Pitacos: Galo esquenta a reta final, enquanto alguns já estão brincando na marola…


Galera do blog, a 32ª rodada ainda não acabou, porque sem uma explicação convincente Figueirense x Botafogo e Vasco x Inter foram adiados para quarta-feira. Mesmo assim, vamos fazer uma análise dos oito jogos que aconteceram, foram apenas 12 gols, com 04 vitórias dos mandantes, 03 empates e apenas uma vitória de visitante. A rodada colocou o Galo um pouco mais perto do predestinado Fluminense e trouxe novamente a esperança verde.

O sábado começou com o Grêmio tropeçando dentro do Olímpico, o time não conseguiu sair do 0x0 contra o Coritiba. O Grêmio não soube superar o ferrolho paranaense e viu Kléber aumentar seu jejum em 590 minutos sem anotar um golzinho. No fim, a vitória do Galo e o tropeço do tricolor paulista fez o time gaúcho não sair tão prejudicado na rodada. Para o Coxa, a certeza de que o time voltou a jogar um bom futebol e que irá se afastar de vez da zona do rebaixamento que nunca combinou com o time.

Sem Zizao, o Corinthians apenas empatou com o Bahia em pleno Pacaembu por 1×1. Pacaembu que parecia casa do Bahia, já que os torcedores alvinegros preferiam uma derrota do próprio time para dificultar a situação do rival Palmeiras. Mas o que se viu no jogo, foi a incompetência do time baiano, jogando contra um Corinthians despretensioso e sem apetite pela vitória, os comandados de Jorginho deixaram claro porque estão tão próximos do Z4, falta talento ao time, apesar da disposição de sobra o time é muito limitado e tem grandes chances de trocar de lugar com o Palmeiras.

O Palmeiras que fez a sua parte e venceu o modesto Cruzeiro por 2×0, dois gols do Pirata Barcos. O time do Palmeiras é melhor do que uns melhor que uns 8 times desse campeonato, mas não teve cabeça após a conquista e muito menos quando bateu o desespero, agora os resultados vem na força, na raça e nos lampejos de talento de Assunção e Barcos. A caminhada ainda é complicada para o alviverde, mas a fraqueza de alguns rivais podem colaborar para um final feliz para os palestrinos.

No domingo o São Paulo dominou o Flamengo no primeiro tempo e poderia ter saído com o famoso 2×0 que o time vem construindo nas partidas anteriores, mas faltou capricho e competência na cobrança de pênalti. Confesso que achei o pênalti um pouco duvidoso, mas Fabiano não pode ser artilheiro se não treina cobranças, é a segunda cobrança mal executada seguidamente e percebe-se que ou o atacante não tem tino para a cobrança ou falta treino. Resultado, quem não faz toma, o Flamengo achou um golzinho no segundo tempo e venceu a partida pelo placar mínimo

A Portuguesa conseguiu segurar o Naútico dentro dos Aflitos e ficou no 0x0 com o Timbu. O Naútico é para mim um dos quatro piores times do campeonato, mas soube usar o Aflitos como poucos e por isso sobreviverá nesse campeonato. Já a Lusinha faltou acreditar mais no próprio potencial, o time montado possui grandes jogadores e poderia ousar voos maiores no campeonato. Nessa reta final, sua única pretensão é sobreviver no campeonato, poderia bem mais.

Atlético e Fluminense fizeram um jogo digno de primeiro contra segundo. o Galo venceu por 3×2, mas mais do que isso ganhou muita moral para a reta final, pois o time foi muito superior que o Flu, mesmo o time carioca fazendo um bom jogo. Sem a menor hipocrisia, o Galo poderia ter ganho a partida por 6×2 tranquilamente. A atuação do time mineiro foi impecável, Ronaldinho tem tudo para ser eleito o craque deste Brasileirão. O time carioca é letal, mas torço que o Galo consiga esse milagre e fature o caneco.

Outro placar mentiroso foi em Campinas. A Ponte Preta venceu o Santos por apenas 1×0, contudo o time do interior de São Paulo dominou a partida e poderia ter saído com um placar mais folgado. O lateral/atacante Luan tem sido uma grata surpresa nessa reta final do Brasileirão. o lateral que foi avançado para o ataque tem feito grandes partidas pela macaca. Já o Santos usa o campeonato para entender como irá reforçar seu elenco para o próximo ano.

Para fechar o Sport conseguiu um grande resultado ao vencer o Atlético-GO em Goiânia. O resultado mantém a esperança pernambucana de escapar do rebaixamento, enquanto o time goiano parece ter entregado os pontos mesmo no campeonato. O Dragão parece ser o melhor adversário daqui para frente, pois o time mais rebaixado e sem forças para reagir no campeonato. É obrigação ganhar três pontos nos próximos duelos contra o Dragão.

Anúncios

Uma resposta em “Pitacos: Galo esquenta a reta final, enquanto alguns já estão brincando na marola…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s