Rapidinhas do Camisa 10 – 29.05.2013

levante

E ele enfim, foi. Neymar assinou o contrato com o Barcelona. Aquilo que todo mundo já antecipava a tempos, enfim aconteceu. Neymar ficará por cinco temporadas na Catalunha e terá tudo para ter sucesso. Estará em um time, onde ele não precisa ser protagonista logo de cara, em um time que tem uma filosofia bem clara que valoriza o futebol dele, além de ser um time que sempre está disputando títulos. Basta ele também entender tudo isso.

Neymar já chega causando… A chegada de Neymar já evidenciou um esquema que ficou um pouco mais obscuro pela aliança envolvida. Foi relatado que Real Madrid e Manchester City se uniram para superfaturar as transações do time catalão, a idéia é sempre um dos dois aparecer para inflacionar qualquer tentativa do Barça se reforçar. A princípio uma prática comum em qualquer lugar do mundo, o curioso é a união entre dois times, sendo um deles financiado pelos novos sheiks do futebol.

Para quem tinha dúvidas… sobre o tamanho de Neymar, basta dizer que com a venda dele, o Santos pensa em repatriar não apenas um, mas dois ídolos do passado recente. Para substituir o garoto prodígio, o Santos quer trazer de volta Diego e Robinho de uma vez só. Uma coisa é fato, o time precisa trazer peças para repor a saída de Neymar, lógico que não dá para substituir ele, mas qualificar o elenco é necessário.

A velha história. Fazia tempo que isso não acontecia, mas o Bayern resolveu reviver um problema antigo. O Bayern bateu o pé para que Dante e Luiz Gustavo estejam presente para a partida da final da Copa da Alemanha. O problema é que dessa vez, a seleção tem direito de acordo com as regras da Fifa, contudo a questão é saber se vale ou não a pena arrumar essa confusão. Como sempre, acho que o bom senso deve prevalecer, nesse caso, não custa deixar Dante e Luiz Gustavo jogarem uma final e chegarem apenas para o segundo amistoso.

Mais um Sheik milionário… Agora o Mônaco da França ganha um sheik como dono do clube e disposto a investir dinheiro no clube francês, o time que está pronto para descarregar um caminhão para levar Falcão Garcia para o time francês também abriu o olho para um time brasileiro, o São Paulo. Na França especula-se que o sheik quer de uma vez só, Jádson, Ganso e Luis Fabiano. Acho difícil, qualquer um deles sair, mas dinheiro para isso não vai faltar.

Seedorf para presidente da CBF!! O profissionalismo demonstrado pelo holandês é invejável. O jogador dá uma lição de moral para um monte de chinelos, arrogante e acomodados de plantão. O Botafogo foi campeão carioca com sobras, e a única “premiação” foi a ausência de salários, e ao invés de permitir o boicote dos jogadores, Seedorf junto de Jeferson reuniram o elenco e decidiram que irão honrar seus compromissos com o time e esperam que o clube consiga fazer o mesmo. Pelo que demonstraram contra o Corinthians, todo mundo entendeu o recado.

Uma caixa de surpresas… Falando em Botafogo, li em alguns lugares uma matéria no mínimo suspeita. O clube carioca havia conseguido um excelente contrato com a Volkswagen para adquirir o naming rights do Engenhão, inclusive com amistoso contra o Wolfsburg marcardo. Contudo, “forças ocultas” produziram um laudo para interditar o estádio além de uma carta de recomendação para a diretoria botafoguense acertar com a Caixa os naming rights mesmo com os valores inferiores. Viva o lado negro da força!

Brasileiro quer torcer e só… Nada de Caxirola, as nossas vuvuzelas foram vetadas de vez, após os incidentes em Salvador. A engenhoca criada para substituir um instrumento já existente e nunca usado em um estádio para concorrer com as vuvuzelas sulafricanas fracassaram. Além do mico criado pelo próprio governo brasileiro, a sensação de cordialidade do brasileiro começa a mudar, como já percebido, os brasileiros são bem mais hostis que os africanos.

São Paulo B? Após acertar a contratação por empréstimo do meia argentino Cañete, agora é a vez da Lusa praticamente dar como certa a contratação do volante Fabrício, além dos dois o carismático Souza também está no time paulista, se acertar com toda a baciada restante que o Juvenal “Castro” “colocou” a disposição, o time paulista pode montar um bom elenco. É esperar para ver!

