Por nuestro e por nosso futebol

uruguai160217

Você sabe o que anda acontecendo no Uruguai?

A briga que os jogadores estão criando com a Federação Uruguaia (AUF) merecia maior atenção da nossa parte do que estamos dando. Porque para quem almejou que o Bom Senso fosse colaborar com a melhoria do futebol por aqui, quando vemos os jogadores da seleção se posicionando e realmente querendo arrumar o futebol do seu país, é de parar prestar atenção e bater palmas.

Os principais atletas uruguaios resolveram iniciar uma briga com a federação para que o dinheiro fosse melhor distribuído, dinheiro esse por muitas vezes conquistados “as custas” deles.

Os jogadores entendem que suas imagens são exploradas de forma arbitrária, sem o consentimento deles e consequentemente sem um entendimento adequado de como essa verba é revertida dentro do próprio futebol uruguaio. Em resumo, os que os atletas liderados por Lugano, Godin, Suarez e companhia é que além de maior quantidade do dinheiro repassado que exista uma transparência no processo.

Segundo o movimento, a empresa repassa US$ 10 milhões (R$ 30 milhões) por ano para ser repartido entre os clubes, sendo que tem um faturamento superior a US$ 60 milhões (R$ 183 milhões) – valor que não considera a arrecadação com patrocinadores, internet etc. Ou seja, entendem que a verba distribuída poderia ser bem maior.

E o protesto ganha cada vez mais proporções que mostram que os grandes craques não cederão a pressão, ontem, cerca de 500 jogadores protestaram para que o presidente atual da federação peça renúncia.

O movimento que ganhou a hashtag #masunidosquenunca o que mostra que a luta será firme e não só os atletas locais estão participando como contam com a voz dos principais atletas no apoio e atuantes.

Quando olhamos o vizinho e pensamos para cá, percebemos a diferença gigantesca no engajamento dos atletas em apoiarem a melhora do nosso futebol, primeiro porque não lembro de nenhum que faça parte das últimas convocações com postura ou voz que cobre reais melhorias no futebol.

São raros os atletas com grande nome de repercussão internacional com essa postura, hoje só vejo o craque Alex com essa postura.

Existe um problema cultural muito maior no nosso país que surge na educação e que nos deixa “menos” envolvidos com o olhar coletivo e a preocupação com os próximos e consequentemente menos preocupados em melhor onde atuamos, já que a minha parte deu certo.

Olhar para o Uruguai

e aprender com isso, pode ajudar a fazer de cada um melhor e naturalmente de todos “mais melhores” (com liçenca poética..rs) ainda.

Anúncios

Cadê o Bom Senso?

bomsenso

Cadê o Bom Senso?

Desde que Alex tentou levar vantagem ao tocar a bola com a mão, que não quase não se houve nada mais sobre o grupo de jogadores, sabe-se que eles estão correndo com o projeto de lei de responsabilidade dos gestores fiscais.

O projeto em si, recebeu algumas correções que foram propostas, mas algumas coisas ficaram um pouco nebulosas, como a criação de um fundo que basicamente mantém a mesma bagunça feitas pelos clubes, porém agora escondida dentro de um fundo. A frase final foi dúbia de propósito.

Sei que esse é um passo para algumas mudanças necessárias no nosso futebol. Mas sinto que a saída de Paulo André para o futebol chinês enfraqueceu muito o movimento, ainda é preciso saber o quanto Alex e Ceni (outros líderes) irão se engajar na causa após suas aposentadorias.

A sensação que fica é que apenas Paulo André tinha motivação para por a mão na massa pelo grupo, ou então, espero que os jogadores tenham decidido falar menos e fazer mais.

Contudo, ainda vemos algumas coisas acontecendo, por exemplo para as próximas duas rodadas do Brasileirão, 25 jogadores estarão fora de seus clubes. Com algumas curiosidades, São Paulo e Corinthians são os que mais cederão jogadores com 4 cada, ambos sentirão muito as ausências, acho que um pouco mais o Corinthians.

Outro fato curioso é o Botafogo perder seus dois goleiros, Jefferson e Andrey vão para as seleções principais e olímpicas, fazendo com o que o Glorioso tenha que usar seu terceiro goleiro.

