Cortinas de fumaça…

petersiemsen260216

Parece piada, ontem escrevi sobre a história de uma mentira contada várias vezes e ontem mesmo o Fluminense montou aquele circo todo.

Peter Siemsen demitiu Mario Bittencourt (vice) alegando que o mesmo demitiu Eduardo Baptista, o técnico, sem o consentimento dele. Sério mesmo?

Primeiro, se o vice fez isso, legal a atitude de demitir, depois bastava um telefonema, uma desculpa sincera e o retorno de Eduardo, agora se Eduardo não voltou a decisão não foi tão errada assim e se a atitude não foi tão errada, bastava uma repreendida no vice e vida que segue, ainda mais no Fluminense que demite técnico constantemente, não tenho os números aqui, mas desconfio que o Fluminense é quem mais trocou de técnico nos ultimos 10 anos.

E então, quase uma hora depois veio a informação de que demitir Mario, o vice, era conveniente porque sua permanência poderia tirar o Fluminense do Profut. Explica-se, o profut não permite que o clube tenha pessoas com atividades que prestem serviço para o clube atuando na administração do mesmo, assim como Mario e seu escritório de advocacia. Ou seja, Peter criou uma cortina de fumaça para a imprensa e a maioria continua sustentando a resposta do presidente sem nenhum questionamento mais sério sobre essa “possível oportunidade” que caiu no colo dele para manter o Profut.

Do ponto de vista “dentro das quatro linhas”, Eduardo não estava conseguindo fazer esse Fluminense jogar e seu desempenho era pífio perante o investimento que foi feito no time. Contudo, tudo seria melhor se tratado de maneira transparente.

A pergunta que fica é porque não falar tudo as claras de uma vez?

Anúncios

A mentira contada várias vezes…

mb250216

Ontem ao final do jogo do São Paulo contra o Novorizontino, o alvo principal dos jornalistas era Michel Bastos.

Autor de um dos dois gols da vitória tricolor, o São Paulo bateu o Novorizontino por 2×0, Michel foi questionado sobre todas as manifestações que a torcida tem feito contra ele. Tanto a “querida” uniformizada como dos torcedores comuns. A declaração dele foi sincera, de quem respeita a opinião da torcida, de quem tentará responder dentro de campo, mas de quem é ser humano também, falou do que seu filho ouve na escola.

Assumo que eu mesmo pego no pé de Michel, suas atitude em campo as vezes me incomodam, inclusive aquele gesto de mandar a torcida calar a boca, ele não deveria ter feito isso. Agora, garantir que é laranja podre do grupo, é muita levianidade, não o conheço e não vejo nenhuma atitude dos atletas que indiquem algo do gênero, pelo contrário.

E então fiquei a noite de ontem, pensando o quanto nossa era digital nos facilita ter acesso a qualquer informação a qualquer hora, mas como citei na frase é qualquer. Qualquer um pode escrever qualquer coisa e você acreditar, hoje Michel pode ser laranja podre, amanhã Ganso e depois outro e você pode acreditar em tudo isso, ou não. Hoje cria-se fatos e distorcem informações com facilidade, o cuidado com a informação é zero, publica-se qualquer coisa em 140 caracteres em textos inteiros ou até nesse blog aqui.

Confesso que apesar de já ter lido algumas vezes e achar que tinha essa consciência mais firme, vi ontem após a entrevista de Michel que a paixão clubística me cegou um pouco. Não sei se Michel é descompromissado ou não, vou continuar reclamando de suas atuações dentro de campo e prestar mais atenção, apurar mais o que eu leio.

Como Goebbels repetiu por aí, “uma mentira repetida mil vezes, torna-se verdade”. É preciso cuidado.

Os salários daqueles que atuam por aqui…

salario240216

A CBF publicou um estudo sobre o salário dos jogadores que atuam no Brasil.

Sinceramente os números não me surpreenderam, até porque já passei pela experiência de ter pessoas da família, inclusive meu irmão, inscritos como atleta profissional de algum time desse Brasilzão. A realidade é dura, apenas 18% dos pouco mais de 28.000 atletas recebem mais de R$ 1.000,00, sendo que apenas 4% recebem mais do que R$ 5.000,00.

Veja os dados divulgados pela CBF em seu site. (www.cbf.com.br)

SALÁRIOS DOS JOGADORES

ATÉ R$ 1.000,00 23.238 82,40%

R$ 1.000,01 ATÉ R$ 5.000,00 3.859 13,68%

R$ 5.000,01 ATÉ R$ 10.000,00 381 1,35%

R$ 10.000,01 ATÉ R$ 50.000,00 499 1,77%

R$ 50.000,01 ATÉ R$ 100.000,00 112 0,40%

R$ 100.000,01 ATÉ R$ 200.000,00 78 0,28%

R$ 200.000,01 ATÉ R$ 500.000,00 35 0,12%

ACIMA DE R$ 500.000,01 1 0,00%

TOTAL 28.203

Eu nunca achei que a remuneração que alguns jogadores alcançam dentro do Brasil seja absurda, é fruto de trabalho de estar entre a elite da elite, levando para o paralelo do mundo corporativo, nem todo mundo é diretor, só um grupo seleto recebe remuneração diferenciada. No futebol é igual, soma-se a isso, a velha história de que a carreira é curta e de que nem sempre esse atleta recebe o ano inteiro.

Que o Bom Senso continue forte para lutar para que essa turma que não tem voz nenhuma receba cada vez mais melhores condições, desde um plano de saúde e um pacote de benefícios que auxilie os atletas, não só durante a carreira, mas até para aqueles que não chegarem ao seleto grupo que tenham um apoio para uma formação secundária para o pós carreira.

Porque se depender dos dirigentes, eles continuarão no seleto grupo que ganham igual craque, mas nunca conseguiram dominar uma bola.