Toda a força do mundo… para Oscar Schimdt que vai iniciar a partida mais difícil da sua vida. A luta contra o câncer. Para quem já vencou o Dream Team com sobra, tenho certeza de que força e dedicação não faltarão e o nosso mão santa irá vencer essa partida duríssima.

Dúvida da semana… Com o Palmeiras vencendo o ASA com tranquilidade, o time já superou o trauma?

Anúncios

A Lista de Mano…

Galera do blog, como havia dito ontem, hoje era dia de comentar sobre a primeira convocação de Mano Menezes no comando da nossa querida escrete canarinho.

Confesso que fiquei surpreso e muito feliz, primeiro porque Mano conseguiu barganhar a convocação dos denominados “estrangeiros”, segundo por mostrar boa visão do que acontece aqui dentro e lá fora.

Para começar no gol, gostei das três escolhas, mudaria apenas Jeferson por Fábio do Cruzeiro, mas acho injusto aqueles que criticam o goleiro do Botafogo, Jeferson tem feito grandes partidas na meta do Glorioso. Renan do Avaí é uma grata revelação, mostrou personalidade ao desbancar o veterano Zé Carlos da meta do time catarinense e hoje é uma das principais peças do time de Guga.

Nas laterais, boas opções, na direita, Dani Alves ganha uma nova chance após péssima Copa, e Rafael do Manchester é uma tremenda aposta, totalmente no escuro, mas com credenciais. Na esquerda, a segunda chance foi dada para André Santos e Marcelo. Talvez aqui tenha sido o setor que menos me empolgou, mas gostei das opções.

Na defesa, achei excelente as escolhas. Henrique, David Luis, Réver e Thiago Silva tem tudo para se tornarem a nova geração de defesa brasileira, incluiria aqui apenas Alex Silva, por tudo que anda jogando no São Paulo.A renovação foi pesada na defesa e necessária. Fique evidente que Mano buscou zagueiros jovens com potencial e que tem tudo para estarem no auge durante a Copa.

No meio campo está a referência de Mano, o treinador almeja fazer o Brasil recuperar o seu estilo e jogar de forma parecida como a campeã Espanha. Não temos nenhum brucutu nessa relação, o volante mais marcador do time é Lucas, mas mesmo assim, se trata de um volante técnico. Compõem esse meio ainda, Hernanes, Sandro, Ramires, Jucilei, Ederson, Carlos Eduardo e Ganso. Questiono apenas a presença de Jucilei, Elias merecia muito mais chance do que o jogador do Corinthians.

No ataque, ótimas apostas, Neymar, Pato e André são as apostas, confio muito no último, André na minha opinião é um atacante diferenciado, consegue fazer gols de todos os tipos, acredito muito no potencial dele. Completam a lista Tardelli e Robinho.

Em linhas gerais, Mano convocou um time leve, jovem e de bom toque de bola. Ao que tudo indica essa será a filosofia de Mano. Diante disso, algumas considerações são possíveis, jogadores considerados “pesados” perdem todas as chances no time de Mano, Adriano, Lúcio, Luis Fabiano, Julio Baptista, entre outros, podem se naturlizar, pois não terão chance.

Outro aspecto importante é mescla entre jogadores que atuam dentro e fora do Brasil, tudo bem que para esse amistoso, a determinação era que mais jogadores do Brasil fossem convocados, mas é importante que essa mistura continue.

Mano começou bem, buscou atender aquilo que os outros 190 milhões de técnicos queriam, o que vale agora é acompanhar a continuidade do trabalho.

E vocês o que acharam da lista? Quem vocês tirariam, e quem vocês incluiriam?

Ela está solta pela estaduais…

Galera do blog, a Zebra andou aprontando nessa quarta-feira, fazia tempo que não via tantos jogos com resultados atípicos. Que a zebra acontecem sabemos, mas ontem em quatro jogos ela apareceu.

Ela começou fazendo arte em Araraquara, onde jogaram Rio Branco e Palmeiras, o time do interior que luta desesperadamente para sair do rebaixamento, conseguiu um bom resultado ao empatar com o Palmeiras por 2×2. Gols de Diego Souza e Ewerthon para o Palmeiras e Alex Terra e Romarinho para o Rio Branco. O resultado não ajudou em nada o Rio Branco na luta contra o rebaixamento e praticamente decretou a não classificação alviverde.