Outra matéria interessante e assustadora é que em 2014 entre os 8 primeiros colocados apenas o Inter não teve nenhum atraso de salário, e atualmente, só o Colorado, seu rival Grêmio e o líder que estão em dia, os demais devem alguma coisa. Quase que uma regra de sucesso para os clubes, se não atrasar, você irá mal no campeonato, a não ser que você seja o Botafogo, aí você ira mal de qualquer forma.

Portanto, tirando esse ajuste sobre o projeto de lei da responsabilidade fiscal dos clubes, ainda há muita coisa para se fazer e espero que o silêncio do Bom Senso seja apenas um sinal de que eles estejam trabalhando. E não que a saída de Paulo André para a China tenha sido uma deliciosa coincidência para a CBF e sua turma.

A nossa vergonha…

“A CBF é uma vergonha, VER-GO-NHA!”

Quem escutou essa frase ontem?

Em uma rodada, onde Cruzeiro mostrou que para perder o título, o São Paulo terá que ser São Paulo sempre e que o Cruzeiro terá que enfrentar “outros São Paulos” no campeonato, onde o simpático camaronês que interrompeu a sequência do tricolor paulista deu um verdadeiro mergulho na comemoração, Sheik soltou o verbo após a sua expulsão.

Não vi o jogo, não sei o porque que ele foi expulso, mas resolvi olhar a reclamação pela perspectiva coletiva. Até porque, olhar apenas pela ótica de Sheik não vale muito, jogador polêmico e que constantemente está entre declarações, mordidas, selinhos e sua macaca.

Já faz tempo que uma insatisfação ronda o futebol e recai sobre os ombros da CBF.

É naturalmente compreensível, já que ela é a única responsável pelo rumo do futebol no nosso país. Mas ela é a única culpada?

Muitos dirão que estou sendo incoerente porque considero ela a única responsável, mas questiono sua culpa. Isso se dá, porque acredito que essa responsabilidade exclusiva é que atrapalha. Por isso, que as mazelas recaem apenas no ombro de Ze Medalha e cia.

Eu acredito em duas mudanças.

1) Criação de uma liga independente dos clubes. Pode chamar de Clube dos 13, Bom Senso FC, Pró Futebol, Bolsa Golaço, Liga Independente ou qualquer outro nome bonitinho, o importante é a existência de um órgão que defenda os direitos dos clubes. Nem vou sonhar tão alto a respeito da famosas cotas de TV, penso na parte prática do dia a dia.

Em um órgão onde seja defendido os direitos dos clubes de forma geral, hoje os clubes estão enfraquecidos, precisam defender apenas algo que acontece em seu mundinho, de forma isolada, como o Botafogo pode defender seu jogador nesse caso? Ou como os clubes podem criticar os critérios da arbitragem, se sempre é fulano defendendo um lance específico contra o seu time. Iremos chamar de mimimi, alegaremos o velho chavão “Quero ver reclamar quando for a favor.”.

É lógico que nenhum clube irá defender algo que o prejudique individualmente, agora um órgão pode reunir vários indícios para cobrar uma melhor padronização da arbitragem.

2) Intervenção do Ministério Público. Acredito que o nosso futebol, que é clamado inclusive por quem comanda a CBF como patrimônio cultural do país, um dos nossos tesouros nacionais, deveria ser tratado de forma parecida como a Petrobrás por exemplo. Ou seja, uma entidade privada, mas que seu comandante é indicado pelo governo, afim de defender esse tesouro nacional dentro daquilo que o governo espera. Além disso, determinar que a CBF cuide apenas da seleção brasileira, o que já é vantajo$$O o suficiente.

O maior ganho disso seria a escolha de alguém pelo governo para o comando disso. Essa decisão poderia ser colegiada entre a própria CBF, ministérios do Esporte, a tal liga citada acima e o Bom Senso FC (que espero a continuidade, como órgão de defesa dos atletas). Hoje o que acontece é que se trata de uma entidade privada que ainda não apresenta valores, lucra muito, muito com seleção e nossos campeonatos e não investe em nenhuma melhoria do esporte para o país.

Acredito que CBF, Min. do Esporte, a tal Liga e Bom Senso FC, esse sim poderia ser o ilustríssimo quarteto máigco do nosso futebol. Enfim, Sheik soltou o verbo e disse o que muitos acreditam. Mexeu em uma ferida que não é culpa exclusiva da CBF, mas que hoje é apenas responsabilidade dela.

