Rapidinhas do Camisa 10 – 07.11.2012

Imagem

Agora pode tirar do armário… Vagner Love parece ter se oferecido para jogar no Corinthians. A história ainda está um pouco nebulosa, mas que Love merecia jogar em um time melhor, merece. Além do que, o estilo de jogo do atacante encaixa perfeitamente no esquema de Tite, seria uma ótima para os dois. Para a torcida corintiana, um alívio, poderiam tirar do armário a famosa camisa 09 com o nome de Love estampado nas costas.

Falando em armário… A Federação holandesa resolveu inovar e lançou uma campanha para que os jogadores homossexuais que disputam o campeonato local saiam do armário. A campanha é pioneira em um meio excessivamente hipócrita, já que se esconde no conceito machista mesmo sendo conhecido por muitos que a homossexualidade faz parte do dia a dia no futebol. Resta esperar para ver se terá resultado e quem irá se transferir para o futebol holandês em Janeiro.

Base em campo… O Barcelona está prestes a realizar um feito que dificilmente alguém mais repetirá, dentro dos próximos meses são grandes as possibilidades do time entrar com 11 jogadores formados em “La Masia”, a base do time catalão. Tito Vilanova projeta escalar o time com Valdez, Montoya, Pique, Puyol, Alba, Busquets, Xavi, Iniesta, Fabregas, Messi e Pedro. Sem falar de Tello, Thiago Alcantara e outros jovens que estão surgindo. Praticamente, um time autosuficiente.

Imperador nunca perdeu. Pelo uma coisa o Imperador pode alegar, que com ele o time do Flamengo nunca sofreu derrota dentro de campo. Já fora de campo, a passagem final de Adriano pelo Flamengo foi desastrosa para o clube. Expôs demais o clube, deixou as figuras administrativas ocupadas com seus problemas ao invés de se dedicarem ao clube. Resultado, o time teve um ano de time mediano, um absurdo para o tamanho do Rubro-negro.

Tudo que é bom dura pouco. Para mim, esse foi o melhor campeonato de pontos corridos. Ainda que muitos erros de arbitragem e vários times fracos, gostei do campeonato. Porém como uma obra do Sobrenatural de Almeida, esse foi o campeonato que todas as definições já aconteceram. Fluminense será campeão, Galo, Grêmio e São Paulo na Libertadores. Assim, como Atlético-GO, Figueira e Palmeiras já estão na Série B, só Lusa e Sport decidem a última vaga do descenso.

Galo forte e vingador… Apesar do provável vice-campeonato, o Galo sai desse campeonato como um dos times mais fortalecidos do campeonato, após dois anos de um início promissor e um final desastroso, dessa vez o time está lutando pelo título até as últimas rodadas. Além disso, Kalil dá sinais da manutenção do time, incluindo Cuca e o recuperado e melhor jogador do campeonato Ronaldinho. Com esse pensamento simples, mas tão ausente nas demais diretorias, o Galo está traçando um caminho que em breve lhe dará as glórias merecidas.

Chama o Zagallo… E o Brasil atingiu a posição de 13º no ranking da FIFA. Confesso que apesar da lógica desses rankings, não dá para usar de parâmetro FIFA e IFFHS para muita coisa. Por exemplo, o Brasil está atrás de Colômbia, Croácia, Rússia e Grécia. A única coisa é a acreditar na tradição do Zagallo e pensar que essa posição é um sinal de sorte, de que daqui para frente tudo irá de vento e popa.

Canhota boa nas palavras… “Hoje acontece uma coisa, e aí você espera uma semana para resolver, para você julgar. Isso não existe. O que o árbitro faz lá? Então põe uma câmera, porque o juiz nem autoridade tem mais” frase dita pelo craque Rivelino, que retornou suas atividades como comentarista no Cartão Verde da TV Cultura. Essa foi apenas uma das várias frases que ele disse. Começou ganhando minha admiração.

Grande Sr. Adenor… Tite foi eleito pela revista Alfa o homem mais influente do ano, desbancando o ministro do STF Joaquim Barbosa, o autor de Avenida Brasil João E. Carneiro e o ator Reynaldo Gianecchini. Tite conseguiu um grande feito, graças a conquista do título que faltava para uma torcida que possui enorme devoção ao time. Com certeza, para quase 30 milhões a influência de Tite é diária em 2012. Parabéns ao Sr. Adenor!!

