Porque não te calas Dunga?

f1e973_826053145b214b4eab62e9ddfed59a1b

Assim como o Rei da Espanha solicitou a Hugo Chavez, seria de bom grado solicitar isso a Dunga.

O nosso anão mais querido, parece não conseguir se conter na cadeira, ficar um pouco em silêncio, estudar mais ou qualquer outra coisa que o transforme em um treinador.

Provavelmente após ver a lista dos candidatos a Bola de Ouro, ele dispara “Não temos jogadores de ponta, que decidem!”.

Joga toda a safra de jogadores atuais no lixo, terá que olhar na cara de todos os atletas que irá convocar e conviver com o olhar de quem diminuiu os talentos ali existentes.

E a pergunta que fica é, o Brasil realmente não tem jogadores que decidam?

Neymar, acho até chover no molhado, portanto pulo ele. Vou comentar outros, mesmo que não queira um ou outro entre os convocados.

Coutinho, tem decidido muito pelo Liverpool, muito. Oscar e William são peças fundamentais no Chelsea.
Douglas Costa surge como uma peça incrível no Bayern, decidindo com assistências e/ou gols nesse início avassalador do gigante alemão, ninguém sente falta de Robben ou Ribery. Hulk vai sendo o protagonista do modesto Zenit.

Fora isso, se olharmos para a atual campeã, não é um time que se caracteriza por ter um jogador que decida. Mesmo Muller não é o cara, é um ótimo jogador dentro do elenco.

Dunga precisa entender que para alguém decidir, aparecer, um esquema definido precisa ser feito, coletividade precisa ser dada ao time, usar as melhores peças, aproveitar alguns entrosamentos já existentes. Gostar de futebol, gostar de vitória é outra coisa. Gostar dos dois é ótimo.

Dunga, o Brasil ainda não tem jogador para decidir, porque ainda precisa de técnico.

A Lista de 59 jogadores do Ballon D’or!

f1bcf

E saiu uma lista de 59 jogadores indicados para o prêmio Balon D’or da Fifa!

São 59 atletas distribuidos por 25 países. 13 da Europa (28), 6 da América do Sul (22), 2 Ásia (2), 2 da África (4), 1 da América do Norte (2) e 1 da Oceania (1).

Argentina com 6 jogadores lidera as indicações, seguido de Chile e Espanha com 5 cada.

Logicamente, todo mundo sabe que a disputa será entre CR7, Messi e mais um. Porém é interessante ver como evolui a lista, que passará a ter 23 nomes, para depois dez e por fim os três finalistas.

Fica claro também algumas questões políticas como a indicação de Luongo do QPR para ter alguém da Oceania, assim como os dois asiáticos.

Nosso país está mandando 3 jogadores nessa lista, Coutinho, Neymar e William. Para mim, incluindo Marcelo, formam as melhores peças de uma seleção brasileira.

Fiz o exercício de montar minha seleção do mundo com os indicados, confira:
Neuer, Sergio Ramos, Chiellini, Otamenti, Alaba, Kroos, Rakitic , Neymar, Messi, Hazard, Crisitano Ronaldo.

Nesse exercício, constatei que a defesa é uma piada, improvisei Sergio na direita, já que ele começou lá, mas tive a certeza de que não indicaria nunca Otamendi e Chiellini.
Percebi que faltou Godin, Varane, Hummels, enquanto sobraram Otamendi, Ospina, Medel, Morata, Luongo.

