Pitacos: Coritiba 3×2 Vasco


Galera do blog, ontem liguei a TV e minha intenção era assistir ao jogo do São Paulo, mas quando vi a escalação dos dois times entupidas de volantes, confesso que desisti de sofrer, resolvi trocar de canal e acompanhar a final da Copa do Brasil, acho que acertei.

Primeiro porque assisti a um jogo emocionante e segundo que meu time venceu sem precisar da minha torcida.

Agora, vamos falar da final da Copa do Brasil, o encontro final trazia o melhor mandante contra o melhor visitante. O Coritiba começou a partida como deveria ser, pressionando o Vasco e tentando dar fim a vantagem adversária logo no começo. O Coritiba mostrou porque é o time sensação desse primeiro semestre, trocou passes, fez triangulações e criou inúmeras oportunidades.

Mas na primeira bola que o Vasco resolveu colocar no chão ele chegou ao gol, em boa trama de Diego Souza e lançou Eder Luis em profundidade que teve calma para achar Alecsandro livre, tendo só trabalho de empurrar para as redes. Era 1×0 para o Vasco o que obrigava o time paranaense a vencer por dois gols de diferença. Apenas um parentese, Alecsandro é sempre questionado, foi assim no Cruzeiro, foi assim no Inter e aconteceu no Vasco também, mas é inegável a capacidade dele fazer gols.

Quem esperava que o Coritiba abaixasse a cabeça depois do gol, se enganou profundamente, o Coxa voltou a se organizar e a pressionar o Vasco em busca do gol e ele aconteceu aos 29 minutos com Bill, se parecia impossível a torcida apoiar mais aquela altura o que aconteceu no Couto Pereira foi fora do normal, a torcida do Coritiba parecia insandecida, um verdadeiro caldeirão virou o Couto Pereira, de fazer a Bombonera parecer piada. Esse gás todo, serviu para o time virar a partida no final do primeiro tempo com Davi. O Coritiba terminava o primeiro tempo vencendo por 2×1 e precisando de só mais um golzinho no segundo. Para o Vasco restava ou segurar a partida até o final ou buscar também um gol que complicaria a vida do Coritiba.

Veio o segundo tempo e apesar da enlouquecida torcida do Coritiba, o Vasco parecia confiante no título, o time soube suportar melhor a pressão alviverde e a cena do primeiro tempo se repetia com uma leve inversão de papéis. Após a pressão inicial, o Vasco conseguiu encaixar um contra ataque logo aos 11 minutos, mas dessa vez, Alecsandro ajeitou para Edér Luis que entrou em velocidade na defesa do Coxa e contou com um desvio do zagueiro para tirar completamente Edson Bastos da jogada, o Vasco empatava e obrigava o Coritiba a ir atrás de 02 gols para levar a taça.

Mesmo que o Coritiba quisesse entregar os pontos, era impossível com o apoio incondicional da sua torcida, então Marcelo Oliveira fez as substituições e colocou o Coritiba de vez no ataque, e o Coxa foi premiado logo aos 21 minutos do segundo tempo, o bom volante William acertou um belo chute e colocou o Coritiba novamente na frente, agora restavam pouco mais de 25 minutos para fazer mais um gol. O Coritiba pressionou muito, mas não cirou chances claras de gol, a única foi com Bill que parou no ótimo zagueiro Anderson Martins.

O Vasco sagrou-se campeão da Copa do Brasil, mas ficou a sensação na final de que os dois mereciam o título, dois grandes times muito bem montados. Ambos podem ir longe nesse Brasileirão.

P.S.: Medalha de honra para Ricardo Gomes, o treinador saiu desacreditado do São Paulo, com fama de ser bonzinho demais, pegou um Vasco com vários jogadores contestados e que iniciou o Carioca tenebrosamente, mas chegou arrumou a casa e com seu “jeito bonzinho” venceu a Copa do Brasil.

Anúncios

Uma resposta em “Pitacos: Coritiba 3×2 Vasco

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s