Pitacos: Falta algumas coisas, mas principalmente falta acreditar que elas faltam…


Galera do blog, ontem foi dia do blogueiro de vocês acompanhar a derrota do São Paulo por 3×0 para o Naútico dentro do Aflitos e mostrar que o ano reserva poucas coisas para o tricolor paulista. Na minha opinião, o time deveria concentrar forças para faturar a Sulamericana. Pois, esse elenco não dá conta do Brasileirão.

O time veio a campo no seu tradicional esquema Muricy, o 3-5-2, com Cícero improvisado no ataque. Enquanto o Naútico veio no tradicional 4-4-2 em losango.

Antes de entrar no mérito dos lances do jogo, vou falar sobre um problema crônico do São Paulo que explica o resultado dilatado do jogo.

O São Paulo tem jogadores que ou possuem zero de disciplina tática ou a ausência das sinapses impedem de entender o treinador. Qualquer time mais organizado, possui suas linhas defensivas muito bem definidas. De maneira bem grossa, sempre vemos um grupo de jogadores dentro da área e um grupo protegendo a entrada da área.

No São Paulo, esses grupos se misturam e ficam todos dentro da área, deixando a intermediária livre para o time adversário. Foi assim que o Naútico fez o seu segundo gol com Araújo e foi dessa forma que o Timbu chegou perigosamente por várias vezes no jogo de ontem.

Outro aspecto importante é o excesso de jogadores “comuns”. Douglas, Cortez, Jadson, Maicon, William Jose, Osvaldo (lesionado), Rhodolfo, Rodrigo Caio, Cicero e João Felipe são jogadores bons para compor grupo e que possuem certa qualidade, mas todo grande elenco precisa de uma espinha dorsal de jogadores com aquele “algo a mais”.

Lucas, Luis Fabiano, Toloi, Denilson e Ceni parecem jogadores com esse algo a mais, o problema é que o time dificilmente consegue ter todos eles juntos em campo.

Ontem ainda Ceni teve quase um ato de desabafo, o gol contra dele, pareceu de alguém cansado de ver diversos atletas não honrando uma camisa que ele defende (e continua defendendo) tão bem a 20 anos.

O maior calcanhar de Aquiles é o meio de campo, Ney Franco precisa em curto prazo dar posicionamento tático ao time e Ceni precisa despertar brio e tesão por vestir a camisa do São Paulo nos jogadores mais jovens do time.

Em contra partida, o Náutico mostra-se um time voluntarioso, cheio de limitação, mas que procura marcar muito e aposta na dupla Kieza e Araújo para conseguir somar pontos para se manter na Série A, ao que tudo indica, o time terá êxito nessa missão.

Anúncios

2 respostas em “Pitacos: Falta algumas coisas, mas principalmente falta acreditar que elas faltam…

  1. O jogo do tricolor ontem foi muito fraco tecnicamente. O time estava perdido, mal posicionado, sem vontade, é duro de assistir aos jogos.
    Espero que o Nautico continue se mantendo fora na zona do rebaixamento, os times de pernambuco não podem cair esse ano, times que tem torcida, que tem sua história, merecem a primeirona.

  2. Meu caro Thiago,
    Você roubou meu tema para amanhã, agora vou ter que procurar outro. =P
    Concordo em grau e gênero.
    Lembrando que o SPFC ainda tem um grande problema, uma diretoria que anda bem omissa.
    Abraços!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s