Pitacos: Botafogo 2×2 São Paulo


fonte: Rubens Chiri/site oficial do São Paulo

Galera do blog, ontem acompanhei o confronto entre Botafogo e São Paulo que terminou em um empate heroíco do tricolor em 2×2. O Bota chegou a abrir dois a zero no primeiro tempo, mas recuou demais na segunda etapa e quase tomou a virada. Loco Abreu anotou os dois gols botafoguense, enquanto Henrique e Rivaldo anotaram os tentos tricolores.

O Botafogo é o melhor mandante deste Brasileirão, obviamente veio com tudo no início do jogo para sufocar o São Paulo. A pressão dava resultado e ainda contava com a colaboração de Adilson Batista que liberava demasiadamente os laterais, mas sem cobertura. Resultado, o São Paulo não atacava e não marcava direito, era questão de tempo o Botafogo abrir o marcador. E ele foi aberto aos 24 com Loco Abreu, em ótima jogada de Maicossuel.

Os comandados de Caio Junior continuaram a pressionar e aumentaram o marcador aos 40 minutos novamente com Loco Abreu em cobrança de pênalti. O Botafogo dominava a partida e parecia que chegaria a um placar elástico no jogo com facilidade, tanto que começou o segundo tempo e o time continuava a atacar.

Foi quando aos 14, Loco Abreu perdeu um gol incrível. O lance pareceu despertar o melhor visitante. O São Paulo começou a se organizar e chegou ao primeiro gol aos 20 minutos com Henrique. Em chute de Cícero, o goleiro Renan bateu roupa e o atacante tricolor teve apenas o trabalho de empurrar para o fundo das redes.

O gol animou o tricolor que passou a dominar o segundo tempo e pressionar o Botafogo, até que Ceni resolveu escrever mais um parágrafo na sua enorme história, aos 46 do segundo tempo, o goleiro-artilheiro resolveu cobrar uma falta lateral na cabeça de Rivaldo que testou firme para o fundo das redes.

Rivaldo ainda teve a bola do jogo para virar a partida, mas pecou no preciosismo.

Ao final do jogo, fiquei com a sensação de que a culpa de não ter uma equipe vencedora na partida foi dos treinadores.

Caio Junior montou o time perfeito na primeira etapa e teve todas as chances de liquidar a partida, mas optou pela covardia no segundo tempo, primeiro por recuar demais sua equipe, segundo por errar demais nas substituições.

Adilson foi na contramão de seu companheiro de profissão, o treinador são paulino novamente escalou muito mal o time inicialmente e orientou pior ainda o time. Contudo, conseguiu arrumar seus próprios erros no intervalo, primeiro por resolver um problema duplo, ao colocar Carlinhos na lateral esquerda, ele não só conseguiu alguém para desempenhar bem essa função e se livrar de Juan, como liberou uma vaga no meio de campo para alguém de qualidade, tanto que Cícero fez uma segunda etapa excelente, já que jogou onde sabe atuar melhor.

Além disso, a entrada de Henrique foi providencial, já faz 26 rodadas que é nítido que o São Paulo precisa jogar com um centroavante.

Em resumo, o São Paulo conseguiu um ótimo ponto contra um dos candidatos ao título, basta melhorar dentro de casa. Para o Botafogo, no fim, o ponto até que foi bom negócio, mas o time mostrou toda sua qualidade e que irá brigar pelo caneco também.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s