Rapidinhas do Camisa 10 – 11.07.2012


Olho na base. No Rapidinhas anterior, disse que o São Paulo poderia casar com uma piriguete, mas Juvenal Dorothy surpreendeu e fez uma excelente aquisição, trouxe Ney Franco junto com Renê Simões, o clube parece querer recuperar o centro de excelência na formação de jogadores.

Operação desmanche. No ano passado, nessa mesma janela o efeito da sondagem européia tinha sido mais suave, este ano porém, são vários os times que estão trocando boa parte do elenco. Até agora, apenas os finalistas da Copa do Brasil não se mexeram, mas apenas por enquanto.

Pelo menos um lado bom. Em compensação, todo esse vai e vem tem permitido aos clubes brasileiros trazerem grandes nomes para o Brasil, ainda que em fim de carreira, mas ter Seedorf e Forlan no Brasileirão é incrível. E pelo jeito, tem mais gente vindo por aí.

O mesmo erro inexplicável. Jóbson já pediu para sair do Barueri. O jogador disse não ter se adaptado a cidade, que o time é muito tranqüilo, segundo ele, “não tem torcida”. Pela conversa, Jóbson disse que sente falta da torcida gritando nome dele, mas por enquanto pela carreira construída por ele, apenas nas baladas é que as pessoas estão gritando seu nome.

Marrecos me mordam. Falando em jogador problema, Ganso está tornando sua história no Santos um tanto quanto confusa. Diretoria, empresários e jogador não conseguem chegar a um acordo. Empresários que querem ganhar mais do que ele já mostrou valer, o clube quer pagar menos do que o potencial dele mostra e o jogador não sabe se joga bola ou se pede aumento. Péssimo apenas para Paulo Henrique.

Um pouco de tecnologia. Surpreendentemente, foi aprovado o uso do chip na bola para auxiliar os árbitros a determinar se a bola passou ou não a linha do gol. Ótima iniciativa para minimizar os erros de arbitragem, além da possibilidade de dividir a culpa, agora além do apito amigo, terá o chip amigo.

O que eu também não entendo. Assim como a música do Jota Quest, o Flamengo toma decisões curiosas. O time está todo apertado de grana e resolve oferecer 500 mil reais para Riquelme desfilar seu talento no ninho do urubu.

Baixinho, mas com a língua grande. Romário soltou o verbo no seu twitter após Mano divulgar a lista de jogadores que irão atrás do ouro olímpico. Sobrou para Hulk e Marcelo, jogadores que Romário acredita que são tão inexperientes quantos os abaixo de 23, por isso foi jogado fora a convocação. Para resumir ele disse: “Que seleção de m&#%* essa!”.

Homem de palavra. Borges com 31 anos disse que quer jogar até os 36 no Cruzeiro. Pela “capivara” do jogador, é difícil ele ficar mais de um ano no clube, com exceção do São Paulo. Ou seja, ano que vem, ano novo, clube novo para Borges e bye bye Raposa.

Prato preferido. Após várias tentativas dos advogados liberarem o ex-goleiro Bruno da cadeia, a única coisa que ficou provado é que seu prato predileto é macarrão ao molho madeira.

Dúvida da semana. Brasileirinho, torneio de inverno, Copa Kaiser profissional ou podemos chamar de Brasileirão, nosso querido campeonato nacional?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s