Mais uma convocação de Tite, restam poucas vagas…

CoutinhoNeymar.jpg

E o Tite soltou mais uma convocação. Dessa vez para dois amistosos em novembro, no dia enfrenta o Japão em Lille (França), e no dia 14 contra a Inglaterra em Londres. Dois bons testes para preparar o time para Rússia e fechar o grupo de convocados.

E pelo jeito salvo alguma surpresa seja positiva ou negativa, o grupo pouco mudará em relação ao convocado por ele. Da lista final para 2018 com 23 nomes, com toda a certeza 18 já estão definidos.

Ederson, Alisson, Cassio, Dani Alves, Danilo, Marcelo, Miranda, Marquinhos, Thiago Silva, Casemiro, Paulinho, Fernandinho, Renato Augusto, William, Coutinho, Firmino, Gabriel Jesus e Neymar. Se ninguém se lesionar (bati três vezes na madeira), ou tiver uma queda abrupta de rendimento, estarão na Rússia.

Dessa forma, restam 5 vagas.

Uma na zaga, Jemerson foi chamada novamente, é o principal candidato, mas David Luiz, Gil, Geromel e Rodrigo Caio também disputam. Aposto em Jemerson ou Gil, mas não duvido que o Rodrigo fair play Caio apareça.

Na lateral esquerda, Filipe ou Alexsandro disputam a vaga, para mim, talvez seja a maior dúvida de Tite, acho que o momento no primeiro semestre definirá.

As três vagas restantes ficam para peças ofensivas do time entre meias e atacantes. Giuliano, Arthur, Lucas Lima, Diego Ribas, Diego Souza, Taison, Douglas Costa, Rodriguinho, Tardelli e Luan são os pretendentes. Aqui eu destaco cinco que saem na frente, Giuliano, Diego Souza, Taison, Douglas Costa e Tardelli. Acho que ficará entre eles, com chance de Arthur aparecer como surpresa.

Sinceramente, não tem como não concordar com a lista de Tite, é logico que todos temos nossas preferências e poderiam aparecer nomes que sequer foram convocados por ele, mas a lista tem sua coerência.

Do ponto de vista do jogo, apesar do time apresentar um futebol sólido, ainda gostaria de ver Coutinho jogando como atua no Liverpool, mas centralizado a esquerda e próximo de Neymar, o trio Neymar Coutinho e Marcelo pela esquerda é de assustar qualquer sistema defensivo.

E de qualquer forma, seria também uma chance de Tite pensar em variações ao longo do jogo, o time precisa também pensar em formas diversas para atuar nesses meses restante até a Rússia.

E para fechar, na foto Coutinho usa a 8, Neymar a 10, a soma da 18, eu acredito em 18 confirmados para a Copa da Rússia que é em 2018, não pode ser coincidência, o hepta já é realidade. Aliás, “o hepta já é realidade” tem 18 letras.

E vocês o que acharam de mais uma convocação do professor Adenor? Concordam com os 18 que mencionei que já estão na Rússia, ou acham que alguém não está garantido? E quem seriam os 5 restantes para vocês?

Comentem, cornetem, divirtam-se.

Sigam nas redes sociais

Anúncios

Bola de Prata do Cadê Meu Camisa 10?

622_c9333db0-e932-343c-ae26-c872aa2d790a

E ontem teve a premiação do Bola de Prata. O prêmio que leva em consideração notas que os jogadores obtem durante os jogos, teve a seguinte seleção final:

Jailson (PAL), Jean (PAL), Rever (FLA), Geromel (GRE), Fabio Santos (ATMG), Arão (FLA), Tche Tche (PAL), Moisés (PAL), Dudu (PAL), Jesus (PAL) e Robinho (ATMG). Tec. Cuca (PAL).

E logicamente nesse exercício de montar uma seleção, o Cade Meu Camisa 10 não poderia ficar de fora, meus critérios são um pouco mais simples do que o Bola de Prata, simplesmente é de quem eu gostei na posição.

Vejam os meus eleitos:

Jailson (PAL), Jean (PAL), Mina (PAL), Geromel (GRE), Jorge (FLA), Tche Tche (PAL), Renato (SAN), Moisés (PAL), Diego Souza (SPO), Marinho (VIT) e Robinho (ATMG).

Na defesa, coloquei Mina e Jorge, para mim foram mais importantes para seus times e contribuiram em vários momentos importantes para o time, além de com a bola no pé os dois mostrarem mais futebol do que seus concorrentes.

No meio trouxe Renato e Diego para os lugares de Arão e Dudu, Trouxe o Renato porque todos os jogos do Santos que eu vi, a atuação dele foi impecável, muita classe e capacidade para ser o porto seguro da molecada, já Diego foi o cara do Sport, terminou artilheiro do campeonato e sua atuação individual foi fundamental para a manutenção do Leão na primeira divisão.

