Du, Dudu e Edu maior que muito clube por aí…

du,dudu,edu

Galerinha, depois de um breve período de descanso, o Cadê Meu Camisa 10? volta à ativa.

Contudo, pensei que esse quase mês de reclusão seria suficiente para passar toda o barulho excessivo das especulações, porém Dudu virou Garrincha nesse período.

Como pode um jogador que nunca foi nada, passar de simples aposta para a Garota de Ipanema de Tom e Vinicius. A guerra declarada entre Corinthians e São Paulo por apenas um bom reforço mostrou a pequenez que nossos clubes estão se tornando.

Trata-se apenas de um jogador disputado pelos dois clubes, façam suas propostas, discutam-as e aquele que for mais interessante para o atleta, leva. É simples, é como contratar alguém de outra empresa.

São Paulo e Corinthians tornaram Dudu, algo muito maior do que ele seria para qualquer clube, e uma vitória ridícula, algo como ir no vizinho jogar um PES e ele te dar um controle sem o botão de chute, e ao final do jogo, ele comemorar muito a vitória.

O Palmeiras apareceu no final, fez uma proposta e venceu. Se Dudu, vai vingar, não sei, se vale o que o Palmeiras está pagando, duvido muito. Nobre precisava desse chapéu, para ganhar um pouco de estima, não só ele, mas todos os palestrinos.

No fim, podemos dizer que nunca Dudu jogou tanto quanto nesse período pós Brasileirão 2014, que o empresário dele é tão bom quanto a equipe de marketeiros do PT, que jornalismo hoje em dia aproveita da inabilidades de nossos receptores para escreverem qualquer coisa.

E que nossos clubes estão ficando menores do que qualquer Du, Dudu ou Edu que apareça por aí.