Confira a lista
ALEMANHA: Kroos (Real Madrid), Müller (Bayern), Neuer (Bayern).
ARGENTINA: Agüero (City), Mascherano (Barcelona), Messi (Barcelona), Otamendi (Valencia-City), Pastore (PSG), Tévez (Juventus-Boca).
AUSTRALIA: Luongo (QPR).
AUSTRIA: Alaba (Bayern).
BÉLGICA: Courtois (Chelsea), De Bruyne (Wolfsburg-Manchester City), Hazard (Chelsea).
BRASIL: Coutinho (Liverpool), Neymar (Barcelona), Willian (Chelsea).
CHILE: Bravo (Barcelona), Medel (Inter), Alexis Sánchez (Arsenal), Vargas (QPR-Hoffenheim), Vidal (Juventus-Bayern).
COLOMBIA: Bacca (Sevilla-Milan), Jackson Martínez (Porto-Atlético Madrid), Ospina (Arsenal), James Rodríguez (Real Madrid).
COREIA DO SUL: Son (Leverkusen-Tottenham).
COSTA DO MARFIM: Bony (Swansea-Manchester City), Touré Yaya (Manchester City).
CROACIA: Modric (Real Madrid), Rakitic (Barcelona).
ESPANHA: Diego Costa (Chelsea), De Gea (Manchester United), Iniesta(Barcelona), Morata (Juventus), Sergio Ramos (Real Madrid).
FRANCÊS: Benzema (Real Madrid), Griezmann (Atlético Madrid), Lacazette (Lyon), Pogba (Juventus).
GALES: Bale (Real Madrid).
GANA: Atsu (Everton-Bournemouth), Ayew (Marseile-Swansea).
HOLANDA: Depay (PSV-Manchester United), Robben (Bayern).
INGLATERRA: Kane (Tottenham), Rooney (Manchester United).
ITALIA: Chiellini (Juventus), Pirlo (Juventus-New York City).
JAPÃO: Ozakazi (Leicester City).
MÉXICO: Giovani dos Santos (Villarreal-LA Galaxy), Guardado (PSV).
PERÚ: Guerrero (Corinthians-Flamengo).
POLONIA: Lewandowski (Bayern).
PORTUGAL: Cristiano Ronaldo (Real Madrid).
SUECIA: Ibrahimovic (PSG).
URUGUAI: Cavani (PSG), Sánchez (River Plate), Luis Suárez (Barcelona).

E aí, gostaram?

Os melhores da Copa para o Cadê Meu Camisa 10!

SeleçaoCMC10

 

Navas, Lahm, Vlaar, Sakho, Blind, Mascherano, Kroos, Messi, James, Robben, Muller.

Essa seria a minha seleção da Copa. Sei que sempre deve-se esperar o resultado das partidas a seguir, mas não acho que alguém possa mudar o histórico dos demais 6 jogos. Talvez, só Hummels consiga cavar uma vaga no lugar de Sakho.

Dentre os candidatos a Bola de Ouro, 7 da minha seleção disputam o prêmio. Lahm, Mascherano, Kroos, Messi, James, Robben e Muller somam-se a Di Maria, Hummels e Neymar na disputa. 

No gol, foi uma escolha difícil. Tivemos muitos goleiros com histórias incríveis durante a Copa. Howard (EUA), Enyeama (NIG), Julio Cesar (BRA), Ochoa (MEX), M’Bolhi (ARG) e até o monstro Neuer (ALE), mas como não teria ninguém da principal surpresa, achei justo colocar Navas na seleção, não só pela sua atuação, mas por colocar na seleção alguém da sensação Costa Rica.

Na defesa foi relativamente fácil. Não tive quase nenhuma dúvida sobre minhas escolhas, mas vale fazer uma ressalva, ou quase uma defesa reserva, aqueles jogadores que também tiveram destaque, Johnson (EUA), Hummels (ALE), David Luiz (BRA) e Rojo (ARG). 

Na dupla de volantes, Mascherano e Kroos foram soberanos, um pelo aspecto defensivo e outro pela construção e condução de sua seleção. Mascherano e Kroos são peças-chaves no sucesso de suas seleções. Pogba foi o único que foi bem, bem demais até, o jovem francês, mas não fez frente a eles.

Nos 4 homens de frente, assim como na dupla de volantes, não tive nenhuma dúvida, James, Robben, Messi e Muller foram os maiorais nessa Copa, acho impossível a Bola de Ouro não ficar com esse quarteto. Neymar, Benzema, Origi (BEL) e Slimani (ARG) foram outros que gostei durante a Copa, mas longe de roubarem a titularidade do quarteto acima.

E para vocês, quem foram os melhores?

 

 

4 times, 4 possibilidades e uma taça…

Galerinha, sobraram apenas 4 times.

10 títulos e 11 vice-campeonatos. E finais que poderemos desfrutar duelos interessantíssimos.

Holanda x Alemanha

Será a primeira vez na história que uma seleção européia triunfará fora do continente europeu. Além de ser o duelo entre os 4 finalistas que estão melhor tratando a redonda. Robben enfrentará uma legião de companheiros que jogam com ele no Bayern, correndo o risco até de receber uma bola bem enfiada por Kroos ou ele cruzar uma bola na cabeça de Müller.

