A maior contratação de um clube brasileiro…

Eu prometo não ficar mais aqui prometendo que agora voltei..rs..

Mas, vire e mexe, irei arranhar alguns comentários sobre qualquer assunto que seja pertinente ao futebol atual. E vamos nós falar de Daniel Alves.

O São Paulo anunciou de forma extraordinária o retorno de Daniel Alves para o Brasil. Sinceramente, foi surpreendente para mim, Dani, apesar da idade (hoje tem 36), ainda possui futebol de elite e tinha espaço como bem disse e muitas ligas fortes da Europa. Na minha cabeça, a maior contratação da história do São Paulo, mas e do Brasil? Qual seria?

Para mim, Daniel Alves é a segunda maior contratação da história do futebol brasileiro. Só perdendo para Romário em 95, contratado pelo Flamengo. Em terceiro, fica Ronaldo no Corinthians. Vou explicar minha opinião nas linhas abaixo, mas já fiquem a vontade para reclamar.

Romário é a maior, porque em 94, o atacante foi estrela principal da Copa de 94, tinha ido a peso de ouro para o Barcelona, jogava em um time fortíssimo que disputava títulos, mas nada disso foi suficiente para manter ele lá, simplesmente pela paixão pelo Rio e ao Flamengo (apesar de ainda ter dúvidas de qual o real time do coração do Baixinho) ele voltou a jogar em 95 em terras tupiniquins.

Pensa agora, quando alguém conseguirá trazer para o Brasil um candidato a bola de ouro, que acaba de ser decisivo na conquista de uma Copa do Mundo e com 29 anos. Sinceramente, acho que não acontece mais esse feito.

E porque Ronaldo abaixo de Daniel Alves? Ronaldo, deixou um legado fenomenal (não podia perder a oportunidade) após sua passagem, mas sua contratação veio cheia de desconfiança, o próprio clube do coração, o Flamengo não tinha oferecido uma boa proposta ao Fenômeno, Ronaldo apesar de estar em uma classe acima de Daniel no futebol, passava por um momento delicado, onde ninguém botava fé.

Sendo assim, coloco Daniel como uma contratação gigante, a segunda maior da história do futebol brasileiro.

Ronaldo talvez, ganhe o destaque do jogador que deixou o maior legado após a sua passagem, mas na época sua contratação não foi do mesmo tamanho que a do Daniel Alves.

E aí, eu pergunto, qual o seu Top 3 de contratações do futebol brasileiro? Além dessas, mais alguma contratação que vocês consideram gigante para o futebol brasileiro (não vale importante para o clube, tem que ser grande para o futebol nacional) ?

Pensando rápido, considero a chegada de Seedorf também, uma contratação de impacto.

E vocês?

A lista de Tite e uma controvérsia…

Fagner 15052018.jpg

E Tite divulgou sua lista para a Copa da Rússia 2018.

Logicamente não poderia ter sido diferente, com seu pragmatismo atual e sua habilidade de “dobrar” a imprensa. Porque pouco se criticou a lista, uma argumentação ali ou outra acolá, mas você não tem como dizer que a lista é um absurdo.

Porque em nenhum momento, Tite não deu esses indícios, porque não tem ninguém despontando de forma absurda para ser cogitado e tampouco algum medalhão em baixa. Talvez, tenha sido a primeira lista desde de que me entendo por gente que não levanta uma grande polêmica.

Se eu convocaria diferente? Lógico, todos aqui tem suas preferências e mania de treinador. Eu trocaria 4 posições, Vanderlei por Cassio, Mariano por Fagner, Rodriguinho por Fred e Taison por Luan. E ficaria triste por não encaixar Arthur nessa lista também, teria 24 entre os meus relacionados.

Eu particularmente, tenho uma única ressalva mais dura sobre a lista, Fagner. Por muito tempo neguei o futebol jogado por ele, provavelmente hoje ele jogue futebol pela lateral no mesmo nível de todos os concorrentes da posição, Danilo, Rafinha, Mariano, etc, só mesmo Daniel Alves está acima, e, possui a vantagem de ser de confiança do treinador, por isso entendo a convocação por parte de Tite.

Contudo, quando escuto o discurso encantador de Tite não entendo a convocação do lateral do Corinthians, um jogador que por diversas vezes não tem a menor vergonha de entrar de forma maldosa nos companheiros ao ponto de tirar de atividade por longos tempos não deveria ser premiado com uma convocação.