Animo pequeninos e para nós que adoramos o futebol…

Animopequeninos

Galera do blog, acho que estou em uma semana cricri com o nosso futebol. Mas algumas coisas ainda me surpreendem.

Estava lendo uma matéria ou outra sobre futebol e eis que me deparo com a seguinte matéria: “Federação revoga multa a atacante que mostrou mensagem a crianças.”

Parei, e antes de abrir a matéria fiquei lendo o título. Pensei, é isso mesmo. Estão repensando uma multa para um jogador que mandou uma mensagem de apoio a crianças. Resolvi abrir a matéria, para ver se essa mensagem de apoio era para algum grupo que não merece tanto apoio, tipo fãs do Justin Bieber.

Mas não, a mensagem era de apoio as crianças com câncer. A partida era entre o Real Jaén e Las Palmas, o Real venceu por 3×0 e o atacante Jona resolveu mostrar a imagem acima na comemoração do seu gol.

Eu sei, a Fifa proíbe que os atletas usem artifícios para passar mensagens de qualquer cunho. Concordo que esse controle é adequado, pois já basta as dancinhas do Neymar, era só o que faltava o Don Fredon mostrar a cada jogo uma foto de uma mulher que ele beijou no semáforo ou os demais jogadores do Flu exibirem a camisa “Eu amo a Carol”.

Mas acima de tudo, o bom senso deve ser carro chefe nessas ocasiões. Punir, o atacante com o cartão amarelo já é o suficiente para isso. Cogitar a hipótese de multar um atleta que passou um recado de incentivo a crianças com câncer é querer ser literal demais com as regras em questão.

Sempre ouvi de pessoas formadas e atuantes no Direito que acima de tudo, o bom senso deve estar sempre ao lado da lei.

E parece que no futebol tem lei para o que não precisa, não tem para o que precisa e falta bom senso para tudo.

Rapidinhas do Camisa 10 – 12.02.2014

1896873_1870012813139449_1530855453_n

Naturaliza já.. Já que a Copa é no Brasil, e nossas regras para naturalização são mais fáceis de alterar e pelo bem da Copa, acho que poderíamos naturalizar Ibrahimovic. O sueco está lá todo desamparado porque não vai poder jogar a copa e de repente, o Brasilzão está aí sem um centroavante de ofício. Imagina na Copa.

判斷 … Paulo André resolveu levar seu Bom Senso (判斷) para a China. O jogador aceitou uma proposta irrecusável e vai para o outro lado do mundo. Aposto que se pedisse para a CBF, ela até ajudaria com o dinheiro para a contratação. Agora, Alex e Ceni são as principais liderança do Bom Senso dentro do Brasil.

Estrela solitária firme… Me surpreendeu a postura do Botafogo ontem na estréia da Libertadores, não pela vitória ou pela superioridade técnica sobre o atual campeão argentino, mas pela vibração e garra dos jogadores. O time parece que foi mergulhado no espírito da competição (espírito inventado, porque esse brio deveria acompanhar qualquer time e sempre) ganhou do San Lorenzo na bola e no coração. Ainda não é nada, mas já é bastante.

Galo forte e vingador, mas nada convincente… Já o atual campeão venceu, mas não convenceu. O jogo foi horrível e o Galo mostrou a mesma ineficiência apresentada contra o Raja Casablanca, achou um gol com a dupla Ronaldinho e Jô já quase no apagar das luzes. Vitória boa, para o time ganhar tranquilidade, mas Autuori precisa mostrar ao que veio.

A Copa não é bem para todos… Quando a Copa foi anunciada, um dos lemas é que atingiria o país todo, porém depois do anúncio de todas as seleções sobre os seus locais de hospedagem, vemos que apenas 09 estados e 26 cidades, sendo que 15 seleções ficaram em São Paulo e 26 na região Sudeste.

Mais choro e menos beijinho… Vem da Itália mais uma história no mínimo curiosa. Pela Copa da Sicília o duelo ntre Borgata Terrenove e Bagheria, terminou 14 a 3 para o Bergata. O problema é que os últimos 8 gols foram contra, feitos em apenas 6 minutos. Mais uma vez, uma partida ela está sendo investigada. Se foi combinado, foi muito mal feito, se foi protesto, a causa era séria.

