Pitacos: Um time talentoso, vencido pelo Pirata do contra ataque.


Galera do blog, ontem eu acompanhei ao jogo entre Botafogo e Palmeiras e assim como na partida da Sulamericana o cenário foi repetido, o time carioca foi melhor buscou mais o jogo, mas foi derrotado no contra ataque e novamente pelo talento de definição do argentino Barcos.

O Palmeiras veio a campo no seu 4-3-1-2, esquema muito usado por Felipão, porém normalmente utilizando um atacante e um centroavante, dessa vez o treinador optou por dois centroavantes (Obina e Barcos).

Já Oswaldo de Oliveira, veio no esquema da “moda” o 4-2-3-1, e com o falso nove, o Elkeson. Na linha de 3, Andrezinho pela direita, Fellype Gabriel centralizado e Seedorf na esquerda.

Essa linha de 3 do Botafogo + Marcio Azevedo dominaram as ações durante o primeiro tempo, principalmente com a qualidade do passe de Fellype, por diversas vezes o jogador deixou Marcio Azevedo em condições de cruzar ou Seedorf e Elkeson em condições de chegar a meta alviverde.

Felipão demorou 15 minutos para conseguir equilibrar a defesa, seu setor defensivo pelo lado direito estava atordoado com a intensa movimentação botafoguense. E logo que a defesa acertou, em um contra ataque puxado por Artur, Obina furou e a bola sobrou limpa para Barcos, o Pirata novamente mostrou todo o seu talento ao deixar Antonio Carlos no chão e marcar o gol.

O gol não mudou o panorama da partida, o Botafogo continua pressionando o Palmeiras que passou a marcar melhor e tentar os contra ataques com Barcos. O problema do Botafogo era a falta de talento pelo lado direito, Lennon não jogou nada ontem e Andrezinho caia muito para o centro, ajudando o Palmeiras a marcar.

Passou todo o primeiro tempo e veio o começo do segundo com o cenário dessa forma, mas como diz o ditado “água mole em pedra dura….”, de tanto tentar o Botafogo conseguiu chegar ao gol pelo lado esquerdo, Lima que substituiu Marcio Azevedo machucado cruzou na medida para Andrezinho que só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes.

O gol empolgou o Botafogo que passou a pressionar mais ainda o time alviverde e a necessidade de trocar Fellype Gabriel por Vitor Junior fez o time conseguiu qualidade também pela direita, então o time buscava alternar os lados para o ataque.

Porém o Palmeiras mais uma vez foi cruel no contra ataque só que pela esquerda dessa vez, em linda jogada de Fernandinho o lateral improvisado na meia achou Barcos livre na pequena área, o Pirata só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes e fazer seu quarto gol em dois jogos contra o time carioca.

Ainda houve tempo da arbitragem fazer a sua bobagem, Barcos fez um lance genial que culminou no que provavelmente seria seu gol mais bonito com a camisa alviverde, mas o bandeirinha resolveu marcar impedimento.

No fim, vitória palmeirense. Para o Palmeiras fôlego novo para sair logo da incomoda zona do rebaixamento. Sobre o Botafogo, confesso que hoje em dia é um dos times no Brasil (o outro é o Galo) que me dá gosto ver jogar, time de muito toque de bola e 4 jogadores no meio de muita qualidade. O time precisa apenas de uma maior aplicação defensiva destes talentosos jogadores.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s