Você concordou com a seleção da Fifa 2016?

fifapro2016

Com um pouco de atraso, mas vamos falar da seleção da FIFA.

Nessa segunda a Fifa divulgou sua seleção e o melhor do mundo. Sobre o melhor do mundo pouca coisa a comentar, Cristiano foi escolhido e não houve surpresa para ninguém, na verdade a única sensação que 2016 talvez tenha sido o ano que individualmente ficou mais fácil para alguém destronar a hegemonia Messi-CR7, porém ninguém se destacou a esse ponto, e foi Griezmann que disputou com eles.

Porém o atacante francês pecou e errou (pênaltis) nos momentos decisivos e jogaram contra ele, já o português que não teve um ano brilhante tecnicamente, ganhou tudo que era possível, inclusive uma surpreendente Eurocopa por sua seleção. Cristiano não sobrou em campo em 2016, mas ganhou tudo. Como um jogador é feito de suas atuações e títulos, prêmio muito bem dado.

E agora, vamos falar da seleção, os escolhidos foram: Neuer (Bayern Munique); Daniel Alves (Juventus), Piqué (Barcelona), Sergio Ramos (Real Madrid) e Marcelo (Real Madrid); Kroos (Real Madrid), Modric (Real Madrid) e Iniesta (Barcelona); Messi (Barcelona), Cristiano Ronaldo (Real Madrid) e Suárez (Barcelona).

Sinceramente, achei que algumas escolhas foram preguiçosas de quem não teve capacidade de olhar todos os campeonatos com carinho e resumiram o time ao duelo Barça-Real. Teve muita gente jogando muito bem em outras posições, o CMC10 vai escalar aqui, a seleção 2016 dele.

Donnarumma (Milan), Walker (Tottenham), Sergio Ramos (Real Madrid), Verthogen (Tottenham) e Marcelo (Real Madrid), Kante (Leicester / Chelsea), Pogba (Juventus / Man United), Coutinho (Liverpool), Messi (Barcelona), Cristiano Ronaldo (Real Madrid) e Suarez (Barcelona).

Fiquei fazendo esse exercício ontem e inicialmente Schmeichel (Leicester) e Kroos estavam escalados, mas depois fiz alterações e jogadores como Griezmann, Aubameyang, Neuer, Rafinha, Lewandowski, De Bruyne, Marquinhos, Godin, Varane, passarm pela minha cabeça porque também fizeram um bom 2016. 12 jogadores, mais do que um time, daria para montar um 3-4-3 muito bom.

Por fim, percebi que Neuer, Daniel Alves, Pique e Iniesta foram escalados por preguiça de boa parte de jogadores e jornalistas, muito na sensação de que ninguém vai dizer que eles estão errados em escalar esse trio, mas fica conveniente, não precisa olhar de verdade para ver quem se destacou em 2016 na posição.

Mesmo o meu time, eu acompanho muito mais o inglesão, espanholão e alemão, pode ser que perdi algum bom jogador em alguma posição que tenha atuado na Itália, na França ou em Portugal, por exemplo.

O que fica é o exercício de especular de cada um escalar a sua seleção de 2016.

E aí? Qual a sua seleção 2016?

Anúncios

Vai Leicester!!

ranieri

E o Leicester se sagrou campeão da Premier League.

O feito que talvez muitos ainda não tenham entendido o tamanho da realização, aconteceu ontem sem o time sensação precisar jogar. O empate entre Tottenham e Chelsea por 2×2 deu o título antecipado para o time inglês.

Acho que repetir a história que vocês já tem lido em todos os sites por aí, não se faz necessário, todo mundo já entendeu que no ano passado, o time briga para não cair e agora é o campeão. Mas, diferente do Fluminense em 2009-2010, o Leicester em 15-16, trouxe aquilo que só futebol permite, a surpresa.

Diferentemente dos grandes esportes coletivos, o futebol é o único que dá esperança ao mais fraco vencer o mais forte, mesmo quando a disparidade entre os times é abissal, como Mazembe x Inter, Mirassol x Palmeiras e tantas outras zebras que poderiam ser listadas aqui.

A questão do grande feito do time inglês é que ele provou essa máxima no pior cenário possível, durante uma competição de pontos corridos. É como se ao invés do Hercules, tivessem mandado o Ranieri para fazer os doze trabalhos do rapazinho filho de Zeus. E Ranieri e sua “tropinha” venceram todos eles.

Ranieri, Kante, Vardy, Mahrez e companhia levaram o futebol a um nível intangível para os outros esportes, agora é realmente sabido que em qualquer situação, qualquer que seja a dificuldade, o futebol permite essas histórias grandiosas.

Para mim, é difícil mensurar, mas o Leicester talvez tenha nos proporcionado o maior feito da história do futebol e que talvez nunca se repetirá. E Ranieri naquele choro contido após a vitória sobre o Sunderland, parece que já sabia o tamanho do feito.

Vai Leicester!!