Rapidinhas do Camisa 10 – 05.12.2012

Imagem

Gol, um detalhe fácil… Pelo menos para o craque Messi fazer gol é muito simples. Enquanto a maioria dos jogadores se matam para conseguir um mísero gol, La Pulga precisa apenas de pouco mais de 3 finalizações para marcar um gol. Como comparação, Cristiano precisa de 7 finalizações para conseguir marcar um gol, no Brasileirão cada gol saia após dez finalizações. Alguém duvidava da capacidade de Lionel?

O preço da soberba… Hulk pode estar com os dias contados no Zenit. O jogador que chegou com uma das maiores transações da história, causou ciúmes no grupo e a falsa sensação de que ele seria intocável no time. Porém como todo time profissional, em alguns jogos a substituição é inevitável. Hulk está arrumando confusão com o técnico por besteira, a fama subiu a cabeça. Pode sair pelas portas do fundo de um time sem expressão.

Eu pensei que era jóia rara…e Lulinha era bijuteria. O jogador que surgiu na base do Corinthians como a grande revelação, com o histórico de mais de 300 gols pela base e com multa de 50 milhões de reais, está no fim do seu contrato com o Corinthians e não será renovado, ou seja, poderá ir de graça para qualquer time.

Mexendo no vespeiro… Confesso que ainda não tenho confiança nas intenções do craque da pequena área e deputado Romário, mas a iniciativa que colher assinaturas para uma CPI em cima CBF é de se louvar. Basta entender, o quão sério será essa investigação e quem realmente irá fornecer a assinatura, porque se depender do que foi a premiação do Brasileirão, Marin está só sorriso para a bancada política.

Um certo desapontamento… Falando da premiação do Brasileirão, estive presente no HSBC (antigo Tom Maior) para acompanhar o evento e fiquei decepcionado com a organização dele. Considerei o evento feito de qualquer forma, com um certo improviso, um Cleber Machado atrapalhado, sem muita interação dos principais personagens (atletas)e puxa saquismo com vários políticos. Esperava mais de um evento organizado pela Globo. De bom, foi as conversas com Fred e LAOR (presidente do Santos), duas figuras incríveis.

Fique atento… Marcelo Campos Pinto, diretor de esportes da Globo, voltou a usar o microfone para falar bobagem. Usou a premiação para fazer um discurso ameaçador. Falou que espera maior exclusividade dos clubes com a emissora e que espera um modelo igual ao inglês, onde dentro do campo apenas a emissora que detém os direitos de transmissão. Ou seja, na cabeça do cara que prefere pontos corridos, a Globo tem “pouco espaço” pelo que paga.

Nos bastidores o time está bom… Pelo menos é assim que vejo o Vasco. Renê Simões foi contratado como diretor executivo do clube, ele se junta a Mauro Galvão e Ricardo Gomes para tentar montar um Vasco novamente competitivo. O primeiro desafio é manter Juninho no elenco, o segundo é acertar nas peças de reposição para começar bem 2013. Por enquanto, as escolhas administrativas foram excelentes.

Para a Série B serve… Fernando Prass, Ayrton, Henrique, Cleber (vindo da Ponte) e Juninho; Souza (que estava no Naútico), M. Assunção, Denoni, Valdivia, Edno (o próprio) e Barcos esse é o time ideal que o Palmeiras espera para estreiar no Paulistão. A primeira vista, parece melhor que o time que terminou o campeonato, é necessário mais algumas peças, mas já nota-se uma evolução.

Reconhecimento do ninho.. O Flamengo já tem um novo presidente. Eduardo Bandeira de Mello assume o clube com um enorme desafio, voltar a tornar um Flamengo um grande no futebol, principalmente de forma sólida para que o time volte a entrar nos eixos e consiga montar grandes times. A primeira ação é entender o que Patricia fez durante a sua gestão, depois definir quem será o responsável por construir o time do Flamengo para 2013.

Ahh, as especulações… Entre todas as especulações que rolam no mercado, a mais engraçada envolve dois argentinos. A primeira é Montillo, sempre aparece alguém disposto a levar o meia, mas a Raposa insiste em segurá-lo de qualquer jeito. O segundo é Riquelme, ele é o primeiro jogador que planta as próprias especulações, agora é a vez do Santos. Aliás, o Peixe está querendo os dois argentinos mais enrolados.

