Acerto no erro e erro no acerto…


SP - BRASILEIRÃO/CORINTHIANS X SANTOS - ESPORTES - O zagueiro David Braz, do Santos, reclama após ter sido expulso da partida contra o   Corinthians, realizada na Arena Corinthians, em Itaquera, na zona leste de São Paulo,   pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro, neste domingo (20). O Corinthians venceu por 2   a 0.    20/09/2015 - Foto: WILLIAM VOLCOV/BRAZIL PHOTO PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

SP – BRASILEIRÃO/CORINTHIANS X SANTOS – ESPORTES – O zagueiro David Braz, do Santos, reclama após ter sido expulso da partida contra o Corinthians, realizada na Arena Corinthians, em Itaquera, na zona leste de São Paulo, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro, neste domingo (20). O Corinthians venceu por 2 a 0. 20/09/2015 – Foto: WILLIAM VOLCOV/BRAZIL PHOTO PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

A FIFA rejeitou o pedido brasileiro pela utilização da tecnologia para algumas decisões do
árbitro.

Contudo parece que o árbitro de Figueirense 0x1 Santos entendeu que já podia utilizar, o gol de Gabriel anulado quase três minutos depois deixou a nítida sensação de que alguma interferência externa foi preponderante para que o tento fosse anulado acusando o impedimento do jogador.

A conclusão é óbvia, até porque qualquer lance polêmico, certo ou errado, o máximo que o juiz faz é escutar seus auxiliares e chegar a uma conclusão. Algo que deve durar 1 minuto no máximo.

Aliás o Santos foi protagonista de dois lances de arbitragem nos últimos cinco dias que mostram a dificuldade que está para um arbitro apitar hoje em dia. No domingo de manhã, toda aquela trapalhada do Flavio Guerra que acertou ao marcar o pênalti, mas errou na expulsão e depois justificou de uma forma que para todos os envolvidos, vê-se claramente que ele não quis assumir o erro.

Já ontem o juizão com medo de ter errado, enrolou o quanto pode e até ter a informação correta para voltar atrás e invalidar o gol de Gabriel.

Eu sei que é repetitivo, eu sei que muitos falaram da importância de manter o futebol como ele é, eu discordo, para mim deixar essa brecha no esporte é por um interesse muito maior e obscuro. Tem como incluir tecnologias no futebol, não precisa robotizar a arbitragem, mas permitir que alguns lances sejam melhor esclarecidos.

Para mim, impedimentos, mão na bola e bola cruzou a linha do gol ou não já poderiam contar com ajuda da tecnologia, são lances que não atrasiriam tanto o andamento da partida e daria cada vez mais credibilidade para o jogo.

Enquanto isso, vemos essas bobagens acontecendo e nossa arbitragem acertando nos erros e errando nos acertos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s