Uma vitória maior do que um título. Ricardo Gomes foi liberado para exercer a função que desejar, inclusive de treinador. Uma vitória incrível do treinador que venceu um grave AVC. Sem demagogia, Gomes tem tudo para ser um grande treinador, não acompanhei sua carreira no exterior, mas seu trabalho no São Paulo e no Vasco o credenciam para entrar na elite de treinadores do Brasil.

Dúvida da semana. O que vem primeiro o titulo do Flu ou o rebaixamento do Palmeiras?

Anúncios

Rapidinhas do Camisa 10 – 18.07.2012

Um bando de loucos e valiosos. Uma pesquisa a respeito do valor da marca de todos os clubes do mundo, apontou entre os clubes brasileiros, a marca do Corinthians como a valiosa superando o valor de 1 bilhão de reais, seguido de Flamengo e São Paulo com a marca avaliada em quase 800 milhões. Dois fatos curiosos, o primeiro que o quarto clube brasileiro tem seu valor abaixo dos 500 milhões, e o segundo que o dono da empresa é conselheiro do Corinthians.

Desmanche benéfico. Ainda falando de Corinthians, o time de Parque São Jorge perdeu vários jogadores, mas só Castan fará falta. Em compensação , trouxe boas apostas para o segundo semestre, mesmo Guerrero que é uma aposta de alto risco, uma versão mais turbulenta do Luis Fabiano.

Conta de padaria. Em compensação na terra de Juvenal Dorothy, o segredo é perder dinheiro. Se a proposta do Manchester no valor de 96 milhões de reais (38 mi de euros) for real, Lucas já tinha que estar vendido. O episódio me lembra Hernanes, o clube queria 25 milhões de euros, recebeu uma proposta de 18 e acabou vendendo por 11. É esperar para ver.

Será que sobrevive na Série A? Abbiati; Abate, Mexès, Acerbi, Antonini; Montolivo, Ambrosini, Nocerino; Boateng; Pato (Robinho), Cassano. Esse é possível time titular do Milan. Confesso que acho que nem Sulamericana ele pegaria aqui no Brasil.

A era dos novos ricos (sheiks). O PSG é o próximo time a entrar no grupo de Chelsea e Manchester City. Desde o ano passado que um poderoso sheik comprou o time, o dinheiro vem aos baldes e consequentemente, um grande time está sendo montado. Por enquanto, o sheik já trouxe Ibrahimovic, Thiago Silva, Lavessi e a sensação italiana Verratti.

Homenagem para quem merece. A torcida do Botafogo está em ponto de bala mesmo. Além de aproveitar o bom momento do time, os torcedores resolveram criar uma petição pública para trocar o nome do Engenhão, sai João Havelange, entra João Saldanha. Já assinei a petição e espero que eles tenham sucesso, homenagem aos ídolos, eles merecem e somente eles.

Matemática de prancheta. O Flamengo tentou e ao que tudo indica, ficará novamente sem seu camisa 10. Mas dessa vez, Daddy Joel parece ter encontrado a solução irá colocar mais dois volantes no time (o famoso camisa 5), assim 5+5=10. Matemática perfeita, física nem tanto, vai faltar espaço no meio de campo para tanto volante.

Rankings, para que tê-los? A IFFHS divulgou mais uma vez um ranking cuja explicação só convence a eles. Dessa vez, saiu o ranking dos campeonatos nacionais mais fortes, a Espanha é líder seguida de Argentina e Brasil. Desculpe, mas o campeonato espanhol é uma baba, dois times disputam o título, dois disputam o terceiro lugar e o resto faria figuração na nossa Série B. Campeonato forte é na Alemanha, Inglaterra e sim no Brasil.

Obina émelhor que Eto’o. Obina voltou ao Palmeiras e o nosso campeonato ganhou novamente um personagem folclórico. Obina faz bem ao futebol, foi uma ótima contratação para o time alviverde. Por isso, digo sem o menor pudor, Ooo o Obina é melhor que o Etoo, Obina é melhor que o Etooo.. Ooooo..

Quem é o esperto mesmo? Após a venda de Oscar por R$ 80 mi para o Chelsea, muitos estão pensando se São Paulo e Inter se deram bem, só esquecem de um detalhe. O empresário, que fez um tremendo papelão, jogou um clube contra o outro e ganhou duas comissões para lá de polpudas em um intervalo de 45 dias.

Dúvida da semana. Vocês realmente acreditam que a seleção olímpica consiga trazer o ouro dessa vez?

Mais um Ranking da IFFHS!

