A promissora geração belga…

belgica050716

E de repente, questionar a promissora geração belga virou o novo coxinha x mortadela, pt x psdb da internet. Principalmente e de forma óbvia entre a crônica esportiva brasileira que parece divida entre o vira latismo brasileiro ou a sindrome de que tudo se resolve aqui..

Eu vi alguém escrevendo isso, e acho que resumiu bem o que tratarei nas próximas linhas, o maior problema é o endeusamento. Até porque a geração belga, nada mais é do que a alcunha que ela já recebeu, promissora. Nem ao céu, nem ao inferno, não são a geração mais promissora da história e tampouco um monte de coitados que tentamos incentivar.

São várias peças individualmente talentosas, com potencial para apresentar um jogo coletivo formidável, porém tem ficado apenas nessa ordem de promessa, eu mesmo levantei a possibilidade deles surpreenderem na Copa de 2014, agora já não crio mais essa expectativa.

Seja por uma dificuldade do treinador, Marc Wilmots, em fazer essas peças darem liga, seja por uma mística de que se trata de uma camisa que não pesa, seja por incompatibilidade entre os atletas, seja lá qual for o motivo, é uma geração que já deixou uma Copa no Brasil e agora a Euro na França ainda devendo, ainda com aquele sentimento de que pode apresentar mais.

A geração ainda é jovem, Benteke, De Bruyne, Hazard e Lukaku, Batshuayi, Ferreira-Carrasco, Origi e Courtois, todos tem menos de 25 anos, ou seja ainda tem muita lenha para queimar, ainda precisam ganhar casca, precisam sofrer com essas derrotas, além de aumentarem seus protagonismos em seus clubes.

Agora, o que ninguém pode reclamar é quando se diz que é uma seleção que vive de um status que nunca mereceu, ela não é vencedora, tampouco genial, ela é promissora, e até que o tempo passe e a torne ou vencedora, ou apenas boa no papel, ela continuará sendo apenas promissora.

A ironia tão constante em nossa vida, logicamente escolheu o time belga como alvo, e como todos que foram colocados a prova, ela terá o tempo e as próximas competições para realmente mostrar aonde ela se enquadra e se no final, será fácil para os extremistas dizerem “eu avisei”, seja ela se tornando vencedora, seja o contrário.

Talvez no Qatar, talvez na Euro seguinte, talvez na Rússia, talvez na Euro subsequente, talvez em competição nenhuma.

Mas por enquanto, a seleção belga seja para o bem ou mal continua apenas, promissora, e tão somente isso.

Anúncios

A Lista de 59 jogadores do Ballon D’or!

f1bcf

E saiu uma lista de 59 jogadores indicados para o prêmio Balon D’or da Fifa!

São 59 atletas distribuidos por 25 países. 13 da Europa (28), 6 da América do Sul (22), 2 Ásia (2), 2 da África (4), 1 da América do Norte (2) e 1 da Oceania (1).

Argentina com 6 jogadores lidera as indicações, seguido de Chile e Espanha com 5 cada.

Logicamente, todo mundo sabe que a disputa será entre CR7, Messi e mais um. Porém é interessante ver como evolui a lista, que passará a ter 23 nomes, para depois dez e por fim os três finalistas.

Fica claro também algumas questões políticas como a indicação de Luongo do QPR para ter alguém da Oceania, assim como os dois asiáticos.

Nosso país está mandando 3 jogadores nessa lista, Coutinho, Neymar e William. Para mim, incluindo Marcelo, formam as melhores peças de uma seleção brasileira.

Fiz o exercício de montar minha seleção do mundo com os indicados, confira:
Neuer, Sergio Ramos, Chiellini, Otamenti, Alaba, Kroos, Rakitic , Neymar, Messi, Hazard, Crisitano Ronaldo.

Nesse exercício, constatei que a defesa é uma piada, improvisei Sergio na direita, já que ele começou lá, mas tive a certeza de que não indicaria nunca Otamendi e Chiellini.
Percebi que faltou Godin, Varane, Hummels, enquanto sobraram Otamendi, Ospina, Medel, Morata, Luongo.

