O verdadeiro fato novo…

tite21

Acho engraçado como somos reféns dos nossos repetidos erros.

Reclamos da atuação da nossa seleção, esquecemos de olhar como o mundo faz e sentamos no ignorante isolamento de que resolveremos tudo aqui dentro. Precisamos assumir a primeira verdade, somos ultrapassados.

Nossa seleção sobrevive pelo talento, que é gigantesco, mas sempre teremos algumas seleções a frente coletivamente, enquanto continuarmos com esse pensamento bairrista.

Enquanto, uma filosofia, um esquema, um trabalho de formação real dos jogadores para que eles assumam a seleção não for feito, nossos times serão sempre catados, por muitas vezes ou sempre, ótimos catados, com a chances até de títulos, mas ainda sim, catados.

Outro questão importante fugindo da seleção, mas um mantra dentro do nosso território é a falta de paciência com o pofexo. Estamos insistindo na burrice de avaliar trabalho de treinador com apenas um mês, tanto para elogiar, quanto para massacrar.

De verdade, é possível alguma análise sobre o produto entregue por Aguirre, Bauza, Cuca, Deivid, Levir e Muricy? Cada um a sua forma, estão implantando sua filosofia, seu esquema tático, enquanto os jogadores estão ainda entendendo, consequentemente, errando muito para aprender.

É completamente absurdo julgar um trabalho antes de pelo menos um semestre. Qualquer outra decisão pela glória ou inferno de qualquer um desses é fruto de subjetividades nossas, é se apegar em misticismo, ou na velha máxima, era preciso um fato novo.

Fato novo hoje em dia em nosso futebol, é deixar um treinador trabalhar, isso sim um tremendo fato.

Anúncios

Pitacos enquanto a bola não rola…

roger-machado-bob-8771872729

Ontem, Atlético-MG e Inter entraram em campo pela Flórida Cup.

E apesar de ainda faltar alguns dias para o nosso futebol voltar com tudo, será interessante ficar de olho em como os times irão render para 2016. A sensação que tenho é que estamos partindo para um salto qualitativo da questão tática e organização dos times.

Fico com a sensação de que 2016 será um bom ano aqui pelo Brasil. E aqui vai alguns pontos que quero ficar de olho ao longo do ano.

1 – Tite e o Corinthians: Após a China sair as compras, a pergunta que fica é o que esperar do atual campeão brasileiro, como Tite irá dar liga para esse time e como remontará a estrutura dele.

2 – Aguirre e o Galo: Para mim é o time a ser batido nesse início do ano, manteve a base, treinador novo e bons reforços para compor o elenco. Cazares jogou pouco ontem, mas mostrou que pode realmente ser interessante e que Datolo terminou bem o ano passado e já começou bem de novo.

3 – Flu e Eduardo Baptista: O treinador tem a chance de ouro, após bom trabalho no Sport, assumiu o Fluminense e agora teve tempo de impor seus conceitos, além disso, o time saiu as compras e montou um bom time, pode dar liga.

4 – Falcão e Sport: O time também foi desmontado do meio pra frente, mas buscou boas peças e vem se consolidando como uma força nos últimos anos, o que acho incrível, a grande questão é se Falcão enfim, vai decolar.

5 – Palmeiras e Marcelo Oliveira: Novamente o time saiu as compras, com ímpeto menor que no ano passado, mas ainda sim, foram 08 contratados, Marcelo é ótimo treinador, mas tá na hora de fazer esse time jogar bem.

6 – Bauza e São Paulo: O tricolor parece iniciar uma nova era, sem Ceni, o time trouxe um treinador mais copeiro e manteve boa parte do grupo que terminou o ano, no papel parece um bom time, resta ver se Bauza além de liga, conseguira junto com Lugano dar brio para esse time.

7 – Roger e Grêmio: Para fechar coloquei aquele que para mim sai na frente em 2016. O Grêmio foi o único que acabou o ano bem, conseguiu manter praticamente o time inteiro, não perder ninguém importante, trazer reforços pontuais, e manter o treinador. A tendência é que evolua em relação ao ano passado. O único problema é o grupo dificílimo que caiu na Liberta, um tropeço que não seria absurdo pode jogar todo esse planejamento fora.

Poderia ainda incluir Inter e Cruzeiro nessa lista, mas não vi algum fato de destaque nesses times, apesar da curiosidade por aguardar o trabalho de Deivid.

Abs,
Cadê Meu Camisa 10

Siga no Twitter: @cademeucamisa10

Entre carteirinhas, metro e Deivid…

Post24072014

Ontem em meio a maratona futebolística e aos causos envolvendo Flamengo, Santos e Corinthians, deu para perceber o quanto manter o futebol como ópio do povo é interessante. São várias as frentes que precisam avançar.