O maior reforço de 2016?

ei230216

Entre um pouco de futebol que começa, incluindo a Champions que voltou, um tema tem aparecido muito no noticiário. A chegada do grupo Turner através do Esporte Interativo na concorrência pelo futebol brasileiro.

Aliás, falando em Champions, a primeira chegada e que de fato fez impacto foi a compra do maior torneio de futebol do mundo pelo grupo, mostrando que realmente a Turner veio para conquistar o seu espaço no cenário esportivo. Não sei como tem sido as transmissões fora do Brasil, mas por aqui, ainda falta um pouco de infra de apoio, mas algo que pelo tamanho do grupo em breve deve estar corrigido.

Mas a pergunta que fica é se realmente a Turner pode bater frente com nossa Venus Platinada.

Assim como a RedeTV tentou no passado, agora a Turner tenta entrar na disputa pelo Brasileirão. A diferença é que agora é a Turner, um gigante multinacional. E pelo visto ja tem conseguido algumas conquistas, já que a Globo já aceita remodelar seu sistema de distribuição e aceita melhorar os valores.

O valor da Turner é apenas para a TV fechada, a briga dela com o grupo Globo é apenas com a Sportv, e os valores muito maiores do que os da emissora carioca. Mais ou menos, R$ 550 milhões contra agora R$ 100 milhões.

Vários clubes balançaram, e talvez a única coisa que faz os clubes continuarem com a Plin plin são valores já adiantados e medos sobre a continuidade da Turner aqui no Brasil, em resumo, alguns se sentem com o rabo preso com a emissora.

Não sei quantos irão migrar para o EI, acredito que possa acontecer um cenário bem inusitado de metade com uma emissora e outra metade com outra, assim como nada pode mudar em um primeiro momento. Mas a Turner veio mostrar que nosso futebol poderia ter muito mais dinheiro para os clubes, o que significaria um campeonato mais forte, mais chance de segurar grandes jogadores e não ficarem se borrando de medo com Chineses, Arabes ou Europeus quando a janela de transferência abre.

Por enquanto, a chegada da Turner parece o maior reforço do futebol brasileiro em 2016.

De volta aos trabalhos!!

msn

De volta aos trabalhos!

Depois de um periodo com muitas dificuldades de acesso a Internet, além de pouca coisa interessante para se escrever nesse início modorrento dos estaduais e pela primeira vez no blog seguindo o mantra que o ano só começa depois do Carnaval, aí vamos nós.

Para atualizar o blog e deixar ele mais próximos dos últimos acontecimentos, vamos passar um apanhado geral para ficar no mesmo instante.

Apesar de não ter rolado o Inglesão essa semana, queria dar um destaque para o campeonato que dá grandes indícios que teremos um time diferente do normal levantando a taça. Pelo futebol apresentado, tanto Leicester quanto Tottenham possuem grandes chances, além disso, Tite falar do Leicester foi mais uma daquelas declarações de Tite com oportunismo e onde eles habilidosamente envolve toda a imprensa.

No nosso Brasilzão, a sensação que o Tite possui uma capacidade impar de engajar o grupo, o time ainda está naquela fase, vence mas não convence, mas foi assim no início do Brasileirão passado, a tendência mostra-se excelente para a torcida.

Já o meu tricolor padece de gente com vontade de estar no Sâo Paulo e tanto faz se é porque torce ou porque quer, mas principalmente alguém que queira aproveitar a chance da camisa e realmente fazer história em time grande, sabe aquela famosa frase “uns estão pela glória e muitos pelo dinheiro”, então.

Já Marcelo Oliveira me faz pensar qual realmente é o seu potencial, seu curriculo é vencedor, mas minha expectativa era de alguém com uma proposta de jogo mais bonita, mas por enquanto, parece que foi apenas uma oportunidade que teve no Cruzeiro, sua vontade é apenas de ganhar, jogar talvez.

Ao que tudo indica, ainda não vi jogo de ninguém fora do Eixo RJ-SP, apenas me baseando em melhores momentos, que o Galo começa o ano com o melhor futebol tupiniquim

Voltando para a Europa, para mais dois comentários, que bom que temos Champions e como jogam bola o trio MSN, até pênalti a la Cruyff teve, sim eu sei que todo mundo fala isso, mas queria deixar registrado mais uma vez no meu blog.

Pitacos: São Paulo 1×0 Cesar Vallejo

Bauza110216

E teremos cinco brasileiros na Libertadores, o último classificado saiu ontem, o São Paulo confirmou o favoritismo e passou pelo Cesar Vallejo.

O jogo não foi fácil, o São Paulo abusou do direito de criar pouco, entrou no jogo do rival no primeiro tempo, melhorou no segundo mas jogou bolas na trave e desperdiçou um pênalti.

A vitória veio na estrela de Bauza, os dois gols do confronto sairam de jogadores que ele colocou no segundo tempo e ambos fizeram os gols com menos de dez minutos em campo, na ida Calleri e ontem Rogério.

O São Paulo ainda está aprimorando seu jogo, todos entendendo o jeito de Bauza, o time já ganhou muito mais consistência defensiva, ainda precisa acertar alguns detalhes ofensivos. Um deles é Centurion, o argentino tem ajudado muito sem a bola, mas continua se atrapalhando um pouco sem ela.

Pelo menos, uma boa nova é o início do Ganso, o meia tem procurado mais o jogo, tem assumido o papel de protagonista nesse time, ainda oscila e vai ser normal isso, mas Ganso começou o ano muito bem. Outra boa é Hudson, o volante parece mais confiante e fez ótima partida ontem.

O nosso imediatismo pede resultados para ontem, mas o São Paulo vai trilhando um bom caminho e tem grandes chances em 2016.