Dúvida da semana. Quem tem a tarefa mais difícil? Felipão, Eduardo Bandeira Mello ou Gilson Kleina?

Um toque de calcanhar, para abrilhantar o seu palpite!!

Galera hoje é o dia do Orientador Educacional e do Perito Criminal. Entre os aniversariantes temos os atletas Raul Boesel e Sergei Bubka. Em compensação a um ano atrás o craque Sócrates nos deixava.

Confira a pontuação dessa rodada:
01º Cadê Meu Camisa 10? – 170 pts
02º Gustavo – 110 pts
03º Tintim – 105 pts
04º Wagner – 95 pts
05º Thiago – 90 pts
06º Jaqueline – 85 pts
07º Rodrigo – 65 pts

Galera começo Dezembro voando baixo e inicio na liderança com 170 pontos.

Confira abaixo os três primeiros na classificação geral:
01º Cadê Meu Camisa 10? – 5140 pontos
02º Thiago – 4840 pontos
03º Rodrigo – 4165 pontos

Na classificação apenas dos palpites dos jogos do Brasileirão, o vencedor foi o querido blogueiro de vocês, porém como havia um prêmio prometido vou enviar para o segundo colocado. Rodrigo venceu por uma margem mínima. Rodrigo, passe o número do tamanho da camisa, depois por email.

01º Cadê Meu Camisa 10? – 1330 pts
02º Rodrigo – 1080 pts
03º Thiago – 1070 pts

Clique aqui para conferir os resultados da rodada anterior.

Seguem os jogos a serem palpitados:
Quarta-feira, 05 de Dezembro de 2012
16h45 Shakhtar Donetsk x Juventus – Liga dos Campeões
21h50 Tigre x São Paulo – Copa Sul-Americana

Quinta-feira, 06 de Dezembro de 2012
08h45 Sanfrecce Hiroshima x Auckland City – Mundial de Clubes da FIFA
14h00 Udinese x Liverpool – Liga Europa

Sábado, 08 de Dezembro de 2012
09h00 Levante x Mallorca – Espanhol
10h30 Stuttgart x Schalke 04 – Alemão
12h00 Manchester City x Manchester United – Inglês
17h00 Grêmio x Hamburgo – Amistosos (Inauguração da Nova Arena)

Domingo, 09 de Dezembro de 2012
05h00 Ulsan Hyundai x Monterrey – Mundial de Clubes da FIFA
17h45 Internazionale x Napoli – Italiano
18h15 Sporting x Benfica – Português

O fim do Brasileirão 2012… e a minha seleção..

Ronaldinho 03122012

Galera do blog, o campeonato brasileiro 2012 terminou. E apesar de ter terminado com algumas rodadas de antecedência, faltando apenas definir o último rebaixado, foi um campeonato com muitos acontecimentos interessantes.

A começar pelo próprio campeão, o Fluminense mostrou que é possível um time recheado de talentos do meio para frente montar uma equipe que se destacou pela aspecto defensivo, além disso não me lembro de um time ter feito campanha melhor fora do que dentro de seus domínios.

O Galo que ficou com o vice-campeonato foi para mim a mais grata surpresa deste campeonato. Montou um time competitivo que joga para cima e ainda resgatou Ronaldinho Gaúcho. O camisa 49 foi na minha opinião o melhor jogador deste Brasileirão, jogou muita bola, calou minha boca e mostrou que ainda tem espaço na seleção. Sem falar no pequenino Bernard, uma espécie de “Lucas mineiro”.

O Grêmio viu seu estádio ser aposentado ontem em um Grenal tumultuado e terá a nova arena no próximo fim de semana. No campeonato, o principal destaque foi o retorno de Luxemburgo como um grande treinador. Novamente, Luxa voltou a ser competitivo e montou um ótimo time.

O São Paulo depois de muita turbulência nos últimos anos, parece ter encontrado enfim seu treinador e caiu nas graças da torcida que anda enchendo o estádio sempre. O time foi campeão do segundo turno e encerrou o Brasileirão praticando o futebol mais vistoso do campeonato, se Ganso engrenar 2013 tem tudo para ser um excelente ano.

O Vasco terminou em quinto lugar, mas decepcionou sua torcida. O time que figurou o tempo todo entre os quatro primeiros perdeu força na reta final. O time cometeu o pecado de desmanchar o time durante o campeonato, o retorno de Ricardo Gomes mesmo longe do banco, tem tudo para contribuir com o time carioca.