Saindo de Araraquara, a Zebra resolveu aparecer em Bragança, o Bragantino que estava ameaçado de entrar na zona do rebaixamento conseguiu frear a série invicta do tricolor, dando uma apimentada maior ao clássico de domingo. O jogo foi aberto com boas chances para os dois lados, porém o Braga aproveitou melhor uma das chances, enquanto Gilvan fez excelente defesas do lado do time do interior. Resultado final, 1×0 Bragantino, Gol de Maurício.

A Zebra conseguiu atuar em outros lugares simultaneamente, em Barueri por exemplo sua atuação foi tanta contundente que até Ronaldo foi vaiado, o alvinegro não jogou mal, mas Ronaldo perdeu chances a vontade, abusou do direito de não fazer gol e o time saiu ironicamente derrotado por um jogador do São Paulo (adversário do próximo domingo), Mazzola que foi emprestado pelo time de Jundiaí, anotou o único gol da partida. O Gol melhorou um pouco a situação do Paulista para sair do rebaixamento e fez o Corinthians começar a se preocupar com a sua vaga para a próxima fase do Paulista.

Em Porto Alegre, a zebra aprontou uma daquelas um pouco mais pesada, lá ela tratou de colocar a cabeça de Fossati totalmente a prêmio para delírio de Muricy que fica praticamente dentro do Beira-Rio neste momento. O Colorado foi goleado pelo excelente São José da capital gaúcha por 3×0, gols de Dadá, Jeférson e Guilherme. Com este resultado o time do Inter segue sem vencer a 05 partidas, algo inaceitável para um time como o Inter. É esperar os próximos capítulos.

Agora, foi em São Januário que a zebra mais ficou dando risada, Dinamite já tinha avisado para Mancini: “Futebol é resultado!”, Mancini que tinha dúvidas com relação a essa frase, teve uma ajudinha substancial do Americano que soube aproveitar as duas chances que criou com Leandro Melina e até as que não criou no gol contra de Nilton. Foi assim que o time da cruz de malta caiu por 3×2 para o Americano, aliás falando em cair, Mancini que não conseguiu o “resultado” foi demitido por Dinamite.

Santos e Grêmio tomem cuidado, ela está solta por aí…

Pitacos da 37ª Rodada!

Depois de todas as forças do “além”, finalmente o Flamengo conseguiu assumir a liderança. E o Fluminense saiu da zona do rebaixamento. A CBF sorri com o sucesso dos cariocas, até parece que o Botafogo não é carioca. Vamos as análises:

 

Goiás(8º) 4 x 2 São Paulo(4º): Os flamenguistas tiveram a cara de pau de reclamar da vontade do time goiano contra eles, contra o São Paulo além da vontade, o time esmeraldino acertou três lances incrivéis. Vitor foi o dono do jogo, destruiu a defesa são paulina, pela direita. Foi um jogo atípico, o maior mérito do time goiano foi aproveitar as falhas defensivas do São Paulo e converter praticamente todas. Do lado são paulino, fica nítido que o setor mais importante no tricampeonato consecutivo falhou nas últimas duas partidas. Neste momento, faço destaque positivo para Washington que está mostrando uma vontade de vestir a camisa são paulina que falta a outros jogadores. Pior que a derrota, foi para direto na quarta colocação, ficou quase impossível, ainda bem que é quase.

Corinthians(10º) 0 x 2 Flamengo(1º): Um resultado mais do que premeditado, não diria que o Corinthians entregou, na verdade o Corinthians desistiu do campeonato há muitas rodadas, os jogadores não possuem motivação nenhuma, a não ser Defederico que vem mostrando seu valor aos poucos. De resto, Ronaldo pulou fora, Jucilei que está torcendo pelo Flamengo dividiu a bola com Zé Roberto simplesmente para falar que foi, e Felipe mostrou toda a disposição do time ao nem se mexer no gol corintiano. Do lado rubro-negro, nunca o título foi tão fácil, novamente com direito a fazer a festa dentro do Maracanã lotado, Petkovic já pode colocar uma mão na taça que a participação é toda dele, a outra deixa para o Imperador ou para o Ricardo Teixeira.

