Continuamos impunes!

Hoje a noite o time do Coritiba poderá finalmente realizar um jogo dentro do Couto Pereira. Concordo com a liberação do estádio, mas ficam duas perguntas:

Quem foi o maior prejudicado nessa história?

Quem foi preso?

As respostas remetem a mesma coisa, os torcedores de verdade pagaram o pato, pois não puderam ver o jogo do seu time no seu próprio estádio e os bandidos passam impunes ao vandalismo.

Sobra para o torcedor que só pode acompanhar os jogos pela TV, sobra para o clube que precisou arcar com todo o prejuízo provocado por esses bandidos.

Para completar, após o clássico entre Palmeiras e São Paulo, bandidos organizados se encontraram em uma batalha campal na rodovia Bandeirantes, saldo da história, 01 morto, 14 feridos e nenhum preso. Nenhum, nem os 14 feridos foram presos.

Ou seja, de nada adianta criar campanha politicamente corretas, falar bonito na TV, colocar jogadores pedindo as torcidas paz no estádio, enquanto não punirmos exemplarmente os bandidos.

Tenho usado a palavra bandido, pois é isso que deve ser entendido, as torcidas organizadas servem de pano de fundo para que bandidos se escondam e pratiquem seus crimes.

Anúncios