueri jogou fora a chance de ter o artilheiro do campeonato, bastava Val Baiano guardar uma bolinha na rede. De qualquer forma, o Abelhão encerra o campeonato com a sensação de objetivo superado, resta agora saber se o planejamento que tanto deu certo na curta história do clube, sobreviverá no próximo ano, já que o time promete ser inteiramente desmontado.

Naútico(19º) 0 x 1 Avaí(6º): No sábado, o time catarinense encerrou com chave de ouro sua campanha no Brasileirão, e terminou com o incrível sexto lugar, assim como o time do Barueri, resta ao Avaí remontar o time após o “redemoinho” de final de ano que levará vários jogadores do time.

Atlético-MG(7º) 0 x 3 Corinthians(10º): Para fechar, esse jogo que foi o resumo de tão louco que foi esse Brasileirão. O meu Galo querido, que era favorito ao título, tomou um sapeca de 3×0 de um time que abdicou totalmente do campeonato, com gols de Souza e Bill, segundo que um dos gols de Souza, foi um golaço. Além de Tardelli, perder um pênalti.
Barueri(

Mais especulações do mercado da bola!!

Galera, o defunto (Brasileirão) nem esfriou e já começou a dança de cadeiras, reuni algumas informações de alguns times que consegui que seguem abaixo, procurei montar qual é o time ideal que o clube deseja e em que pés estão as coisas, vamos lá:

Time sonhado – Ceni, Breno, A.Dias e Miranda, Vitor, Jean, Hernanes, Conca e Jorge Wagner, Fernandinho e Fernandâo – O meu querido tricolor quer reforçar bem o elenco para a Liberta 2010, das possíveis perdas, apenas Hugo e Borges são dados como certo, o restante agora é passível de negociação (leia-se redução de salário). Sobre as contratações, Breno começou a ser cogitado já que o time alemão tem interesse em Dagoberto; Vitor e Conca são utopias que estão na mira do tricolor, mas que dificilmente sairão do clube. Os demais possuem acerto verbal com a diretoria. Além deles, Marcelinho Paraíba, Carlinhos Paraíba e André Luiz já são dados como certo no tricolor. Caso se concretize essas especulações, o São Paulo precisa sair a caça de um lateral direito pelo menos razoável, especula-se que Wagner Diniz possa voltar.

Time sonhado – Dida, Alessandro, Chicão, William e R. Carlos, Cristian, Elias e Riquelme, Defederico, Jorge Henrique e Ronaldo – Do lado corintiano, os desejos de Sanchez para montar um grande time para 2010 seguem extraordinários, na terça(01/12) Roberto Carlos confirmou que será jogador do Corinthians, Breno também está sendo sondado pelo alvinegro de Parque São Jorge, a novela Riquelme segue sem nenhum sinal do capítulo final, a sondagem pelo retorno de Cristian existe, mas será bem dificultada pelo time turco. Quanto ao goleiro Dida, o que antes era bem próximo do real, hoje beira o impossível,
Dida tem a confiança de Leonardo e pelo jeito não sairá tão cedo do San Siro. De qualquer forma, o Corinthians vai montando um time muito forte para 2010 no papel, porém é fundamental que caso Riquelme não apareça, alguém faça essa função no meio de campo.

Time sonhado – Bruno, Léo Moura, Alvaro, Angelim e Juan, Maldonado, Airton, Willians e Petkovic, Jobson e Imperador – O possível campeão Brasileiro já começa a sentir os efeitos da campanha vitoriosa, os clubes italianos estão dispostos a seduzir o atacante, a princípio parece que o negócio dele é ficar por aqui na sua querida Vila Cruzeiro. O rubro-negro também terá dificuldade para manter Zé Roberto. Além dele, Willians e Denis Marques começam a preparar as malas para a partida, o segundo vai tarde, o primeiro fará falta. Acima de tudo, o Flamengo precisa compor elenco, é fato que Andrade encontrou a forma para o time jogar, mas se faz necessário encontrar peças de reposição, visto que hoje o Flamengo possui apenas 13 jogadores do mesmo nível no elenco. O interesse por Jobson surge e apesar da diretoria negar, o jogador cairia como uma luva ao time.

Time Sonhado – Victor, Mario Fernandez, Rever, Rafael Marquez e Lucio, Rochemback, Tinga, Souza e Hugo, Maxi Lopéz e Jonas – O time gremista irá também passar por uma boa reformulação do elenco, a começar pelo comando, Silas está perto de ser anunciado como o novo treinador gaúcho e junto dele o preparador físico Paulo Paixão. Além disso, o time pretende rechear o elenco, além de confiar muito nos meninos Adilson, Maylson, William Magrão e Douglas Costa, que aliás merecem toda a confiança, pois são excelentes jogadores. O Grêmio quer montar um time competitivo rápido, para entrar com força máxima nessa Copa do Brasil, e garantir logo sua vaga na Libertadores de 2011, sua maior perda pode ser Maxi Lopéz, diante disso o Grêmio precisa de algumas peças mais experientes, de preferência que possuam liderança frente ao grupo, Èmerson é um nome que agrada ao clube, mas as definições só sairão após a chegada do treinador.

Amanhã trago as especulações de Palmeiras, Fluminense, Atlético-MG e Internacional.

Fiquem com a melhor frase do ano: “Ainda tem o Robinho, que pode jogar em um circo, mas não é um jogador coletivo” – afirmou Beckenbauer ao diário inglês “Daily Express”.
Se eu gostava dele como jogador, agora sou fã incondicional do cara…