Palmeiras(3º) 3 x 1 Atlético-MG(6º): Todo palmeirense a essa hora deve estar pensando, porque o Cleiton Xavier machucou, era melhor deixar fora do campeonato, Souza, Jumar, Robert, Wendell, Jeferson, Mauricio e Obina até o Marcão, mas não o Cleiton Xavier. Foi isso, a simples precisa do excelente camisa 10 alviverde fez toda a diferença pelo lado palmeirense, até Diego Souza marcou um golaço. Do lado do meu Galo querido, ficou a sensação que não existem bons zagueiros no elenco, é necessário urgente sair a busca de bons zagueiros para o time atleticano além de um meia de verdade.

Sport(20º) 1 x 2 Internacional(2º): E o Colorado deu um susto no seu torcedor ao tomar um gol de Vandinho, na minha opinião irregular, mas no segundo tempo Kléber e Andrezinho comandaram a virada e colocaram os colorados em uma situação indelicada, precisam torcer pelo maior rival para conseguirem o título. Durante o jogo, outro lance polêmico que poderia mudar completamente o rumo da tabela, Lauro tomou um chápeu de Vandinho dentro da área, e foi absurdamente derrubado dentro da área, além da chance do segundo gol, o mínimo era expulsar o goleiro Lauro, mas Paulo Cesar Oliveira (candidato a melhor árbitro do campeonato) nada deu.

Cruzeiro(5º) 4 x 1 Coritiba(16º): A Raposa segue viva não tão sonhada disputa pela Libertadores, basta vencer e torcer por um tropeço de São Paulo ou Palmeiras para roubar a vaga, o time até saiu atrás no marcador, mas buscou a virada de forma convicente. Pelo Coxa, a situação ficou assustadora nessa rodada final, apesar de jogar em casa, o time enfrenta o embalado Fluminense e no caso de qualquer resultado diferente da vitória, o Coritiba passa a ser o favorito a segundona, apesar de considerar uma grande injustiça, visto a qualidade do time.

Grêmio(7º) 4 x 2 Barueri(12º): Nenhuma surpresa nesse jogo. O Grêmio terminou o campeonato sem perder dentro de casa, um feito inédito dentro da história do Brasileirão, e Val Baiano marcou mais dois gols, aliás Tardelli e Imperador que não tomem cuidado pois o rapaz pode terminar artilheiro do campeonato. Para o Grêmio sobrou a missão de estragar a festa do Flamengo dentro do Maracanã, e dar o título ao Inter, ou entregar o jogo e acirrar ainda mais a rivalidade. Pelo time do Barueri, a certeza de um ótimo campeonato, e no último jogo carimbar a vaga na Sulamericana para coroar essa campanha.

Avaí(9º) 2 x 2 Santos(11º): O que era para ser a festa de despedida de Silas, virou um empate com sabor de derrota para o time catarinense que chegou a abrir 2×0 no placar. O Santos assim como Ganso cresceram muito nessa reta final, o time ainda está se reencontrando mas dá sinais de melhora e que Luxemburgo caso fique poderá provar se poder de montar um time para o ano que vem, pelo time da Ressacada, a maior dúvida é quem será capaz de dar sequência ao excelente trabalho de Silas a frente do time catarinense, acho que o time deveria apostar em nomes como Vadão, Zetti ou PC Gusmão.

Fluminense(15º) 4 x 0 Vitória(13º): E a epópeia segue cativando a todos, o Fluminense enfim sai do rebaixamento e se repetir o placar na quarta-feira, alguns torcedores do tricolor poderão morrer feliz. Agora, resta a complicada tarefa de vencer o Coritiba dentro do Couto Pereira, como sempre Fred e Conca seguem como atores principais desta incrível história tricolor. Do lado baiano, resta tentar garantir a vaga na Sulamericana e ir desenhando o time para o ano que vem.

Atlético-PR(14º) 2 x 0 Botafogo(17º): No duelo dos desesperados, o excesso de vontade de alguns jogadores alvinegro no jogo anterior atrapalharam, o time sentiu muito a falta de Jobson e Juninho. Agora, resta ao time de General Severiano, vencer o time do Palmeiras dentro do Engenhão, jogo complicadíssimo. Para o Furacão, tranquilidade pois está garantido na Série A e agora apenas encerrar sua participação.

Santo André(18º) 5 x 3 Náutico(19º): O Ramalhão ganhou mais uma semana na UTI, mas não acho que existe cura para a Série B, o jogo teve muitos gols, mas em resumo, o Timbu está rebaixado e o Santo André  apenas adiou uma semana.