No ataque, a polêmica maior do meu time, tirei o menino craque Jesus. Coloquei Marinho. Confesso que vi alguns jogos do Palmeiras uns 15, e apesar de saber de todo o potencial dele, não vi ele sendo tão importante e tão decisivo para o clube nesses jogos, diferentemente do Marinho para mim, que todo jogo do Vitória que ele estava era fundamental para a campanha do time baiano.

Outra ressalva importante, fiz uma escolha muito mais emocional do que técnica. Jailson no gol foi bem demais e carrega a estatística de não ter perdido nenhum jogo, mas para mim, ninguém foi tão exigido (por motivos óbvios) e pegou tanto, quanto o Danilo Fernandes, o goleiro do Inter assim como em 2015 pelo Sport, fez outro campeonato brasileiro gigantesco.

Para técnico, escolho Jair Ventura, os números do Cuca são inquestionáveis, mas no início do campeonato qual era a pretensão do Palmeiras? Sim, jogar pelo titulo. E qual era a do Botafogo, mesmo com G6 ninguém ousava dizer que o time brigaria pela Libertadores, não só brigou, como ficou com a vaga, por isso meu voto vai nele.

E para vocês, qual a sua seleção do campeonato?

E se o campeonato acabasse na 17ª rodada?

Neilton010816

Depois de uma semana tumultuada, voltamos a ativa e com o nosso querido post pós rodada completa.

E o Corinthians seria o campeão, o time que segue vencendo mesmo com Romero e já alcança o primeiro lugar na tabela, independente de o time continuar o não, alcançar a ponta nesse momento é simbólico, normalmente o campeão do primeiro turno leva o caneco.

Outro que assumiu a vice liderança e também vem embalado é o Santos, a molecada da Vila segue firme e forte, com Vitor Bueno em estado de graça nesse campeonato. Mais um jovem surgindo no time do litoral paulista, que novidade, né?

Fechando o G4, estão o Palmeiras e o Grêmio. Contudo, ambos precisam ficar atentos, porque Flamengo e Atlético-MG estão em ascensão e pedindo passagem, junto com o Santos são os times que estão no melhor momento, logo, o clássico entre Santos x Flamengo promete na 18ª rodada.

No meio da tabela, destaque positivo para o Sport que embalou a terceira vitória consecutiva e descolou da perigosa zona de rebaixamento, Diego Souza parece a vontade com a camisa rubro negra e já encosta na briga pela artilharia, Jesus ainda lidera com 10 gols.

O destaque negativo vai para São Paulo e Inter, o tricolor paulista bateu o recorde de público do campeonato (55.000 pessoas dentro do Morumbi), mas ficou encantado nos primeiros minutos e viu a Chape ser novamente uma pedra no sapato, o time de Bauza já está a 3 jogos sem vencer no campeonato.

O Colorado vive drama maior, são 09 jogos sem vencer e o time que dividia a ponta com o Grêmio no início do campeonato, agora vê a 3 pontos de distância a zona do rebaixamento.

Enquanto isso na parte debaixo da tabela, estão Coritiba, Santa Cruz, Cruzeiro e América-MG, tirando o Cruzeiro que acredito que irá melhorar com a chegada de Mano, a sensação que eu tenho é que a disputa pela última vaga ficará bem restrita a Vitória e Figueirense, entre os 5, apenas um se salvará.

A 17ª rodada terminou com 22 gols, com 6 vitórias dos mandantes, 2 empates e 2 vitórias dos visitantes. Meu destaque individual não poderia ser outro, o novo Neymar, ou o menino Neilton. O atacante do Botafogo teve grande atuação e fez alguns relembrarem a alcunha que recebeu logo que começou. Grande partida e fundamental para a vitória carioca e tirar o Palmeiras da liderança.

E para vocês, como seria se o campeonato acabasse na 17ª rodada?

E se o campeonato acabasse na 11ª rodada?

diegosouza270616

O Palmeiras seria o campeão!

Mesmo com a derrota para o Cruzeiro (que aliás, parece começar a entrar nos trilhos), o Verdão veria seus rivais também perderem e terminaria em primeiro lugar na tabela.

O G4 seria composto pelo Inter que foi surpreendido pelo Botafogo em pleno Beira Rio, o Santos que mais uma vez obteve vitória contundente no clássico contra o São Paulo e o Corinthians que teve a primeira vitória da era Cristovão.

No meio da tabela, destaque positivo para o Galo, o time mineiro embalou a terceira vitória consecutiva e começa a figurar no local que o potencial do time leva, já ocuipa a 8ª posição.

Em contrapartida, o São Paulo é o destaque negativo, o time está a três jogos sem ganhar e caiu para o 10º lugar na tabela. O time que parece viver a expectativa pelo jogo da Libertadores, reflete em campo essa ansiedade. O time que começa a poupar algumas peças chaves parece engessado.