Entrada dura, dividida e lance acidental podem tirar um jogador de atividade, faz parte da profissão, na boca do povo, é acidente de trabalho, agora entradas corriqueiras do lateral como a que ele fez contra o Ederson (na época no Flamengo) entre outras, mostram o total desrespeito com o colega de trabalho.

Assim como por um bom tempo a convocação do Rodrigo Caio era muito mais pelo que ele representava de valores do que de futebol, a convocação de Fagner é oposto, mostra que na cabeça de Tite, o fato de ter trabalhado com o jogador por mais tempo é mais importante do que os valores dele.

Sendo assim, pergunto, vocês concordam com minha opinião? Convocariam o Fagner? Quais jogadores vocês mudariam na relação do Tite?

Mais uma convocação de Tite, restam poucas vagas…

CoutinhoNeymar.jpg

E o Tite soltou mais uma convocação. Dessa vez para dois amistosos em novembro, no dia enfrenta o Japão em Lille (França), e no dia 14 contra a Inglaterra em Londres. Dois bons testes para preparar o time para Rússia e fechar o grupo de convocados.

E pelo jeito salvo alguma surpresa seja positiva ou negativa, o grupo pouco mudará em relação ao convocado por ele. Da lista final para 2018 com 23 nomes, com toda a certeza 18 já estão definidos.

Ederson, Alisson, Cassio, Dani Alves, Danilo, Marcelo, Miranda, Marquinhos, Thiago Silva, Casemiro, Paulinho, Fernandinho, Renato Augusto, William, Coutinho, Firmino, Gabriel Jesus e Neymar. Se ninguém se lesionar (bati três vezes na madeira), ou tiver uma queda abrupta de rendimento, estarão na Rússia.

Dessa forma, restam 5 vagas.

Uma na zaga, Jemerson foi chamada novamente, é o principal candidato, mas David Luiz, Gil, Geromel e Rodrigo Caio também disputam. Aposto em Jemerson ou Gil, mas não duvido que o Rodrigo fair play Caio apareça.

Na lateral esquerda, Filipe ou Alexsandro disputam a vaga, para mim, talvez seja a maior dúvida de Tite, acho que o momento no primeiro semestre definirá.

As três vagas restantes ficam para peças ofensivas do time entre meias e atacantes. Giuliano, Arthur, Lucas Lima, Diego Ribas, Diego Souza, Taison, Douglas Costa, Rodriguinho, Tardelli e Luan são os pretendentes. Aqui eu destaco cinco que saem na frente, Giuliano, Diego Souza, Taison, Douglas Costa e Tardelli. Acho que ficará entre eles, com chance de Arthur aparecer como surpresa.

Sinceramente, não tem como não concordar com a lista de Tite, é logico que todos temos nossas preferências e poderiam aparecer nomes que sequer foram convocados por ele, mas a lista tem sua coerência.

Do ponto de vista do jogo, apesar do time apresentar um futebol sólido, ainda gostaria de ver Coutinho jogando como atua no Liverpool, mas centralizado a esquerda e próximo de Neymar, o trio Neymar Coutinho e Marcelo pela esquerda é de assustar qualquer sistema defensivo.

E de qualquer forma, seria também uma chance de Tite pensar em variações ao longo do jogo, o time precisa também pensar em formas diversas para atuar nesses meses restante até a Rússia.

E para fechar, na foto Coutinho usa a 8, Neymar a 10, a soma da 18, eu acredito em 18 confirmados para a Copa da Rússia que é em 2018, não pode ser coincidência, o hepta já é realidade. Aliás, “o hepta já é realidade” tem 18 letras.

E vocês o que acharam de mais uma convocação do professor Adenor? Concordam com os 18 que mencionei que já estão na Rússia, ou acham que alguém não está garantido? E quem seriam os 5 restantes para vocês?

Comentem, cornetem, divirtam-se.

Sigam nas redes sociais

Qual dupla de laterais você escolheria?

622_f5d3cbf6-331c-3373-90e1-36b17e0e4b09.jpg

E ontem a Juventus venceu o Mônaco por 2×0 e também encaminhou sua classificação para a final da Champions, aumentando as chances de enfim, Buffon ter sua carreira coroada com uma “orelhuda”.

