Guardiola 0x1 Mourinho

Galera do blog, ontem o Barça confirmou sua vaga ao empatar com o Real Madrid.

Até aí tudo bem, é o melhor time do mundo e coisa e tal, mas qual foi o saldo dos quatro jogos contra o Real Madrid? Se considerarmos apenas os 90 minutos das quatro partidas, foram 4 gols para o Barça, 2 gols para o Real, uma vitória para o time de Guardiola, três empates e um título para Mourinho.

Olhando simplesmente, os números nem parece que o Barcelona é tão superior assim, e como frisei no final da frase até agora nessa temporada Mourinho já tem título, Guardiola não. Trago essa discussão, não para defender o jogo feio do Real, mas para reforçar que é necessário quando se enfrenta o Barcelona.

Mourinho é tão talentoso como técnico que sabe enxergar suas limitações e adequar o time dessa forma. É inconsequência jogar de igual para igual contra o Barcelona, se fizer isso acontece como no jogo de ida do campeonato espanhol, onde o Real levou uma surra histórica. Mourinho sabia disso e montou o Real da mesma forma que a Inter que ele comandava quando eliminou esse mesmo Barcelona.

Sem querer prever futuro, mas se Mourinho tivesse o volante de verdade, como o Cambiasso que ele tinha na Inter, o resultado seria outro. O único erro de Mourinho foi escalar Pepe, não é possível que não exista ninguém melhor no elenco para fazer a proteção da zaga,

Mas é claro que o Barcelona é o melhor time do mundo, tudo isso baseado em uma premissa que Parreira sempre pregou por onde passou, mas sempre faltou talento aos seus comandados, a posse de bola. O Barcelona tem sempre em seus jogos no mínimo 60% de posse de bola, às vezes chega incrivelmente próximo dos 80%, como aconteceu em alguns confrontos contra o Real.

Os catalões consegue realizar esse fundamento com tanta maestria que o resultado é óbvio, o adversário cria muito pouco contra eles, consequentemente são raras as chances de gol, basta ver o quanto Cristiano Ronaldo apareceu nesses quatro confrontos, pouco, quase nada, nem por isso faço parte do coro que diz que ele é pipoqueiro, acho um ótimo jogador.

Para comparar com nossa realidade brasileira, é a mesma coisa hoje um time querer enfrentar Santos, Cruzeiro ou Inter de igual para igual, é inconsequência. Para ficar mais real ainda o exemplo, basta ver o que Carpegiani fez e o que o América do México fez. O primeiro quis jogar de igual para igual com o Santos, mas sucumbiu no segundo tempo ao talento individual, em compensação, os mexicanos, vieram para não tomar gol no Brasil e tentar fazer o resultado no México, quase deu certo, foi por muito pouco que ontem o Santos não deixava mais cedo a competição.

Enfim, trouxe o tema, porque entendo o motivo de alguns treinadores apelarem para um jogo mais “feio” ao enfrentar um time como o Barcelona, contudo espero que sempre o futebol bonito prevaleça. Mas, por enquanto em títulos: Guardiola 0x1 Mourinho.

Pitacos: Santos 1×0 América-MEX

Galera do blog ontem acompanhei ao jogo do Santos contra o América do México. O Santos venceu por 1×0 gol de Ganso, o resultado foi magro diante do que foi o jogo e o Santos terá que jogar pensando na vitória no México, pois o resultado conquistado na Vila foi “magro”.

O Santos veio a campo com a formação “ideal” de Muricy, em compensação os mexicanos pouparam alguns titulares, pois estão em fase decisiva no campeonato mexicano. Dessa forma, o América veio a campo com a proposta exclusiva de se defender e tentar levar o menor número de gols possível, para depois tentar reverter o resultado em casa. Vendo por este lado, o América conseguiu seu objetivo ontem.

O jogo foi quase um defesa contra ataque, o primeiro tempo começou com o jogo amarrado, o Santos tinha a posse de bola, mas não conseguia criar reais oportunidades, pois esbarrava na retranca mexicana, demorou para a turma de Neymar conseguir assustar, aliás foi graças a ele que o Santos criou a primeira e única boa chance do jogo. Em boa jogada pela esquerda Neymar levou seus marcadores e tocou para Ganso acertar um belo chute e aproveitar a única real oportunidade do jogo. Basicamente, essa foi a única oportunidade real no primeiro tempo, oportunidade que colocava o Santos na vantagem do marcador.