Começando pelo Flamengo. O time resolveu “reapostar” no pojetu de Luxemburgo. Nossa mentalidade é covarde, insistimos em soluções do passado, que são problemas do futuro. Não arriscamos no novo, e pior quando o novo aparece é motivo de chacota. Entre o gigantesco erro de repetir Luxemburgo, houve algo interessante. Deivid! Sim, o centroavante foi escolhido como auxiliar técnico do pofexo.

Se vai dar certo, não tenho a menor idéia. Se estudou e se preparou para isso, também não sei. Agora, tornar ele a maior piada do retorno de Luxa, mostra o quão tacanho somos. Em sempre diminuir o novo, assim se perpetuando para sempre como a única solução.

No Santos, a história sobre as carteirinhas falsificadas, sendo que algumas com nome de Al Capone, Don Corleone e até Alexandre Nardoni são dignas de altar para os grandes chefes do coronelismo. Para que comprar voto, se eu posso criar eleitor? Ou melhor ainda, para que convencer os eleitores de minha proposta, se eu já me convenci disso.

E para fechar, a matéria que mostra corintianos perdendo o último vagão do metrô devido ao horário. Sim, aqueles que esperaram o jogo acabar, não conseguiram chegar a tempo para pegar o transporte que os levariam para casa. Ao invés de cobrarmos das emissoras de TV, um horário mais compatível, ou então que, se provado que esse horário é bom, que nossos transportes públicos tenham horários flexíveis em dia de jogos.

Ficamos com a sensação que apenas copiar o que a Alemanha faz com a sua seleção, sobre o planejamento, filosofia e metodologia, basta, mas estamos longe de resolver as coisas simples ainda, o que dirá essas mais complicadas.

Ou seja, ainda tem muita coisa para resolver dentro e fora das quatro linhas.

Pitacos: Só me restou levantar, olhar para minha TV e aplaudi-lo. Um show!

Galera do blog, a 28ª rodada se foi e com ela duas goleadas, Ronaldinho em noite iluminada, Fred decisivo e o São Paulo enfim ganhou uma partida decisiva. A rodada teve 26 gols, 7 vitórias dos mandantes, 2 empates e apenas 1 vitória dos visitantes.

A rodada que começou na quinta em virtude das eleições, começou muito mal. A primeira partida foi o insosso 0x0 entre Flamengo e Bahia. O time carioca está oscilando muito nesse segundo turno, se alguns times embalarem na parte debaixo, o rebaixamento pode ficar bem próximo. Para o Bahia que começou o segundo turno avassalador, esse empate é importante para somar pontos.

O Coritiba venceu a Ponte Preta pelo placar mínino anotado por Deivid. O time paranaense começa a escapar do rebaixamento, como já disse anteriormente, o time é muito melhor do que a posição que ocupa. Já a Ponte parece ter sentido a saída de seu treinador e tem grandes chances de trocar de posição com o Palmeiras.

Para fechar a quinta, a Barcelusa voltou a dar o ar da graça. Com três gols de Bruno Mineiro, a Portuguesa atropelou o Sport por 5×1. O Sport parece pronto para fazer companhia para Figueirense e Atlético-GO na Série B em 2013. Já a Lusa, precisa se preocupar em como conseguir manter o elenco para 2013, existem ótimas peças e os grandes times já estão de olho.

O sábado começou com o clássico paulista. O São Paulo dominou completamente a partida e venceu por 3×0 o Palmeiras. Foi nítido que após o terceiro gol, o time tirou o pé, a escalação de Denilson e Wellington juntos foi fundamental para o resultado, permitiu um equilíbrio para o time que não há com Maicon. Já o Palmeiras, resta juntar os cacos pois durante a semana tem mais decisões.

Santos e Inter empataram em 1×1 dentro da Vila Belmiro. Foi a melhor partida do Santos sem Neymar no time, foi longe de ser uma boa atuação, mas o time esteve mais equilibrado e Bernardo conseguiu produzir alguma coisa. Já o Colorado melhorou na segunda etapa, até poderia sair com a vitória, mas o time que mais empata não poderia pensar em resultado diferente.

O Naútico continua a conquistar seus pontos dentro do Aflitos, o time tem 32 dos 37 conquistados em seus domínios. Anteontem, a vítima foi o Corinthians que perdeu por 2×1. Fabio Santos e Paulinho sairão de lá com duas lembranças, o primeiro voltou com uma boa dor nas costas e o segundo pelo reencontro com seu pai antes de começar a partida.