Alemanha x Argentina

A Alemanha será Brasil na final mesmo que dias atrás tenha eliminado a seleção canarinha. Poderá ser a consagração de Messi no Olimpo dos grandes jogadores, porque terá ganhado uma Copa sendo decisivo para a sua seleção em todos os jogos.

Brasil x Holanda

Duelo frequente na história recente do futebol. Cruzamos os holandeses em 94, 98 e 2010. Sneijder e Robben irão reencontrar Julio Cesar, mas dessa vez De Jong e Felipe Melo assistirão pela TV. Faísca mesmo será do lado de fora, Van Gaal e Felipão precisarão ser separados por um cordão de isolamento. É declarado o ódio de Felipão por Van Gaal, da mesma forma que Van Gaal não gosta de brasileiros.

E por fim,

Brasil x Argentina…. Brasil x Argentina… Precisa alguma descrição sobre isso.

 

Crédiitos do vídeo: Ramon Ribeiro

Rapidinhas do Camisa 10 – 20.06.2012

Entendeu o recado e solução internacional. Luis Fabiano mostrou no fim de semana que entendeu o recado, parou de tomar cartões amarelos e passou a tomar cartões vermelhos. A diretoria assistindo a Eurocopa após o gol do Balotelli, já encontrou a solução, o elenco se revezará para ”tapar” a boca do artilheiro quando ele pensar em falar.

Dessa vez, ele está certo. Falando em Balotelli, depois do gol todo mundo acreditou que ele fosse reclamar do técnico, só que após leitura labial ficou comprovado que o recado era para os estúpidos racistas que ainda povoam o mundo. Balotelli, faça apenas gols que eles sempre serão a melhor resposta.

Destaques apenas individuais. Após toda a primeira fase da Eurocopa, não tivemos nenhuma zebra, mas curiosamente os jogadores que mais se destacaram não foram para a próxima fase. Modric, pela Croácia, Dzagoev pela Rússia, Ibrahimovic da Suécia e a reaparecimento de Shevchenko foram na minha opinião os melhores jogadores dessa primeira fase.

Quanta sabedoria!! Durante o jogo entre São Paulo e Coritiba pela Copa do Brasil, Muller (comentarista da Sportv) resolveu tornar o jogo um pouco mais interessante. Primeiro ele afirmou “Mesmo com um jogador a mais, o Coritiba está melhor na partida”, depois veio “A única jogada de perigo do São Paulo foi duas” e para terminar veio “O legal do Lucas é que ele foi ao banco de sangue e doou do próprio sangue”. Quanta inspiração.

Rumo a terceira… O Barueri trouxe Jobson, Paraiba e Ronaldo Angelim e o time está voando na Série B: 06 jogos, 02 empates, 04 derrotas e a lanterna da competição.

Sábias palavras. “O réveillon chegou mais cedo aqui. Nesse frio, tantas mulheres querendo tomar um bom vinho, mas tem gente que prefere ser idiota” (frase dita por Emerson Sheik sobre o foguetório na porta do hotel na partida de ida da Libertadores). Sheik foi tão perfeito na frase quanto no belo gol.

Ironia dos deuses do futebol… Os deuses do futebol gostam de aprontar e escolhem como principal vítima, o país que detém a alcunha de o berço do futebol seja para o bem ou para o mal. Depois das Copas de 66, 86 e 2010, ontem a Inglaterra teve um gol anulado para a Ucrânia em um bola que entrou, mas o juiz não viu. No fim 2×2 em ajudas e castigos.

É o que tem para hoje. O ex-presidente Andrés Sanchez deixou o clube e também levou a grana do time como ele já antecipou várias receitas. O ‘bando de loucos’ deve se preparar: nenhum grande reforço vai pintar para a disputa do Brasileirão depois da Libertadores. Não há dinheiro.

Tem que ter estômago para ver. Uma das cenas mais chocantes do futebol aconteceu na Liga Européia de futebol de areia. A cena é entre Portugal e Espanha, apesar de parecer um lance casual, vocês verão que a imagem é muito forte e a consequência foi muito maior. Veja aqui.

Enfim, terá que parar de ser Peter Pan O Flamengo enfim tomou uma atitude mais correta com relação a Adriano. Ao invés de ficar bajulando e indo atrás do jogador, informou a ele que o CT está disponível para o tratamento da lesão, mas o interesse é dele Adriano, não do Flamengo, para jogar precisa estar recuperado, simples assim.