Galera do blog, ontem o famoso “IFFHS” anunciou o ranking dos campeonatos nacionais. Segundo os critérios deles, o ranking determinou que o campeonato espanhol é o melhor do mundo. Abaixo a relação dos dez primeiros:

1. Espanha: 1092,0.

2. Inglaterra: 1039,0.

3. Itália: 1021,0.

4. Brasil: 982,0.

5. Alemanha: 932,0.

6. França: 884,0.

7. Argentina: 861,0.

8. Portugal: 789,5.

9. Holanda: 787,5.

10.Ucrânia: 709,0.

Eu, sinceramente gostaria de entender os critérios utilizados, como um campeonato que é disputado apenas por dois times, pode ser considerado o melhor? Dizer que Barcelona e Real Madrid sejam os dois melhores times da atualidade é uma coisa, agora eleger o espanhol como o melhor campeonato é um certo exagero. Na minha opinião, os campeonatos inglês e brasileiro são os melhores. Nos dois campeonatos, existe maior competitividade, mais times iniciam o campeonato como postulantes ao título e ainda sim sempre aparecem os famosos “times surpresas”, tudo isso com jogadores de grande qualidade técnica.

Eu fico com a seguinte ordem: 01º Inglês, 02º Brasileiro, 03º Italiano, 04º Alemão, 05º Espanhol, 06º Argentino, 07º Francês e só, depois fica complicado dizer que estão entre os dez melhores. E para vocês?

Nossa arbitragem começa muito bem em 2010.

Matéria retirada do blog Primeira Mão

A arbitragem brasileira está mesmo em baixa no cenário mundial. No ranking dos melhores árbitros de 2009 elaborado pela Federação Internacional de Historia e Estatísticas do Futebol (IFFHS, em inglês) não há nenhum brasileiro seguer entre os 25 nomes citados. Todos os outros tradicionais países sul-americanos têm pelo menos um juiz na lista.

O melhor árbitro de 2009 segundo a IFFHS foi é o suíço Massimo Busacca, que apitou a última final da Liga dos Campeões entre Barcelona e Manchester United e é um dos fortes candidatos para estar na decisão da Copa do Mundo de 2010. O italiano Roberto Rosetti aparece em segundo e o inglês Howard Melton Webb, em terceiro.

O melhor árbitro sul-americano no ranking é o uruguaio Jorge Luis Larriondo, que ficou em quarto lugar. O chileno Carlos Luis Chandía apareceu em oitavo. O argentino Héctor Baldassi ficou em décimo. O paraguaio Carlos Amarilla foi o 12º e o colombiano Oscar Ruiz terminou em 16º.

A última vez que um árbitro brasileiro apareceu na lista dos melhores do ano da IFFHS foi em 2004, com Márcio Rezende de Freitas. Na época ele ficou em oitavo lugar. Dois árbitros já venceram a eleição, que acontece desde 1986: Romualdo Arppi Filho, em 1987, e José Roberto Wright, em 1990.

Na minha opinião o que assusta é quando se compara com os demais sulamericanos, já que este ranking deve possuir o peso político, ou seja a arbitragem brasileira é tão ruim que nem com a força política consegue colocar um árbitro entre os 25 melhores, e ainda mais o último foi Márcio Rezende de Freitas (Que medo!!)..

IFFHS divulga mais um Ranking

A Federação Internacional de História e Estatística do Futebol (IFFHS sigla em inglês) divulgou hoje mais uma das suas listas. Nesta ela divulga o ranking dos clubes, lembrando que este instituto contabiliza os torneios nacionais e internacionais a partir de 01/01/1991. Segundo ele está é lista atual dos clubes:

1º Manchester United (Inglaterra) – 292 pontos
2º Bayern de Munique (Alemanha) – 272
3º Barcelona (Espanha) – 268
4º Liverpool (Inglaterra) – 267
5º Boca Juniors (Argentina) – 262
6º Chelsea (Inglaterra) – 245
7º Estudiantes de La Plata (Arg.) – 230
8º São Paulo – 223
9º Roma (Itália) – 222
10º Olympique de Lyon (França) – 217

Outros clubes brasileiros que apareceram no ranking foram: Fluminense (11°), Flamengo (28°), Inter e Cruzeiro (39°), Santos (56°), Botafogo (68°) e Sport que após ganhar a Copa do Brasil apareceu em 97°

Vale destacar que a aparição de alguns clubes se deve ao fato das últimas conquistas. Por exemplo, o  São Paulo aparece como melhor brasileiro colocado em virtude do seu histórico, neste período que a IFFHS usa como base para o seu ranqueamento, o tricolor paulista conquistou 4 Campeonatos nacionais, 3 Libertadores e 3 Mundiais, nenhum outro clube nacional obteve tantos títulos neste período.