O Vasco foi a Goiânia e conseguiu um ótimo resultado ao vencer por 1×0, gol de Juninho Pernambucano. O gol saiu apenas aos 41 do segundo tempo, mas o time carioca dominou a partida, mas tinha dificuldades para furar a barreira goiana. O Vasco parece que acertou na hora certa, enquanto o Dragão já se contentou em jogar as próximas partida e quando der aprontar alguma.

Parece replay, Fluminense vencendo um clássico por 1×0, gol de Fred. A única diferença é que dessa vez, o adversário foi o Botafogo. O Fluminense não tem brilhado em campo, mas tem sido muito eficiente e conta com Fred em ótima fase, o Botafogo até fez um jogo parelho, principalmente com Seedorf e Elkeson, mas não foi suficiente.

O Grêmio venceu o Cruzeiro por 2×1. O jogo poderia ter sido mais fácil para os tricolores, porém Fabio estava em noite inspirada e evitou uma goleada gremista, além disso, o Grêmio foi surpreendido e terminou a primeira etapa perdendo por 1×0 em falha de Marcelo Grohe. Na segunda etapa, os reservas viraram o placar e Fabio evitou uma tragédia para a Raposa.

Para acabar, a iluminada noite de Ronaldinho Gaúcho. Todo mundo sabe, o quanto considero ele questionável, mas quem viu o primeiro tempo no Independência lembrou daquele mesmo Ronaldinho que fez um Santiago Bernabeu se levantar para aplaudi-lo, eu fiz o mesmo em casa. O jogo terminou 6×0 para o Galo, Ronaldinho fez 3 e deu duas assistências, só não participou do último, provavelmente porque não quis.

Rapidinhas do Camisa 10 – 29.08.2012

Lei do Calote. Para quem não sabe está rolando um projeto de lei que pretende “perdoar” a dívida de todos os clubes com o intuito de que eles passem a investir na formação de atletas olímpicos. Parece tudo muito lindo, mas na verdade é tudo uma manobra para que os grandes clubes do Brasil fiquem mais fortes ainda, criando um abismo entre os times médios. Lamentável.

Atitude bunga-bunga. O Milan teve uma atitude mesquinha com o folclórico Zé Love. O time de Berlusconi que contratar o atacante mas diante da seguinte proposta, ele rescindia com o Genoa ficava guardado em um canto e se o Milan não encontrasse mais ninguém ai ele assinaria com o Milan, caso contrário ficaria sem clube. Tipo, isso…

Só faltam 07. Túlio está de volta ao Botafogo, o jogador que precisa de apenas sete gols para alcançar o milésimo gol (na conta dele, que soma até os feitos nos churrascos em Goiás), irá participar de alguns amistosos com o time juniores do Botafogo e não duvide se ele entrar em campo pelo time profissional para marcar o milésimo gol. Vindo de Túlio, eu não duvidaria.

Tratamento de choque. Mourinho resolveu tratar Kaká no melhor estilo “Tropa de Elite”. O marrento treinador português tem constantemente adotado o ‘pede para sair’ com o meia, para o treinador ele só libera para o “terceiro mundo do futebol” (leia-se Brasil e Estados Unidos). Porém Kaká tem sido muito inteligente, se finge de sonso para conseguir sua ida para o Milan.

Seis por meia dúzia. Hernan Barcos mostrou ser um atacante extremamente inteligente, e olha que não estamos falando da sua expertise em fazer gols. É que Barcos estará facilmente adaptado a seleção Argentina, pois no Palmeiras seu companheiro de ataque é o mesmo com pequenas diferenças, sai Black Messi e entra Messi o Original.

Chumbo trocado. Tite resolveu comentar sobre a simulação de Paulo André no jogo contra o São Paulo, só que dessa vez, seu Adenor foi mais comedido na declaração. Espero que tanto para Paulo André e Tite o chumbo trocado ocorrido sirva para todos entenderem que a responsabilidade da arbitragem é dos árbitros, que os “fala muito” do futebol só atrapalham.

Um bom começo. O duelo entre Fluminense e Vasco foi um bom jogo e teve um belo gol de Thiago Neves, mas a nota mais importante aconteceu fora do campo. A polícia do Rio de Janeiro prendeu torcedores do tricolor e levaram para Bangu 2. Diferente das outras vezes que eles só ficavam na delegacia, dessa vez a atitude mudou, e que seja assim daqui para frente.