Confira a lista
ALEMANHA: Kroos (Real Madrid), Müller (Bayern), Neuer (Bayern).
ARGENTINA: Agüero (City), Mascherano (Barcelona), Messi (Barcelona), Otamendi (Valencia-City), Pastore (PSG), Tévez (Juventus-Boca).
AUSTRALIA: Luongo (QPR).
AUSTRIA: Alaba (Bayern).
BÉLGICA: Courtois (Chelsea), De Bruyne (Wolfsburg-Manchester City), Hazard (Chelsea).
BRASIL: Coutinho (Liverpool), Neymar (Barcelona), Willian (Chelsea).
CHILE: Bravo (Barcelona), Medel (Inter), Alexis Sánchez (Arsenal), Vargas (QPR-Hoffenheim), Vidal (Juventus-Bayern).
COLOMBIA: Bacca (Sevilla-Milan), Jackson Martínez (Porto-Atlético Madrid), Ospina (Arsenal), James Rodríguez (Real Madrid).
COREIA DO SUL: Son (Leverkusen-Tottenham).
COSTA DO MARFIM: Bony (Swansea-Manchester City), Touré Yaya (Manchester City).
CROACIA: Modric (Real Madrid), Rakitic (Barcelona).
ESPANHA: Diego Costa (Chelsea), De Gea (Manchester United), Iniesta(Barcelona), Morata (Juventus), Sergio Ramos (Real Madrid).
FRANCÊS: Benzema (Real Madrid), Griezmann (Atlético Madrid), Lacazette (Lyon), Pogba (Juventus).
GALES: Bale (Real Madrid).
GANA: Atsu (Everton-Bournemouth), Ayew (Marseile-Swansea).
HOLANDA: Depay (PSV-Manchester United), Robben (Bayern).
INGLATERRA: Kane (Tottenham), Rooney (Manchester United).
ITALIA: Chiellini (Juventus), Pirlo (Juventus-New York City).
JAPÃO: Ozakazi (Leicester City).
MÉXICO: Giovani dos Santos (Villarreal-LA Galaxy), Guardado (PSV).
PERÚ: Guerrero (Corinthians-Flamengo).
POLONIA: Lewandowski (Bayern).
PORTUGAL: Cristiano Ronaldo (Real Madrid).
SUECIA: Ibrahimovic (PSG).
URUGUAI: Cavani (PSG), Sánchez (River Plate), Luis Suárez (Barcelona).

E aí, gostaram?

Orgasmo mental…

Football - Chelsea v Paris St Germain - UEFA Champions League Se

E ontem o futebol mostrou porque ele é deslumbrante.

Paris Saint Germain e Chelsea deram um show de todas as variaveis embutidas em um jogo de futebol.

Teve um jogo de dois times excelentes. Com as duas principais propostas do futebol desde sempre, o Paris detinha a bola e buscava o espaço, o Chelsea apenas observava, calculando a hora de dar o bote final. Existem as variações táticas em cima disso, movimentações e outros subitens, mas quando você monta o seu time, você pode escolher esperar ou atacar. Cada qual com suas virtudes e defeitos.

Durante esse jogo, onde PSG quase achava uma boa trama e o Chelsea quase acertava um golpe fatal, veio a arbitragem para bagunçar o jogo. O juizão exagerou na dose e botou Ibrahimovic para fora do jogo com pouco mais de 30 minutos. A maioria das pessoas defendeu que foi falta passível de amarelo, eu apesar da força do lance, achei apenas uma dividida entre os dois.

Contudo, o jogo prometia tanto, que os times superaram a bobagem do homem de preto e continuaram suas propostas e aí veio a surpresa. O time de Mourinho não estava pronto para jogar com um a mais, não soube propor o jogo e viu o PSG jogar de igual para igual mesmo com um a menos.

O PSG ia tentando de todas as formas um gol, já que na partida de ida na França o jogo havia terminado 1×1. Contudo, foi o Chelsea que abriu o placar, no escanteio Fabregas jogou na área, a confusão tomou conta e o zagueirão Cahill fuzilou Sirigu. Após o gol sobraria pouco mais de dez minutos para o Paris achar o empate, levar para a prorrogação com um jogador a menos.

