Pitacos: 06ª rodada do BR-2011

Galera do blog, esse fim de semana acompanhei a queda de dois invictos, São Paulo e Palmeiras perderam seus jogos, mas vou me concentrar na derrota do meu tricolor.

O São Paulo veio a campo todo remendado devido as lesões, contra um Corinthians completo. O cenário desenhado era previsível desde o início, seria o Corinthians atacando e o São Paulo tentando contra atacar.

E no primeiro tempo, o jogo foi exatamente esse, o Corinthians apresentava um maior volume de jogo e buscava uma boa oportunidade, mas esbarrava no ferrolho tricolor. O Corinthians conseguiu alguns bons lances de longa distância, mas o São Paulo conseguiu bons contra ataques. O resultado de 0x0 era justo no final do primeiro tempo, já que o Corinthians dominava as ações, mas não assustava.

Porém no final do primeiro tempo, Carlinhos Paraíba foi expulso infantilmente, achei exagerado o segundo cartão amarelo, mas e questão de critério e de qualquer forma, por ter se envolvido em discussão minutos antes com o Paulinho, não podia dar um carrinho inconsequente daquele, portanto expulsão aceitável. E determinante para o resultado da partida.

O que se viu no segundo tempo, foi um São Paulo completamente desorganizado e o Corinthians aproveitando a “inexperiência” do time. Os garotos Wellington e Rodrigo Caio sentiram muito a pressão de segurar o meio campo em um clássico. Na minha opinião, Rivaldo tinha que ter voltado no segundo tempo, para passar tranquilidade para esses meninos.

Sobre o Corinthians, fica difícil analisar pelo segundo tempo, pois o jogo ficou fácil demais para se fazer uma análise, mas deu para perceber que Danilo vem fazendo um bom campeonato, assim como William. A goleada serve para embalar de vez o time, o Corinthians mostra que o time está muito bem montado, não tem muitas opções defensivas no banco, que pode ser o único problema do time, mas o Corinthians dá sinais de que irá disputar o título do Brasileirão.

De qualquer forma, essa credencial ao título chega a ser curiosa, pois coloco o Corinthians na mesma situação que o Palmeiras, são times difíceis de ser batidos e muito bem organizados taticamente, mas que não convencem. Assim como todos os demais clubes, reforço o que disse, se o Muricy conseguir convencer a garotada santista a se dedicarem ao título do Brasileirão, duvido que alguém evite que o título fique com Neymar e cia.

Quanto ao São Paulo, nem ao céu, nem ao inferno, todos os torcedores sabiam que o 100% de aproveitamento era um pouco ilusório, já que o time não convence, mas também está longe de ser a tragédia apresentada no domingo. O São Paulo é um time jovem e que de certa forma foi importante esse susto para o time amadurecer.

Além disso destaques nessa rodada para a boa atuação de Ronaldinho, o reencontro com a vitória pelo time do Cruzeiro, a segunda vitória consecutiva do Bahia.