Um pouco de números… apenas uma comparação entre os campeonatos brasileiro e inglês na rodada que passou. No campeonato inglês foram 183 faltas em 09 jogos, média de 20,3 por partida, com 17 amarelos e 1 vermelho. Nosso querido campeonato tivemos 395 faltas em 10 jogos, média de 39,5 e 59 amarelos e 4 vermelhos. É para chorar…

A força da Internet. Mais uma daquelas pesquisas, o site Pasion Libertadores divulgou uma pesquisa onde Ceni foi eleito o jogador brasileiro mais importante da história da Libertadores, superando Pelé e Zico. Lógico que Ceni tem seus méritos e números que poderiam colocá-lo em tal posição. Mas a vitória com 77% mostra que naturalmente o público dessas pesquisas pouco ou mais provavelmente nunca viram Pelé e Zico jogarem.

Pai Camisa 10 e suas visões… Lá vou eu fazer uma previsão para quebrar a cara depois, Deivid está quase certo com o Coxa. Espero realmente que ele vá para o time paranaense e aposto que desandará a fazer gols. Deivid sempre teve muito futebol, esteve em má fase no Flamengo e foi colocado de escanteio. Tenho certeza de que voltará a ser o artilheiro de sempre.

Dúvida da semana. Keirrison, Zé Love, André Lima, Afonso Alves ou Peter Crouch? Quem você gostaria de ver “reforçando” o ataque do seu maior rival?

Rapidinhas do Camisa 10 – 08.08.2012

Levezinho cheio. Liédson, na sua apresentação no Flamengo, disse que está cheio de gás para queimar no novo clube. O levezinho pode dar certo e ajudar a criar espaços para Love, mas sua declaração a respeito do gás foi feita na hora certa, se fosse na época do Luxemburgo, o pofexô não ia gostar.

Parceria com o IBAMA… Falando no rubro-negro, Patricia Amorim descobriu como fará para o Flamengo não perder mais nesse campeonato, o elenco foi reforçado de 5 tatus e 6 topeiras, prontas para as vésperas das partidas em casa atuarem esburacando o gramado. Viva o jogo adiado.

Modo recontagem ativado. Jô disse que já marcou 7 gols no campeonato, só que 3 foram anulados equivocadamente, portanto é injusto ele estar longe do artilheiro Alecsandro na disputa. Ainda bem que não foi o Deivid que reclamou os gols que eles mesmo perdeu erroneamente, caso fosse, seria o artilheiro máximo do Brasileirão.

Troca troca interessante. São Paulo e Santos iriam promover uma troca interessante, Casemiro e Cícero por Ganso. Mais interessante para o São Paulo, mas interessante. Os jogadores seriam apenas emprestados, para ver se outros ares fariam Casemiro e Ganso recuperarem o bom futebol. Mas como disse no começo, iriam. A negociação melou.

Exemplo de punição. Breno parece estar vivendo dias terríveis na prisão, pelo menos segundo o relato da sua esposa. Nada contra o jogador, não vou julgá-lo, apenas quero deixar claro que fico “assustado” no bom sentido com o exemplo de punição aplicado na Alemanha. Sem direito a recorrer, converter em cesta básica, ou qualquer outra coisa do gênero.

Santa Heresia! Em compensação, o estatuto do Palmeiras tem tudo para cometer uma tremenda asneira e punir o ídolo São Marcos. O estatuto não permite que os sócios exerçam atividade remunerada para o Palmeiras. O problema é que Marcos foi atleta do time até o final do ano passado.

Ponto de vista… A imprensa esportiva é curiosa, se o Barcelona troca inúmeros passes de lado é genialidade, se a Coréia do Sul faz isso é falta de tato com a bola e não sabem o que fazem, agora se é o Brasil, a culpa é do calendário que não permitiu o técnico dar um padrão tático a seleção.

E o vento levou… Parece que Euller, o filho do vento está extremamente chateado com Fabiana Murer, após a atleta culpar seu pai pelo seu mau resultado, Euller disse que isso era impossível já que seu pai jogava dominó com ele no sitio da família no interior de Minas.

Capa anunciada. Mais uma da nossa querida imprensa, quem duvida que milhares de veículos de comunicação irão estampar a seguinte manchete amanhã: “Brasil avança para a final em busca de sua inédita medalha de ouro, e irá enfrentar seu maior carrasco dos últimos tempos”

Você sabia… que até o Roni da novela Avenida Brasil recusou jogar no Flamengo? O jogador disse que prefere virar estilista do que jogar no Flamengo. Que fase, hein Patricia?

Dúvida da semana. Nada contra Lucas, nem tampouco algo contra Oscar. Mas se um vale, R$ 113 milhões e outro R$ 80 milhões, quanto será pago por Neymar, a jóia santista?

Dúvida da semana 2. Se dentro de um estádio, estivermos Mick Jagger torcendo para um time e Patricia Amorim para o outro é possível terminar -1 x -1?