E o gol de empate veio com David Luiz, a implacável lei do Ex se fez valer mais uma vez. E logo ele que disse que não iria comemorar gol contra o ex-clube em respeito, mas o momento, a condição do gol e tudo mais, foram mais fortes. David correu enlouquecidamente, comemorando a esperança que voltava a surgir para o seu time. Ali, o futebol já nos mostrava porque não é um simples jogo.

Veio a prorrogação e a escolha de um personagem para viver intensamente o que o futebol pode propiciar. Thiago Silva foi o escolhido, logo nos primeiros minutos da etapa extra, o zagueiro cometeu um pênalti infantil, sem o menor cabimento e viu seu time sair atrás na prorrogação. Além disso, a parada para o início da prorrogação mostrava quanto a bobagem do juiz aos 30 do primeiro tempo cobrava o preço agora. O PSG estava cansado em campo, buscando fôlego de qualquer lugar, torcendo por uma falta, uma bola parada para ter alguma chance de buscar a classificação.

E ela veio com um escanteio, cobrança na área e Thiago Silva testa firme para baixo, Courtois voa e faz uma defesa espetacular, monstruosa e salva o Chelsea. Thiago teve a chance de rever o papel de vilão da partida, mas fracassou nesse lance.

Mas eis que o futebol mostra sua magia, no escanteio oriundo dessa defesa magistral de Courtois a bola é novamente lançada na área, novamente para Thiago Silva, só que dessa vez ao invés da testada firme, um toque sutil por cobertura sem chance para Courtois e levando Thiago Silva, David, PSG, Sheik dono do PSG, Blanc, fã do esporte e até os ranzinzas a loucura.

Fazia tempo que não me lembrava de um jogo tão emocionante, obrigado a todos os envolvidos.

Em tempos dessa moda estranha de vídeos que produzem orgasmos mentais. Esse jogo parece ter entrado na mesma onda. Que orgasmo mental no final.

Tá acabando gente, só sobraram 08 seleções!!

size_590_taça_da_Fifa_e_bola_da_Copa_de_2014

E aí a Copa da Zueira e Copa das Copas está acabando, restam apenas 08 times. Mas os favoritos ainda seguem.

Brasil, Holanda, França, Alemanha e Argentina suaram muito para conseguir classificações surpreendentes. Mas no fim, a Copa ficou restrita a europeus e sulamericanos e uma zebra. Além dos já mencionados acima, Colômbia, Bélgica e Costa Rica disputarão as quartas de final.

A curiosidade é que pela primeira vez nas histórias das copas, todos os campeões dos grupos avançaram para as quartas.

Brasil x Colômbia: Como diria Galvão: “É teste para cardíacos, meu amigo”. Se foi difícil contra o Chile, vai ser pior contra a Colômbia. O sucesso e o fracasso dependem exclusivamente do Brasil. Se jogar igual aos últimos jogos, o resultado pode ser desastroso dessa vez, se houver evolução, dá para vencer. A vantagem é que sabemos o máximo que a Colômbia está jogando, a desvantagem é que é muito o que eles estão jogando. É a seleção que mostra o melhor futebol da Copa. Não consigo apostar na Colômbia, então vai Brasil!

França x Alemanha: Grande clássico europeu. a proporção é menor do que o duelo acima. Mas a França está jogando mais nessa Copa, enquanto a camisa da Alemanha é a segunda que mais pesa no varal em Copa do Mundo. Como a diferença entre o futebol jogado entre elas é menor do que no duelo sulamericano, aposto mais tranquilo na camisa alemã. Fico com a turma de Joachin Low avançando.

Holanda x Costa Rica: Olha, não tem como pensar que não será um melzinho na chupeta para o time holandês. Além da minha convicção de que uma hora o encanto costa riquenho irá acabar, o time está completamente desgastado do confronto contra a Grécia, principalmente as principais peças, Brian e Campbell. Confesso que seria uma surpresa absurda ver a Costa Rica com mais uma rodada de sobrevida. Já são a maior surpresa, e por isso, aposto na Holanda chegando em mais uma semifinal.

