Pontapé Inicial

Galera do blog, enfim um fim de semana repleto de futebol. Assisti vários jogos, Copinha, Campeonato Italiano, Sulamericano sub-20, Paulistão e Campeonato Inglês. Contudo, vamos comentar sobre o Paulistão, no sábado o Santos e no domingo o São Paulo.

O Santos enfrentou o Linense e venceu por 4×1, no jogo o que ficou evidente foi a fragilidade do time de Lins. O time que depois do acesso resolveu mudar as peças de defesa e do ataque, sentiu a falta de entrosamento e ficou fácil para a ofensividade de Adílson. O Santos veio a campo com a defesa que terminou o ano, em compensação do meio para frente tudo diferente, no meio Adriano, Possebon e Robinho (ex-jogador do Avaí) e no ataque o trio era Keirrison, Zé Love e Maikon Leite. Possebon, Zé Love e Maikon foram disparados os melhores jogadores em campo, o triste é saber que os dois últimos estão com os dias contados no alvinegro praiano. De qualquer forma, o Santos começa 2011 atropelando os adversários e mostrando que a base foi mantida e muito bem reforçada.

Já o meu tricolor enfrentou o Mogi Mirim de Rivaldo e parece que resolveu incorporar o discurso do Carpegiani ao longo da semana, o time sofreu um pouco com a falta de entrosamento e mostrou que ainda precisará de alguns jogos para se encaixar. O time entrou em campo com, Ceni, Jean, Alex Silva, Miranda e Juan, Souto, Carlinhos Paraíba, Cléber Santana e Ilsinho, Mazola e Fernandinho. Gostei muito da atuação de Juan, o lateral esquerdo parece estar mais a vontade com a camisa tricolor do que os demais jogadores que já estão na posição a algum tempo. Carlinhos Paraíba apesar da sua limitação técnica e fundamental para o time, ele é uma espécie de Richarlyson que não inventa, portanto tem tudo para dar certo. No ataque gostei do Ilsinho jogando solto e Mazola na frente. Espero que a diretoria continue com o atacante, a única justificativa para a dispensa do jogador será por problemas extra-campo.

No restante do Paulistão, apesar de não ter acompanhado nenhum jogo, destaco a sina palmeirense para marcar um gol, o golaço de Roberto Carlos combinado com a infantilidade do goleiro da Lusa, além das vitórias de Oeste e São Bernardo.

E vocês o que destacam?

Anúncios