Bola de Prata do Cadê Meu Camisa 10?

622_c9333db0-e932-343c-ae26-c872aa2d790a

E ontem teve a premiação do Bola de Prata. O prêmio que leva em consideração notas que os jogadores obtem durante os jogos, teve a seguinte seleção final:

Jailson (PAL), Jean (PAL), Rever (FLA), Geromel (GRE), Fabio Santos (ATMG), Arão (FLA), Tche Tche (PAL), Moisés (PAL), Dudu (PAL), Jesus (PAL) e Robinho (ATMG). Tec. Cuca (PAL).

E logicamente nesse exercício de montar uma seleção, o Cade Meu Camisa 10 não poderia ficar de fora, meus critérios são um pouco mais simples do que o Bola de Prata, simplesmente é de quem eu gostei na posição.

Vejam os meus eleitos:

Jailson (PAL), Jean (PAL), Mina (PAL), Geromel (GRE), Jorge (FLA), Tche Tche (PAL), Renato (SAN), Moisés (PAL), Diego Souza (SPO), Marinho (VIT) e Robinho (ATMG).

Na defesa, coloquei Mina e Jorge, para mim foram mais importantes para seus times e contribuiram em vários momentos importantes para o time, além de com a bola no pé os dois mostrarem mais futebol do que seus concorrentes.

No meio trouxe Renato e Diego para os lugares de Arão e Dudu, Trouxe o Renato porque todos os jogos do Santos que eu vi, a atuação dele foi impecável, muita classe e capacidade para ser o porto seguro da molecada, já Diego foi o cara do Sport, terminou artilheiro do campeonato e sua atuação individual foi fundamental para a manutenção do Leão na primeira divisão.

No ataque, a polêmica maior do meu time, tirei o menino craque Jesus. Coloquei Marinho. Confesso que vi alguns jogos do Palmeiras uns 15, e apesar de saber de todo o potencial dele, não vi ele sendo tão importante e tão decisivo para o clube nesses jogos, diferentemente do Marinho para mim, que todo jogo do Vitória que ele estava era fundamental para a campanha do time baiano.

Outra ressalva importante, fiz uma escolha muito mais emocional do que técnica. Jailson no gol foi bem demais e carrega a estatística de não ter perdido nenhum jogo, mas para mim, ninguém foi tão exigido (por motivos óbvios) e pegou tanto, quanto o Danilo Fernandes, o goleiro do Inter assim como em 2015 pelo Sport, fez outro campeonato brasileiro gigantesco.

Para técnico, escolho Jair Ventura, os números do Cuca são inquestionáveis, mas no início do campeonato qual era a pretensão do Palmeiras? Sim, jogar pelo titulo. E qual era a do Botafogo, mesmo com G6 ninguém ousava dizer que o time brigaria pela Libertadores, não só brigou, como ficou com a vaga, por isso meu voto vai nele.

E para vocês, qual a sua seleção do campeonato?

Anúncios

E se o campeonato acabasse na 28ª rodada?

moises-041016

Ah, o Palmeiras seria o campeão.

O alviverde que ainda não perdeu no segundo turno e acumula 11 jogos sem perder, fez uma partida emocionante e divertida contra o Santinha e venceu por 3×2. O Cucabol segue excelente agora com o melhor ataque, melhor saldo, terceira melhor defesa e melhor visitante e pelo jeito está querendo lançar um desodorante que elimina qualquer cheirinho.

Completando o G4 vem o Flamengo, Atlético-MG e Santos. Apesar que agora virou G6, mas particularmente, acho que esse G4 não muda, assim como o Fluminense será o 5º, a questão é que a briga ficou boa pelo sexto lugar. Tinha gente que achava que ia jogar na turma do marasmo e de repente abriu uma possibilidade. Hoje a última vaga seria do Furacão, o que seria um prêmio ao bom trabalho de Autuori e companhia.

No meio da tabela, destaque positivo para Botafogo, Coritiba e Vitória. O primeiro se afastou de vez de qualquer sombra do Z4 e agora pode inclusive almejar uma vaga para a Libertadores tem mostrado consistência para isso, já Coxa e Vitória respiraram bem nessa rodada tornando o Z4 uma sombra real para os grandes.

O destaque negativo fica para Grêmio e São Paulo, os tricolores patinam na tabela, enquanto para os gaúchos isso faz com que o time apenas fique cada vez mais distante de qualquer pretensão no Brasileirão (ainda que reste o G6), para os paulistas o sinal de alerta toca alto no Morumbi, o time tem uma sequência duríssima de onde precisa somar pontos para o desespero não bater de vez nas últimas rodadas.