Os dois gols saíram de forma estatística do mesmo jeito, assistência de Daniel Alves, gol de Higuain.

Só que além das assistências, a vitória de ontem fez Daniel bater um recorde, o lateral passou a ser o jogador brasileiro com mais jogos pela principal competição de clubes do mundo, com 142 partidas. Ele ultrapassou Roberto Carlos que possui 141 partidas.

Além disso, Daniel pode ao final dessa temporada se tornar o jogador com o maior números de títulos, superando Ryan Giggs.

E aí, comecei a especular em minha mente, e avancei além da disputa entre Daniel Alves e alguém, aproveitando a também excelente temporada de Marcelo fui mais longe na minha provocação do dia, meu debate é, qual dupla é melhor: Cafu e Roberto Carlos ou Daniel e Marcelo?

Sinceramente, a três anos, eu consideraria lunático levantar tal possibilidade, contudo aquele combo futebol apresentado + números, começam a saltar para a comparação.

Mundialmente falando, a dupla atual é maior, nacionalmente que a questão ainda esbarra, principalmente pelo lado direito. Porque?

Pelo lado esquerdo, a carreira de ambos é similar, inclusive o clube onde estão fazendo história, a diferença é uma Copa do Mundo, não que seja pouco, mas a história de ambos é parecida.

Já na direita, a relação é inversamente proporcional e talvez seja o orientador para escolher uma dupla ou outra, Cafu tem uma história incrível na seleção, é quem mais vestiu a camisa, é o único a jogar três finais consecutivas de Copa do Mundo e enquanto estava em plena forma, era intocável na lateral. Como jogador foi bem, mas sem grande destaque.

Enquanto Daniel, foi ok na seleção e monumental por clubes, ganhou tudo pelo Barcelona, teve passagem formidável por Sevilla e segue importantíssimo na Juventus. Não à toa, os números que mencionei acima o credenciam como.

Como eu sempre digo, é preciso esperar a carreira de um jogador acabar para dimensionar exatamente o tamanho dela, até porque Marcelo e Dani podem ainda beliscar uma Copa no ano que vem, quem sabe.

Mas acima de tudo, fica o exercício de pensar, se você fosse montar uma seleção e tivesse que escolher uma única dupla para compor o seu time, quem seriam os eleitos, Dani e Marcelo ou Roberto e Cafu?

Eu escolheria a atual.

 

Restam 08 na Champions

uclquartas

E saiu o sorteio das quartas de final da Champions.

Dois grandes clássicos e dois interessantes cruzamentos. Vamos a análise do CMC10, eu sinceramente fui surpreendido com o avanço de Leicester e Mônaco, os demais estavam dentro da minha expectativa antes dos cruzamentos iniciarem, apesar de ter achado impressionante a virada que o Barcelona conseguiu.

Bom vamos a análise, no confronto, o segundo time é aquele que decidirá em casa.

Atlético de Madrid x Leicester: Um duelo formidável, porque permite ao time inglês continuar sua epopeia, o Leicester sempre jogará sem a bola e daqui para frente todos os rivais serão pressionados (por causa do tamanho e história) a atacar o Leicester o que colocará o time na condição que ama, contragolpear seus rivais. Para o time de Simeone que sempre se acostumou a “ser Leicester” nessas fases da Champions, será oportunidade de mostrar que também pode propor o jogo.

Time por time, o espanhol é muito melhor, mas algum quê de místico me diz que o Leicester estará entre os 4 melhores da Europa.

Dortmund x Mônaco: Promessa de chuvas de gols, dois times com proposta ofensivas e que tem tudo para ser o jogo mais divertido das quartas. Os franceses que eliminaram Pep e City seguem com seu ataque devastador e surpreendem, já os alemães se acostumaram a ser uma pedra no sapato nas últimas edições, sempre chegando.

Aposto que o Dortmund avance, mas com um duelo agregado de 8×7, 7×6, com muitos gols com certeza.

Bayern Munchen x Real Madrid: Que confronto! Dois gigantes europeus, talvez junto de Milan, os maiores vencedores da história européia, duas seleções que se enfrentaram em 180 minutos, do lado alemão, Ancelotti estava a pouco tempo em Madrid com grande parte dos mesmos jogadores que lá estão, conhece muito do rival e é um especialista em Champions.