Argentina x Bélgica: Se olhar pela Copa toda, um jogo complicado para Messi, mas que ele poderá decidir novamente. Se olhar pelo último jogo da Bélgica, o time que prometia ser a sensação, foi no último jogo e foi muita sensação. Se antes, a sensação de que a Argentina já estava na semi assim como a Holanda, agora ainda aposto nos hermanos, mas a tarefa ficou mais difícil. Isso, sem falar no duelo entre Courtois e Messi mais uma vez. Messi pelo Barça não conseguiu vencer Courtois no Atlético em nenhuma oportunidade na temporada 2013/2014.

Rapidinhas do Camisa 10 – 02.04.2014

Sim, Messi também tem pesadelos...

Sim, Messi também tem pesadelos…

Piada pronta, ora pois… Paulo Bento da seleção de Portugal esqueceu a lista de convocados para a Copa em um restaurante. E espero de verdade que seja uma tremenda piada de 01º de Abril. Caso contrário, os portugas gostam de reforçar a fama.

O “emprestável” Elias.. Seguindo com os portugas, o Sporting resolveu tratar Elias na base do terror. Oscila entre aceitar ou não as propostas dos clubes brasileiros, mas na hora de assinar jogam a culpa na conta de Jorge Mendes e o volante fica mais uma janela treinando no Sporting B.

A possível surpresa… A seleção da Bélgica é na minha opinião a candidata como surpresa da Copa. Courtois, Kompany, Vermaelen, Van Buyten, Fellaini, De Bruyne, Lukaku, Mertens e Hazard tem tudo para realizarem campanha histórica pela seleção.

Leão Imortal! Pelo menos é assim que a torcida palmeirense enxerga o ex-goleiro. Em uma votação organizada pela WTorre entitulada Academia de Imortais, Leão lidera a pesquisa que premiará os cinco primeiros com um camarote vitalício no Alianz Parque.

Muito areia para o caminhãzinho alvinegro… Do blog de Rodrigo Mattos na Uol. “Em reunião nesta segunda-feira à noite, Andrés Sanchez, responsável pela obra da arena corintiana, afirmou ao Conselho Deliberativo do Corinthians que o Itaquerão terá custo final de R$ 1,150 bilhão. Esse número representa um acréscimo de R$ 330 milhões em relação ao valor inicial orçado, que era de R$ 820 milhões.” Vai ficar cara a conta para o Timão!

Vai ter Copa! E hino! E o hino da Copa do Mundo chamará “Dar um jeito”. Simplesmente, eu só posso achar que foi de propósito o nome. O recado foi claro que mais uma vez, nosso jeito brasileiro vai resolver a Copa. Eu tenho vergonha de jeitinho que é rotulado por aí.

De olho na Copa da Rússia e Qatar! E o jornal italiano Gazzetta Dello Sport soltou uma lista com os 60 jovens abaixo de 20 anos mais promissores do nosso futebol. A lista possui 6 brasileiros com destaque para Lucas Piazon (2º) e Marquinhos (3º). Januzaj (aquele que precisa escolher por qual seleção jogará) é o primeiro colocado. Confira a lista da Gazzetta aqui.

Aqui se faz, aqui se paga… Diferente do que a Fifa esperava, mas do jeito que o CMC10 já anunciava, a Copa é nossa. Dos mais de 2 milhões de ingressos já vendidos cerca de 1,5 milhão foram adquiridos por nós. Isso mesmo, os tupiniquins, com suas caxirolas é que estarão invadindo nossos elefantinhos novos! Rumo ao Hexa!

Você sabia? Que faz 48 anos que o título do campeonato carioca fica restrito aos quatro grandes. O Bangu foi campeão em 1966! O Brasil tinha só duas Copas do Mundo, Pelé era o craque da época, Inglaterra levava a única Copa do Mundo deles e o Corinthians ainda esperaria mais 11 anos para sair de seu jejum histórico

Dúvida da semana… Quantos brasileiros avançam para as oitavas da Libertadores?