Com a vantagem no marcador, a expectativa era que os mexicanos tentassem partir mais para o ataque no segundo tempo. Veio o segundo tempo e a partida ficou um pouco mais equilibrada, muito mais pela queda de rendimento do time santista do que pelos mexicanos. O América conseguia chegar mais próximo ao gol santista, mas sem levar perigo, em compensação, o Santos conseguia pegar a defesa mexicana um pouco mais desorganizada, mesmo assim as chances não surgiam. O jogo ficou maçante e aí foi a vez de Larrionda aparecer, o juizão uruguaio manteve a sua fama de tentar levar o jogo “na boa”, então os mexicanos liderados por Layun começaram a caçar Neymar em campo, demorou para o juiz tirar o volante do jogo.

O mais engraçado é que no início da partida comentei com um amigo, “Putz, o Larrionda vai apitar jogo do Santos, coitado do Neymar, pode ter certeza, no segundo tempo ele apanha, e o juizão vai querer conversar com ele… ao invés de expulsar os caras..”. Dito e feito.

Em resumo, o Santos tem a vantagem, mas ela é mínima, o time terá que jogar no México para vencer, o Peixe é muito superior tecnicamente ao time mexicano, mas tem que fazer valer a sua superioridade.

Apenas um comentário fora desse jogo, que fase do Cruzeiro, hein!! Na verdade, que time! Pelo que li, o time não fez grande partida, mas ainda sim conseguiu ótimo resultado contra o “insuportável” Once Caldas. E mais que não dá pra deixar passar, que monstro é o Messi, o cara joga de maneira tão simples, que parece fácil fazer golaço. Craque! Fora de série!

Começou as batalhas na América!!

Galera do blog, ontem começou o mata mata da Libertadores e já com dois resultados surpreendentes.

Primeiro, o Grêmio que perdeu em casa para a Universidad Católica. O time chileno é bom e já seria um páreo duro, e para piorar o tricolor gaúcho fez uma péssima partida. Renato Gaucho terá que se mexer no brio dos jogadores para conseguir reverter o resultado. Ao meu ver, ficou muito difícil para o Grêmio e que sirva de lição para os outros brasileiros.

Segundo, a vitória elástica do Velez sobre a LDU, o time argentino tinha totais condições de ganhar em seus domínios, mas não imaginava que seria com uma vantagem tão forte. Apostava minhas fichas no time equatoriano, exatamente pela força do time em Quito e devido ao Velez estar longe de ser um time perigoso.

Contudo, os primeiros jogos começaram surpreendentes ao meu ver. Seguindo com os que ainda virão:

Cruzeiro x Once Caldas: Apesar de todo o favoritismo do Cruzeiro, o time deve tomar muito cuidado hoje em Manizales, o time colombiano está repetindo a mesma tática que o levou ao título em 2004. Não conta com jogadores velozes como daquela edição, mas não pode-se vacilar. É um time que fez poucos gols e tomou menos ainda. Acredito em um empate hoje e vitória no Mineirão por goleada da Raposa.

Santos x América: Toda vez que vamos fazer uma análise do Santos, caimos na vala comum da imprevisibilidade de Neymar. É difícil fazer qualquer prognóstico com ele em campo, pois ele pode destruir uma partida tanto a favor como contra o seu time. Contudo, acredito que o Santos passa com duas vitórias, mas destaco que o time mexicano é muito chato.

Internacional x Penarol: Os comandados de Falcão terão ao meu ver o confronto mais fácil entre os brasileiros, estão enfrentando um time que está jogando apenas com a camisa e faz tempo. O tradicional time uruguaio não consegue montar uma boa equipe há um bom tempo, tem a força da sua torcida quando joga em casa, mas contra um time também tradicional como o Colorado isso não bastará. Acredito que o Inter vença os dois jogos.

Fluminense x Libertad: O tricolor carioca pegou um confronto favorável a ele, o time paraguaio é um bom time, mas tem fama de ficar pelo caminho. Na qualidade, o time paraguaio é levemente superior, mas se o Fluminense colocar a garra dos últimos jogos de novo em campo, Fred levará o time às quartas. Acredito que cada time vencerá sua partida em casa, mas na soma o Fluminense passará com um gol de vantagem.