Duas camisas pesadíssimas, principalmente a branca, mas vou arriscar em apostar nos alemães, páreo duríssimo, mas acho que a tranquilidade do Bayern no campeonato nacional permite uma preparação mais adequada para o confronto, enquanto o Real também quer La Liga e ela está acirrada.

Juventus x Barcelona: Outro daqueles duelos espetaculares, a solidez da defesa da Vecchia Signora contra o trio MSN, “os futuros” Bolas de Ouro, Neymar x Dybala, o reencontro de Daniel Alves com o Barcelona. E o a sonhada busca por uma Champions do monstro Gianluigi Buffon.

O fato do segundo jogo ser na Catalunha pode jogar a favor do Barça, contudo o time italiano tomou apenas 2 gols em 8 jogos, números de extremo respeito e que credenciam o time para a busca por essa taça inédita para o seu goleiro.

Apesar de toda empolgação na Espanha diante do 99% de fé, vou arriscar mais uma vez e apostar que a Juve avança no duelo.

Portanto, na semi, no meu palpitômetro, teremos Leicester, Dortmund, Bayern e Juventus.

E para vocês?

 

 

Você concordou com a seleção da Fifa 2016?

fifapro2016

Com um pouco de atraso, mas vamos falar da seleção da FIFA.

Nessa segunda a Fifa divulgou sua seleção e o melhor do mundo. Sobre o melhor do mundo pouca coisa a comentar, Cristiano foi escolhido e não houve surpresa para ninguém, na verdade a única sensação que 2016 talvez tenha sido o ano que individualmente ficou mais fácil para alguém destronar a hegemonia Messi-CR7, porém ninguém se destacou a esse ponto, e foi Griezmann que disputou com eles.

Porém o atacante francês pecou e errou (pênaltis) nos momentos decisivos e jogaram contra ele, já o português que não teve um ano brilhante tecnicamente, ganhou tudo que era possível, inclusive uma surpreendente Eurocopa por sua seleção. Cristiano não sobrou em campo em 2016, mas ganhou tudo. Como um jogador é feito de suas atuações e títulos, prêmio muito bem dado.

E agora, vamos falar da seleção, os escolhidos foram: Neuer (Bayern Munique); Daniel Alves (Juventus), Piqué (Barcelona), Sergio Ramos (Real Madrid) e Marcelo (Real Madrid); Kroos (Real Madrid), Modric (Real Madrid) e Iniesta (Barcelona); Messi (Barcelona), Cristiano Ronaldo (Real Madrid) e Suárez (Barcelona).

Sinceramente, achei que algumas escolhas foram preguiçosas de quem não teve capacidade de olhar todos os campeonatos com carinho e resumiram o time ao duelo Barça-Real. Teve muita gente jogando muito bem em outras posições, o CMC10 vai escalar aqui, a seleção 2016 dele.

Donnarumma (Milan), Walker (Tottenham), Sergio Ramos (Real Madrid), Verthogen (Tottenham) e Marcelo (Real Madrid), Kante (Leicester / Chelsea), Pogba (Juventus / Man United), Coutinho (Liverpool), Messi (Barcelona), Cristiano Ronaldo (Real Madrid) e Suarez (Barcelona).

Fiquei fazendo esse exercício ontem e inicialmente Schmeichel (Leicester) e Kroos estavam escalados, mas depois fiz alterações e jogadores como Griezmann, Aubameyang, Neuer, Rafinha, Lewandowski, De Bruyne, Marquinhos, Godin, Varane, passarm pela minha cabeça porque também fizeram um bom 2016. 12 jogadores, mais do que um time, daria para montar um 3-4-3 muito bom.

Por fim, percebi que Neuer, Daniel Alves, Pique e Iniesta foram escalados por preguiça de boa parte de jogadores e jornalistas, muito na sensação de que ninguém vai dizer que eles estão errados em escalar esse trio, mas fica conveniente, não precisa olhar de verdade para ver quem se destacou em 2016 na posição.

Mesmo o meu time, eu acompanho muito mais o inglesão, espanholão e alemão, pode ser que perdi algum bom jogador em alguma posição que tenha atuado na Itália, na França ou em Portugal, por exemplo.

O que fica é o exercício de especular de cada um escalar a sua seleção de 2016.

E aí? Qual a sua seleção 2016?