O Corinthians teve seu passaporte carimbado de forma indigesta, mas terminou o campeonato com a sensação de que poderia ter disputado o título. Quando o time realmente jogou foi muito bem e terminou na sexta posição.

O Botafogo teve mais um ano de coelho de maratona, começou prometendo e ficou pelo caminho. Pelo menos, um destaque positivo, Seedorf foi uma grande aposta, o holandês foi um dos grandes destaques desse Brasileirão esbanjando talento e simpatia pelos gramados do Brasil.

O Santos deixou ainda mais claro a Neymardependência. Se não fosse o craque, o time corria grandes riscos de terminar no lugar do Palmeiras neste campeonato. Acima de tudo, o time precisa se reforçar e dar jogadores de mais qualidade para atuarem ao lado do craque.

O Cruzeiro terminou em 9º. O time fez um campeonato bem fraco e terminou em uma posição bem acima do que eu esperava. O time que adotou a falta como recurso durante o campeonato todo, jogou mais tae-kwon-do do que futebol.

A maior decepção terminou em 10º lugar. O Internacional não conseguiu colocar todo o talento do time em campo, colecionou tropeços e erros administrativos e ficará longe da Libertadores por mais um ano. A chegada do Dunga irá colocar tudo isso no eixo.

O Flamengo me surpreendeu, o time conseguiu terminar em 11º. Confesso que os jogos que vi do time carioca, era para ele lutar para não cair, mas a camisa pesou e conseguiu levar o time para uma Sulamericana. Após a decisão do novo presidente, o maior desafio será montar um time do tamanho da camisa.

O Naútico fez muito bem a lição de casa para se manter na primeira divisão. Dos 49 pontos conquistados, 42 foram ganhos no Aflitos. O time conseguiu ser o pior visitante, mas o quarto melhor mandante.

O Coritiba terminou em 13º, mas fez um campeonato de altos e baixos. O time até começou bem, mas a perda da segunda final consecutiva da Copa do Brasil foi muito dolorosa, o time desceu ladeira abaixo e só se recuperou nas últimas rodadas dando um respiro para sua torcida;

A Ponte conseguiu fazer uma campanha regular, venceu seus rivais mais fracos, arrancou alguns empates contra os maiores e se manteve na primeira divisão. O time jogou como mineiro, quietinho em um canto e foi muito feliz.

O Bahia se salvou apenas na última rodada, o time foi muito instável principalmente no primeiro turno. No segundo após a chegada de Jorginho, o time melhorou muito, tanto que o time terminou com a 5ª posição no returno. Já o segundo bom trabalho de Jorginho, merece mais tempo em um grande time.

A Portuguesa quase jogou fora tudo por causa de dois meses ruins. A Lusinha era uma grata surpresa até Setembro, com um meio de campo que jogava um bonito futebol, mas a maré virou e Outubro e Novembro foram péssimos e quase levou o time para a segunda divisão.

O Sport sobreviveu muito pelo time que tinha. Na minha opinião, apenas o Atlético-GO era pior do que o time pernambucano, que até conseguiu trazer alguns medalhões para o segundo turno, mas faltou talento dentro de campo.

O Palmeiras vivou um ano de emoções opostas, conseguiu faturar o caneco da Copa do Brasil depois de tanto tempo e voltou a cair para a Série B. O time irá ser completamente reformulado e precisa decidir o que focar em 2013 e como montar o time.

O Atlético-GO era o time mais fraco, mas nas últimas rodadas aproveitou o descaso de alguns para faturar alguns pontinhos, mas o time tinha tudo para terminar em último colocado.

O Figueirense terminou na lanterninha, após algumas temporadas montando times chatos para a disputa do nacional, esse ano o time não acertou a mão. O time era muito fraco e o rebaixamento foi algo anunciado desde o começo.

No fim, esse Brasileirão que teve Ronaldinho recuperado, ambulância que não entrou, golaços de Neymar e o fim do Olímpico terminou muito bem e é inevitável montar uma seleção. Segue a minha:

Cavalieri (FLU), M. Rocha (At-MG), Rever (At-MG), L. Silva (At-MG), Carlinhos (FLU), Paulinho (Ctns), Seedorf (Bota), Ronaldinho (At-MG), Lucas (SP), Neymar (SAN) e Fred (FLU). Técnico: Jorginho (Bahia)

E o seu?