Além dos confrontos com times brasileiros ainda restam:

Jaguares x Junior Barranquila: Para mim, o time colombiano pegou o adversário mais fácil dessas oitavas, o Jaguares é um time limitadissímo, o time mexicano passou de fase por “falta de opção” no grupo do Inter, a disputa com Jorge Wilstermann e Emelec foi “árdua”. O Junior vence as duas partidas, sendo que na Colômbia é garantia de goleada.

Estudiantes x Cerro Porteno: Junto com o confronto do Grêmio, esse é o confronto mais equilibrado das oitavas, difícil arriscar algum palpite. O time paraguaio possui um bom time e enfrenta um “velho” Estudiantes, digo isso porque a base vencedora da Libertadores é praticamente a mesma, mas acrescida de dois anos na bagagem. Acredito em vitória dos mandantes e uma possível decisão nos pênaltis, mas acredito que o time argentino siga para a próxima fase.

De qualquer forma, Universidad Católica e o vencedor deste último confronto são os únicos times que podem evitar que a conquista seja verde amarela em 2011. E vocês o que acham?

Defenda seus palpites!!

Galera, hoje é o dia do Goleiro, aquele que sempre paga o pato quando o time perde. Meus parabéns especiais para Ceni e Marcos, os Goleiros. Além disso, hoje faz 25 anos que aconteceu o terrível acidente nuclear em Chernobyl. Confira o resultado da rodada.

01º Thiaguinho – 180 pts
02º André Russo – 165 pts
03º Cadê Meu Camisa 10? – 130 pts
04º Jorge / Rodrigo – 120 pts
05º Wallace – 105 pts
06º Wagner – 60 pts

O mês de abril continua embolado, mas André Russo assume a liderança isolada com 515 pontos. Na classificação geral, segue:
01º Jorge – 1760 pts
02º Rodrigo – 1640 pts
03º Thiaguinho – 1615 pts

Clique aqui para conferir os resultados do post anterior.

Seguem os jogos a serem palpitados:
Quarta, 27 de Abril de 2011
15h45 Real Madrid 0x2 Barcelona – Champions League
21h50 Once Caldas(COL) 1×2 Cruzeiro – Libertadores
21h50 Santos 1×0 América(MEX) – Libertadores
21h50 São Paulo 1×0 Goiás – Copa do Brasil
21h50 Horizonte 0x3 Flamengo – Copa do Brasil
21h50 Vasco 0x0 Naútico – Copa do Brasil

Quinta, 28 de Abril de 2011
19h50 Penarol(URU) 1×1 Internacional – Libertadores
21h50 Fluminense 3×1 Libertad(PAR) – Libertadores

Sábado, 30 de Abril de 2011
18h30 São Paulo 0x2 Santos – Paulistão

Domingo, 01 de Maio de 2011
10h00 Arsenal 1×0 Manchester United – Inglês
14h00 Lazio 0x1 Juventus – Italiano
16h00 Palmeiras 1×1 Corinthians – Paulistão
16h00 Internacional 1×1 Grêmio – Gaúcho
16h00 Vasco 0x0 Flamengo – Carioca
21h00 Chivas 2×3 Monterrey – Mexicano

Vai palpitar cara pálida!!

Galera, hoje é o dia do Índio. Veja o resultado da última rodada:
01º Thiaguinho – 125 pts
02º André Russo / Rodrigo – 120 pts
03º Wagner – 100 pts
03º Jorge / Cadê Meu Camisa 10? – 85 pts
05º Wallace – 75 pts
06º Cláudio Lecheta – 60 pts

Clique aqui para conferir os resultados do post anterior.

O mês de Abril está parecendo a última corrida de Fórmula 1, o vencedor será aquele que tiver “mais pneu” nessa parte final. Rodrigo assume a liderança com 360 pontos, mas seguido de perto por Andre Russo e Wagner. Na classificação geral está da seguinte forma:
01º Jorge – 1640 pts
02º Rodrigo – 1520 pts
03º Thiaguinho – 1435 pts

Vejam, os jogos a serem palpitados:
Quarta, 20 de Abril de 2011
16h30 Barcelona 0x0 Real Madrid – Copa do Rei
21h50 Nacional(URU) 0x0 América(MEX) – Libertadores
21h50 Argentinos Juniors(ARG) 2×4 Fluminense – Libertadores
21h50 Santos 3×1 Deportivo Táchira(VEN) – Libertadores
21h50 Goiás 0x1 São Paulo – Copa do Brasil

