O purgatório acabou, daqui para frente teremos realmente jogos de futebol!!


Depois de quase quatro meses de purgatório no nosso futebol, os estaduais chegam a fase que vale, a Copa do Brasil já elimina os “times novidades” e a Libertadores chega a fase de mata-mata. E é da Libertadores que vamos falar. Vou trazer aqui minha análise sobre os confrontos das oitavas.

Fluminense x Inter: O clássico brasileiro promete muito. Fluminense não tem convencido sua torcida, mas tem ganhado de forma comsistente, inclusive vencendo o Boca dentro da Bombonera. O Inter parece sofrer do trauma Oscar, desde o início do imbróglio envolvendo o jogador que o futebol do Inter desapareceu. Se Oscar voltar a tempo, aposto no Inter, caso contrário, o Flu avança para as quartas de final.

Corinthians x Emelec: Os comandados de Tite além da competência demonstrada na primeira fase, pode dizer que conta com a sorte ao seu lado. O Emelec é com certeza o time mais fraco dentre os 16 classificados. O time é esforçado e pode tirar mais um coelho da cartola, mas acho dificil que o Corinthians seja surpreendido. O time está bem focado e deve passar tranquilo pelo time equatoriano.

Santos x Bolivar: Um ótimo aperitivo para o Santos que deseja revanche contra o Barcelona. Para quem não sabe, o time boliviano é comandado por Hoyos, ex-treinador do Barcelona B e responsável por lançar um rapaz chamado Messi. O time boliviano joga em um esquema tático idêntico ao do time espanhol, a única diferença é qualidade individual de seus jogadores e por causa da altitude, o time arrisca chutes de média distância. O Santos é favorito, mas trata-se de um bom jogo para assistir.

Universidad do Chile x Deportivo Quito: O time equatoriano tem apenas a força da altitude a seu favor, é um time um pouco melhor que o Emelec, mas também é fraco. A Universidad do Chile é o favorito para o confronto. O time chileno perdeu sua principal estrela no final do ano passado, mas de resto é o mesmo time que venceu a Sulamericana. O time é forte e bem entrosado, pode incomodar e almejar sonhos maiores nessa Libertadores.

Libertad x Cruz Azul: O duelo do único mexicano contra o time do coração do presidente da Conmebol. É para mim, o confronto mais equilibrado dessa fase. Ambos são fortes em casa, mas fracos fora dela. Como o Cruz Azul faz o primeiro jogo em casa, acho que levará uma vantagem. Aposto que o Cruz Azul leva de forma apertada, de repente, até nos pênaltis.

Velez Sarsfield x Atletico Nacional: O time argentino é na minha opinião, um dos poucos que podem tirar o título do Brasil, mas nessa fase irá enfrentar a sensação da Libertadores. O time colombiano mostrou um futebol ofensivo, despreocupado da defesa, tipicamente colombiano. Com jogadores habilidosos e leves, o time colombiano pode surpreender na Colômbia e eliminar o favorito Velez, mas como todo time colombiano, acho que essa “despreocupação” excessiva do time irá castigá-los. Velez avança.

Lanus x Vasco: O time carioca enfrenta o primeiro colocado mais fraco. O Lanus se classificou em um grupo que destacou pela fraqueza de seus times. Tem a catimba argentina a seu favor, mas duvido que fará frente ao Vasco. O time carioca deve conseguir um empate na Argentina e uma vitória no Rio. O time do Vasco possui jogadores veteranos que podem ajudar muito nessa fase, mas acima de tudo, o time precisa parar de entrar nas decisões com os nervos a flor da pele. O time se “autoboicota”.

Union Espanola x Boca Juniors: Esse é o único confronto que não posso contribuir muito, pois não assisti a nenhum jogo do time chileno. De qualquer forma, Boca Juniors é Boca Juniors, a tradição e o peso da camisa deverão levar o time para a próxima fase. O Boca está longe de ser tão temido, quanto foi no passado, mas Mouche e Riquelme podem atormentar os pesadelos das torcidas brasileiras que ainda estão na Libertadores.

Anúncios

4 respostas em “O purgatório acabou, daqui para frente teremos realmente jogos de futebol!!

    • Não acho o Corinthians individualmente um primor, tanto que podemos escalar pelo menos 5 times nacionais com times melhores, mas é inegável que o conjunto adquirido faz o time ser forte, o jogo do Corinthians é coletivo, não individual, o time não tem nenhuma estrela. Para mim, o único grande problema do time é o goleiro, já disse isso desde o final de 2010. Ele não é confiável e nos jogos importantes treme. Foi assim na reta final do Brasileirão, foi assim no Paulistão de 2011 e agora de 2012.

      Depois que o time for eliminado da Libertadores por mais um frango dele, vão reclamar da sorte. Isso é incompetência mesmo.

  1. Concordo com tudo .. menos que o Corinthians tera vida facil !! Mano .. esse time e a maior fraude do futebol !! E sempre assim .. comeca bem pq ninguem ta nem ai pra nada .. mais depois que todo mundo ta nas paradas .. os gambalinos caem .. e caem feio !! Time fraco e sem tradicao !!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s