Balcão de negócios. Ao que tudo indica, Roger e Loco Abreu estão disponíveis no mercado. O primeiro já rescindiu com o Cruzeiro, o segundo já disse claramente que o esquema adotado por Oswaldo não tem espaço para ele, portanto quer sair. Olhando para o mercado, São Paulo podia trazer o chinelinho mineiro e o Corinthians o atacante que falta com direito a slogan pronto. O Loco para o bando.

Dúvida da semana. Quem é mais chiliquenta, Luis Fabiano, Mario Balotelli, David Nalbadian ou Chayene?

Para uns falta vontade e para outros talento…

Galera do blog, vamos falar sobre três jogos que consegui ver ontem.

Alemanha 0 x 1 Argentina: Era para ser um amistoso, mas como os dois times continuam em dívida com suas torcidas, ambas as seleções trataram o jogo como de Copa do Mundo. O jogo foi tenso, brigado, parecia fase de mata-mata de Copa do Mundo. No final a Argentina venceu com uma vitória magra, mas a certeza ficou para as duas torcidas, as duas seleções entrarão na Copa muito mais com o coração do que com o talento.

No primeiro tempo, o jogo foi duro, de assistir, a Alemanha tinha dificuldade em criar jogadas, Ballack, Muller e Ozil parecem que entraram em campo proibido de criar, Lahm era o refugo alemão para algumas jogadas. Pelo nossos hermanos, Messi continua sofrendo a crise de “Ronaldinho” não joga nada na seleção argentina, em compensação Di Maria parecia ser o único provido de cerébro na partida, tanto que foi dele o passe ao final do primeiro tempo para Higuain anotar o único tento da partida.

São Paulo 0 x 0 Oeste: O jogo teve cara de “amigos do fulano contra amigos do ciclano”, ou “solteiros x casados”, tal era a facilidade de jogar no meio campo, nenhum time marcava forte, e o que era um cenário típico para muitos gols, mostrou na verdade que os times queriam mais que a partida acabasse logo para começar o “churrasco”.

O São Paulo veio a campo, com o time próximo do titular, talvez apenas Cicinho e Hernanes tenham sido poupados ontem, porém parecia que o time não estava com muita vontade de jogar. Milton Cruz até tentou, quando o Oeste teve um jogador expulso ainda no primeiro tempo, o interino colocou Fernandinho em campo, fazendo o time atuar com três atacantes, sem sucesso. Dagoberto jogou bem no primeiro tempo, mas cansou no segundo, Washington não fez gol, portanto não fez nada, Cléber Santana procurou mais o jogo dessa vez, mas jogou tudo para o espaço ao ser expulso.

Esse jogo é um pouco do que se resume o São Paulo de hoje que me incomoda um pouco, trata-se de um grande time, porém um time excessivamente cadenciado, em nenhum momento o time tem capacidade de alterar o ritmo da partida. Possuímos oito jogadores no meio de campo que seriam titulares em todos os times do Brasil, porém nenhum que dê velocidade ao time quando ele precisa contra-atacar rápido.

Palmeiras 1 x 3 Santo André: Provavelmente, hoje de manhã o muro do Parque Antartica vai ter sido pixado pela torcida com frases do tipo: “Vergonha”, “Diego pipoqueiro”, “Fora racista”, “Belluzzo pede para sair” e outras coisas do gênero, mais uma vez o carrasco Santo André apareceu no caminho alviverde e o que parecia ter sido resolvido, volta a assombrar o Palestra.

Durante o jogo, o Palmeiras se mostrou apático e como sempre com as mesmas falhas defensivas que eu tanto insisto, não é possível que ninguém consiga perceber isso, o problema do Palmeiras nunca foi na parte ofensiva, por pior que sejam a maioria dos jogadores de frente, Diego é um baita jogador e consegue decidir uma partida sozinho, o problema está na defesa.

Insisto em dizer que o único com qualidade necessária no time alviverde na defesa é o Pierre e é muita coisa para ele ficar responsável por toda a marcação palmeirense. O time precisa repensar na forma de jogar, na minha opinião se faz necessário volume de jogadores na defesa inicialmente para pelo menos preencher espaço, contudo Souza não pode voltar a entrar em campo tão cedo, todas as vezes que ele jogou seu setor estava sempre descoberto, o jogador sempre chegou atrasado nas bolas. Não adianta Ewerthon’s e Lincoln’s, o time precisa de peça de defesa.