Libertadores para cardíacos!!


Galera do blog, ontem assisti ao jogo do meu tricolor e de uma maneira que há tempos não fazia, dentro do estádio. No final, pensei comigo se vir no estádio for esse sofrimento, prefiro sentado na mesa do bar ou deitado no sofá de casa. O jogo foi daquele denominado “teste para cardíaco”.

O São Paulo entrou em campo, em um 4-4-2, com Cicinho, Alex, Miranda e Junior Cesar compondo a defesa, Souto, Hernanes, Jorge Wagner e Marlos no meio, Dagoberto e Fernandinho na frente. Na minha opinião, o time começou errado, sabendo que enfrentariamos uma defesa montadíssima que dificilmente toma gols, começaria com Washington no lugar de Marlos por exemplo, assim o camisa 09 trombaria com dois defensores, deixando a frente de área e as pontas menos carregadas.

Contudo, o time inicial era aquele que mencionei acima, gosto muito da movimentação do três de frente, mas para ela dar liga, o outro jogador de meio que chegar tem que funcionar, Hernanes e Jorge Wagner tiveram atuação apagadíssima, aliás desde o ano passado que o segundo não corresponde mais, na minha opinião, o tempo de São Paulo do Jorge acabou, são muitas partidas ineficientes para uma eficiente, acho que poderia colocar o Cleber no lugar dele.

Com o meio não funcionando cabia aos três de ataque e aos laterais tentarem as jogadas, Cicinho fez um excelente primeiro tempo, mas cansou no segundo, Junior Cesar foi discretíssimo, a cada jogo clamo pela estréia de Carleto. Na frente, como de costume, os três revezam nos lances de fome, Marlos era o mais fominha, porém o com maior velocidade e movimentação, Dagoberto às vezes me irrita pela displicência em alguns momentos, por várias vezes, perdeu o lance ficou reclamando de falta e desistiu de acompanhar o defensor, mas Fernandinho ganhou, errou muito, toda bola que recebeu tentou o mesmo lance e por duas vezes para piorar resolveu isolar a bola ao invés de cruzar.

Na defesa, o sofrimento foi mínimo, já que o time peruano é absurdamente ruim ofensivamente, o time era um fantasma do Once Caldas de 2004. Mesmo assim, Alex Silva foi um monstro ganhou todas as bolas e mostrou uma raça sem igual.

Mas ficou para o maior ídolo da história recente do time e talvez de toda história do clube ser o personagem principal da partida, diante da ineficiência do tricolor em fazer um gol, o jogo repetiu o placar do Peru (0x0) e foi para os pênaltis. Nos pênaltis, o time peruano começou cobrando com Ramirez que não desperdiçou, fazendo 1×0 no marcador. Veio então Ceni, o capitão-goleiro-artilheiro-ídolo cobrar e como já virou rotina em 2010, o goleiro desperdiçou a cobrança, o silêncio foi total no estádio, a sensação era que a Libertadores acabara ali.

Porém, Ceni ainda precisa escrever alguns capítulos da sua história no São Paulo, na duas cobranças seguintes do time peruano, Ceni mostrou porque é amado pela sua torcida, defendeu as duas cobranças que somada a quarta cobrança que Labarthe jogou para fora deram a classificação ao time do Morumbi.

No fim das contas, o São Paulo eliminou um time invicto que mostrou que poderia ser o novo Once Caldas, se eles eram horríveis defensivamente, eram extremamente organizados na defesa. Entretanto, isso não pode ocultar os erros do São Paulo, o time ainda não engrenou realmente, ainda falta algo no meio de campo para a máquina funcionar. Ou talvez o problema esteja no operador dessa máquina.

Anúncios

3 respostas em “Libertadores para cardíacos!!

  1. PAra não escrever um texto enorme, só preciso dizer:
    Rogério ainda é o maior idolo do São paulo, e foi decisivo na vitória ontem independete do penalti que perdeu. cicinho fez nada, zaga muito bem, Junior ainda não é o lateral ideal faltou muita jogada pela esquerda, mas é muto melhor que o Rick, Rodrigo soto tem que ser titular mesmo, Hernanes não foi bem, mas é o unico do time que chuta pro gol(um detalhe muito importante, já que quem não chuta não marca), marlos, fernandinho e dagol, ´=e o trio mais fominha do Futebol mundial, nunca vi nada igual na vida, mas o Marlos é insuperavel, prende demais a bola, se eles tivessem tocado mais de 1ª ou até de 2ª tinhamos a chance de sair na cara do gol várias vezes, washintos, é aquela coisa poe nele na area que a chance é grande, aquela bola que o marlos deu na trave, ele provavelmente não perderia!
    Marcelinho, uma opção quem sabe!
    A raça foi ótima a precisão nem tanto!
    Vamos torcer pra que o time consiga crescer!!!!!!

  2. Teste para cardíaco! Foi isso mesmo.
    Eu diferente do meu amigo Fenomeno vou sempre ao estádio e ontem não foi diferente, estava lá, mas enquanto o técnico desse time for esse que hoje está ai, não vou mais, só numa improvável final de Libertadores.
    Enfim, as coisas estão erradas, começando pelo horário do jogo que foi a coisa mais absurda ontem.
    Depois vimos um time desorganizado e isso se reflete na hora dos gols sairem. Concordo que o Washington deveria ter jogado. Fernandinho não pode ser titular desse time e o Marcelinho que já teve seu tempo de banco tem que voltar ao time e no lugar dele.
    O que tá acontecendo com alguns jogadores é um técnico que saiba escalar e colocar eles na posição certa, além de ser energico e acabar com o “oba oba” que hoje existe no elenco. Jorge Wagner joga bem quando chega ao ataque e não preso a algum setor, no final do ano passado nos ajudou muito e fazendo muitos gols.
    Se as coisas não mudarem não vamos longe. Depois de ontem tinha a certeza de uma mudança, mas isso não aconteceu, por isso eu vou torcer na minha casa. Se ganhar será por incompetência dos outros, porque se depois de 5 meses o time está assim, ta dificil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s