Na parte debaixo, Botafogo, Santa Cruz, Coritiba e América-MG seriam os eleitos para a Série B. Sinceramente, a queda vertiginosa do Santinha precisa de resposta imediata e a próxima rodada é uma boa oportunidade.

O Botafogo dá sinais de melhora e pode sonhar em ficar um pouco longe desse problema, já Coritiba e América parecem que terão um caminho mais árduo,

De qualquer forma, a 11ª rodada terminou com 28 gols, foram 5 vitórias dos mandantes, 2 empates e 3 vitórias dos visitantes. Meu destaque individual vai para o Diego Souza, o Sport teve uma atuação convincente, venceu bem a complicada Chapecoense e o gol do Diego foi uma obra prima.

Não só pelo movimento acrobático de Diego, mas por toda a jogada em si.

E para vocês, como seria se o campeonato acabasse na 11ª rodada?

A polêmica de 87…

titulo87

Diego Souza usou a camisa 87 no ano passado quando jogava pelo Sport.

Leo Moura resolveu escolher a mesma camisa esse ano para usar na sua passagem pelo Santa Cruz. Jogador identificado com o Flamengo, não só escolheu a camisa, como ainda provocou ao dizer que é em homenagem ao Brasileirão de 87 do rubro negro carioca. Lembrando que o Santa é rival do Sport em Pernambuco.

No ano desse campeonato tinha apenas três anos, portanto não consigo compartilhar o sentimento da época, mas olhando dados e buscando sempre a figura do velho pai para sustentar minhas alegações.

Fico com a sensação que no meio futebolístico é mais do que reconhecido que o campeão brasileiro foi o Flamengo, era o campeonato com os principais times.

Do ponto de vista técnico, o campeonato da CBF foi o vencido pelo Sport.

Fui descobrir que o grande problema foi um disse que me disse de Eurico Miranda, sim ele, combinou algo com o grupo de clubes que criaram a Copa União e combinou outra cosa com a CBF. Logo, confusão a vista e esse dilema.

Como já aconteceu de alguns campeonatos possuirem mais de um campeão, sou mais que a favor de aproveitar o ano que vem onde completará trinta anos dessa lenga-lenga e anunciar os dois como autênticos campeões ainda mais porque não houve o tal cruzamento final.

Coloca o asterisco, explica a confusão e avisa que 87 foi rubro negro.

E se o campeonato acabasse na 31ª rodada?

622_50fdb267-3b20-3add-8807-9720a8dc4b69

O Corinthians seria o campeão com um vitória contundente. Aliás, com a derrota por goleada pelo Galo, podem entregar a taça. Mais do que os 08 pontos de vantagem, a consistência que o Corinthians joga o credencia para o título. Agora é pensar se o time bate o recorde de pontos do Cruzeiro, faltam 14 pontos em 21 possíveis, é bem possível.

O Galo terminaria vice mas com um belo carimbo do Sport. O time parece ter superado aquele mal momento no fim do primeiro turno e reencontrou seu bom futebol com Falcão. Diego Souza passeou ontem e comandou a vitória por 4×0.

Fechando o G4 seguiriam Grêmio e Santos. Contudo, a vaga do Santos possui vários concorrentes, com destaque para a Ponte Preta, o time que se olhássemos apenas os últimos cinco jogos, o time dividiria a ponta com o Corinthians. Vem embalado e pega o Atlético na próxima rodada que pode ser a pá de cal no Brasileirão de 2015.

Ainda no meio da tabela, destaque para Mano Menezes que arrumou o Cruzeiro e está a 7 jogos sem perder. Não resta muita pretensão para o time, mas é um time que dificilmente perderá nessa reta final.

Na zona da confusão, a Chape mostrou força e se afastou um pouco, deixando a briga entre 6 times. Figueirense(34), Avai(33), Coritiba (33), Goiás(31), Joinville (30) e Vasco (29). Apesar da lanterna, o cruzmaltino é o time que mais somou pontos entre esses times nos últimos 5 jogos. Goias, Avai e Coritiba estão ladeira abaixo. Vasco, Joinville parecem melhores, mas precisam tirar o peso das últimas posições. Por enquanto, bem imprevisível o final.

A 31ª rodada terminou com 5 vitórias dos mandantes, 4 dos visitantes, um empate e vários erros de arbitragem. Foram 34 gols na rodada, uma ótima média de 3,4 por jogo. Meu destaque da rodada vai para Diego Souza, Biro Biro e Renato Augusto também merecem menção honrosa, mas o meia do time pernambucano comandou o time na goleada sobre o vice do campeonato e esbanjou toda categoria que já vimos nesse jogador.

E para vocês como terminaria a 31ª rodada?