Na parte debaixo, América-Mg e Santa ficam aguardando quem serão os outros dois companheiros, a sensação é que o Figueirense que resolveu trocar de novo de treinador corre sérios riscos de ser um candidato, depois disso, Inter que precisa ver como atuará no próximo jogo é o principal candidato.

Por fim, a 28ª rodada terminou com 25 gols, uma média razoável, onde tivemos 6 vitórias dos mandantes, 1 empate e 3 vitórias dos visitantes. Meu destaque da rodada, apesar da grande atuação do Vitória em Chapecó, vai para um cara que tem sido fundamental para o sucesso alviverde, o meia Moisés, ele é o verdadeiro motor desse time e responsável pelas partidas boas ou ruins do alviverde favorito ao título, portanto, agora que faltam apenas dez jogos para acabar, achei por bem dar o mérito.

Aliás, Moisés, Robinho e Diego (quem diria que depois de 14 anos a dupla voltaria a ser destaque em uma mesma edição de Brasileirão), são para mim os candidatos a melhor do campeonato.

E para vocês, como seria se o campeonato acabasse na 28ª rodada?

Pitacos: Pelo menos, durante 9s63 o fim de semana foi extraordinário…

Galera do blog, esse fim de semana acompanhei Vasco 0x0 Corinthians e Naútico 3×0 Santos. Parei por menos de 10 segundos, no jogo do Corinthians para acompanhar o mito Usain Bolt. Um verdadeiro fenômeno. Em contrapartida, nosso brasileirinho continua uma tristeza só.

No sábado, Palmeiras e Internacional fizeram um jogo amarrado e feio, gol apenas do Inter e do volante Ygor que ainda disse buscar inspiração em Falcão, coitado do craque. Fernandão mostra que segue a linha de Felipão e Abelão, está montando um Inter cascudo, não joga bem, mas é difícil de ser batido. O mesmo vale para o Palmeiras.

Em Goiás, o Atlético-GO até esboçou um início e forte e promissor, mas logo a realidade veio a tona e o Botafogo buscou a virada. Melhor do que a vitória, foi ver Seedorf fazendo a primeira boa partida pelo Glorioso, pelo jeito o gramado do Engenhão é ruim mesmo.

Para fechar o sábado, a Lusa venceu o Figueirense por 2×0, reforçando a minha teoria. A Portuguesa montou um time bem redondinho, se acreditar que é forte mesmo pode fazer uma ótima campanha. Moisés, Guilherme, Ananias, Léo Silva e agora Bruno Mineiro no ataque são jogadores que merecem um olhar dos grandes.

E o Luxa parece decidido a novamente ser reconhecido apenas como técnico, o time do Grêmio está jogando bem, Elano e Zé Roberto parecem ter dado a dinâmica necessária ao meio de campo e Moreno em boa fase escondem até o jejum de gols do encrequeiro Kléber. A vitória por 3×1 sobre o Bahia foi convicente para os gaúchos e desesperadora para os baianos.

Outro que parece ter acertado o time foi Ney Franco, em uma tarde que o time brincou de paredão contra Magrão, coube ao pequenino Ademílson achar um buraco nessa parede e marcar seu quarto gol em cinco jogos. O time ainda precisa de um jogador de meio de campo mais ágil, já o Sport precisa de mais qualidade para sobreviver esse ano.

Apesar de toda a beleza apresentada pelo Galo nesse início de campeonato, acho inevitável apontar o Fluminense como favorito, o time parece ganhar a hora que quer uma partida e Fred está impossível esse ano desde o início. O time foi para Curitiba afundar ainda mais o Coxa vencendo por 2×0.

Vasco e Corinthians repetem o mesmo jogo da Libertadores e terminam novamente no 0x0. Dessa vez, o jogo foi menos pegado e sem grandes lances. O Corinthians foi superior, mas sofre da ausência de atacante ou do esquema que faz com que eles cheguem sempre cansados na hora do arremate.

Pelo jeito o gás de Roth parece ter acabado logo dessa vez, o treinador que tem por costumes sempre arrumar a casa por onde passa, mas no finalzinho escapar os títulos, dá sinais que esse time do Cruzeiro é bem limitado. O time perdeu para a arrumada e voluntariosa Ponte Preta, o time do interior de São Paulo irá sempre roubar pontos de times que entrarem mais desligados.

Para fechar o Santos foi até o Aflitos e tomou uma sonora goleada do Timbu. O segundo tempo foi de deixar os santistas com um sentimento de preocupação com o campeonato, o time tem vários desfalques sim, mas é um elenco extremamente limitado para a disputa de um Brasileirão.