O merecido título!


Neste campeonato tão equilibrado, chegamos a última rodada com três times ainda na disputa. Corinthians, Vasco e Fluminense.

Nesse momento, sempre surgem as teorias de quem merece ou quem fez uma história digna de um campeão. Bom, vou mostrar um pouco da história desses três clubes ao longo do campeonato para que vocês decidam quem merece.

Vamos começar pelo líder, o Corinthians, que tem como maior trunfo a regularidade. O time ficou 35 rodadas no G4, só esteve de fora na primeira rodada. Ficou 22 rodadas em primeiro lugar. Em um campeonato, onde todos oscilam, o time conseguiu passar por essa fase e não despencar na tabela.

Na minha opinião, se o título vier, o principal responsável será Andrés Sanchez. O presidente corintiano bancou a permanência de Tite e mostrou que estava certo em sua aposta. Na sequência, o mérito deve ir para Tite. O treinador aproveitou o apoio irrestrito da presidência para montar o time a sua forma. Conseguiu não precisar de Adriano, conseguiu barrar o até então intocável Chicão. Montou um esquema de forte pressão na marcação, só possível quando um treinador conquista a confiança de todos.

Pode ser que o time fique pelo caminho, mas estará bem contada sua história nesse campeonato.

Seguindo agora, vamos ao Vasco. O time da Colina talvez possua a história mais dramática a ser contada. Foi esse mesmo Vasco que começou o ano apanhando de todo mundo no campeonato carioca, sob a batuta de PC Gusmão. Dinamite resolveu trocar por Ricardo Gomes e deixar o treinador trabalhar. O simpático treinador encontrou no elenco do Vasco uma semelhança com ele, todos estavam desacreditados, era hora de reverter esse quadro.

O trabalho começou a ser feito e ainda no próprio Carioca o time chegou a disputar a final, não levou, mas recuperou a estima. Veio então a grande cena do time, a Copa do Brasil. O time foi firme, mostrou um futebol coletivo aliado a alguns talentos individuais, como o incrível Dedé. Faturou a Copa do Brasil e firmou de vez sua volta ao topo. Porém, o time que jogava um Brasileiro tranquilo e até despreocupado, viu seu líder sofrer um AVC. E o motivo de tristeza, trouxe força novamente ao time e a decisão que seu líder merecia um prêmio, um presente para a sua recuperação.

O time veio para o returno com outra atitude e decidiu ganhar as duas competições restantes para homenagear seu líder. O time até agora continua vivo nas duas competições e poderá até fazer um filme deste ano histórico, caso seja o campeão.

Restou o Fluminense, que nos últimos anos tem se especializado em destruir regras, teorias, matemáticos e afins. Em 2009, a arrancada para escapar do rebaixamento após ser condenado pelos matemáticos. Em 2010, Corinthias e Cruzeiro disputavam o título e o Flu faturou o caneco. Esse ano, novamente, o Flu faz um returno formidável e tem o “endiabrado” Fred disposto a derrubar novamente os matemáticos.

O time joga hoje o melhor futebol do Brasileirão. Deco, Fred e Sóbis estão gastando a bola e também não ficaria feio para o campeonato se o título parasse em mãos tricolores.

E aí, quem merece mais?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s