Quinta, 21 de Abril de 2011
21h00 Palmeiras 1×0 Santo André – Copa do Brasil

Sábado, 23 de Abril de 2011
18h30 Corinthians 2×1 Oeste – Paulistão

Domingo, 24 de Abril de 2011
10h00 Internazionale 2×1 Lazio – Italiano
12h00 Sevilla 3×2 Villareal – Espanhol
15h00 Gama 5×3 Bosque Formosa – Campeonato Brasiliense
16h00 São Paulo 2×0 Portuguesa – Paulistão
16h00 Santos 1×0 Ponte Preta – Paulistão
18h30 Palmeiras 2×1 Mirassol – Paulistão
18h30 Fluminense 1×1 Flamengo – Carioca

Pitacos 24.03.2011

Galera do blog, ontem acompanhei simultaneamente os jogos do Fluminense e do São Paulo, confesso que é um pouco complicado, mas vou passar as minhas considerações e peço que vocês façam seus comentários para ver se posso continuar vendo dois jogos ao mesmo tempo.

O mais curioso dos dois jogos, foi a sensação de injustiça do resultado durante a maior parte do tempo, no do Rio, a justiça aconteceu no apagar das luzes, no de Jundiaí, o futebol mostrou porque é incrível e deu a vitória ao time “desmerecedor”.

No jogo do Engenhão, o Fluminense jogou muito mais com o coração do que com a técnica. O time entrou com espírito parecido da arrancada final de 2009 na fuga pelo rebaixamento, o time foi valente, guerreiro, mas totalmente desorganizado, e essa desorganização culminou em um lance curioso no primeiro gol dos mexicanos. Silêncio no Engenhão que durou pouco tempo, pois na vontade Gum empatou a partida e voltou a colocar a Fluminense vivo na Libertadores.

Após o gol o jogo seguiu por mais ou menos 50 minutos da mesma forma, o Fluminense tinha o ímpeto mas faltava tranquilidade para criar reais chances de gol, enquanto os mexicanos “catimbavam” o jogo a vontade. Foi quando novamente, o imponderável aconteceu, em um lance isolado na ponta direita da defesa tricolor, a bola foi alçada de forma despretensiosa na área e encontrou Digão que colocou a bola para dentro do próprio patrimônio. Nesse momento, o jogo marcava 27 do segundo tempo, e o cenário dava como impossível a situação do Fluminense na Libertadores.

Mas, como diria Nelson Rodrigues, o Fluminense possui o elemento Sobrenatural de Almeida em campo e ele resolveu aparecer, primeiro com Araújo para empatar e depois com Deco aos 44. Sim, Deco, ele que ainda não tinha justificado sua contratação, resolveu aparecer e decidir a partida.

No final, o Fluminense continua muito vivo na Libertadores, mas a tarefa será dificílima.

No jogo de Jundiaí, o São Paulo dominou o jogo inteiro, pressionou o Paulista no seu campo e criou inúmeras chances de gol, enquanto o Paulista teve 5 bons lances e um aproveitamento incrível, pois aproveitou três delas. Enquanto o tricolor, teve mais um pênalti não marcado, quando o jogo ainda estava 1×0 e algumas falhas de marcação no meio de campo. Concordei com a substituição de Carpegiani, Casemiro não estava bem mesmo, contudo ilsinho entrou mas não jogou, poderia ter sido substituído logo no começo do segundo tempo novamente.

O resultado não foi justo, mas o futebol é assim e o jogo serviu para prestar atenção para o próximo jogo que é o clássico com o Corinthians, o lado direito do tricolor está mais equilibrado, mas precisa alguém para tabelar com Jean, do lado esquerdo falta melhor postura defensiva, Juan não tem conseguido dar a mesma segurança que Jean.

Na defesa, fica nítido que Rhodolfo foi uma contratação cirúrgica, o trio composto por ele, Miranda e A. Silva formam a melhor defesa do Brasil atualmente.

Voltando ao jogo, o São Paulo teve uma noite desafortunada, mas nada que comprometa o rumo das coisas. Uma coisa é certo, será um grande clássico no domingo, inclusive com a possibilidade de Ceni marcar o 100º gol da sua carreira.