Império do amor ou do terror? Parece chover no molhado, todas as dúvidas que pairam sobre o retorno de Adriano ao futebol, porém dessa vez um sentimento de necessidade ronda nossas cabeças. Se até o final do ano passado, ninguém se importava mais se Adriano voltaria ou não, a dúvida sobre Fred fez com que muitos acendessem uma vela pedindo juízo ao Imperador. Se decidir jogar por 6 meses, ele é tranquilamente melhor do que qualquer centroavante brasileiro.

Momento Ilha de Caras… “Não sei quem ele é. Tem cara de bandido? Se tiver, é bem a cara dela. E ainda fala espanhol? A Bárbara só deve se comunicar com ele beijando muito mesmo” declaração de Monique Evans sobre o affair entre Paolo Guerrero e sua filha Barbara Evans.

Você sabia que…que essa “seleção” a seguir estará fora da Copa; Fabio (Cruzeiro), Rafinha, Miranda, Henrique, Rafael, Ralf, Elias, Ganso, Diego, Lucas e Robinho.

Dúvida da semana… Se era para mudar o elenco inteiro, precisava mandar o Tite embora?

Bom Senso FC segue líder isolado!

622_3da38070-abdb-3c06-a9bd-2cd4be97d697

Eu juro que queria falar apenas da rodada ou da espetacular conquista do Cruzeiro, mas não será possível. O que os jogadores fizeram no início de cada partida ontem, merece total destaque.

Até porque sobre o Cruzeiro não faltarão oportunidades até o final do campeonato para enaltecer a belíssima campanha da Raposa.

Porém, ontem foi dia de Bom Senso FC.

O movimento que pretende melhorar o futebol sob os pilares da melhoria do calendário e o fair play financeiro resolveu mostrar ontem que a intenção é séria e que uma postura da CBF será cobrada!

Ontem todas as partidas foram iniciadas da seguinte forma, após o apito inicial os jogadores cruzariam os braços por cerca de um minuto em protesto, era como se todos respeitassem um minuto de silêncio pela falência do nosso futebol. E assim foi durante as 7 partidas que aconteceram na noite de ontem. Contudo, duas partidas em especial guardaram características peculiares sobre o movimento.

Não a toa, foram as partidas escolhidas pela emissora para serem transmitidas. Primeiro, Coritiba x Corinthians, em campo os dois principais idealizadores do movimento, Alex e Paulo André. Diante disso, a faixa mostrada trazia uma mensagem mais direta, “Amigos da CBF: E o Bom Senso?”.

Mensagem clara para o órgão que cuida do nosso futebol de que eles precisam resolver as questões que os jogadores cobram, o movimento é digno e quer mudanças efetivas e não mais promessas.

Mas, o mais extraordinário era guardado para o jogo entre São Paulo x Flamengo. Dois grandes clubes e que possuem gigantescas chances de estarem na Libertadores do ano que vem sofreram no início da partida uma tentativa de acuar a manifestação durante a partida.

Após as manifestações das partidas que iniciaram as 19h30, os árbitros foram orientados a punir os jogadores com cartão amarelo se prosseguissem com o ato. Porém, apenas Alicio Pena Junior parece ter levado a sério a ordem recebida e mandou o recado para os capitães de São Paulo e Flamengo. Foi quando Ceni, um dos líderes atuais do movimento combinou com os times que eles não iriam cruzar os braços, mas que o protesto seria feito.

A solução foi por cerca de um minuto, os jogadores trocarem bola sem a menor intenção entre os dois clubes. Além do gesto que deixou todos desconcertados, ainda ganhamos por cerca de dez segundos a cena pífia de Alicio correndo atrás da bola por acreditar que os jogadores haviam acatado a sua represália.

Toda a ação do Bom Senso FC merece ser aplaudida de pé, os jogadores mostraram que estão realmente interessados e melhorar o nosso querido futebol. Para quem não viu o vídeo do jogo entre São Paulo x Flamengo confira abaixo.

P.S.: CRUZEIRO PARABÉNS PELA CONQUISTA! Em breve, teremos um texto todo sobre o seu tricampeonato!
E em tempo, Chicão fazia tempo que não via uma declaração tão feliz! Parabéns! Pelo fim dos babacas!