Dá-lhe Rebolation!!

Galera do blog estou de volta. Ainda faz parte do meu cérebro Rebolation e Abre o Corredor, mas em breve elas terão ido embora.

Vou comentar sobre três jogos que aconteceram ontem, onde assisti um ao vivo, outro pelo VT e outro vi apenas os melhores momentos.

Mogi Mirim 0 x 3 Corinthians: O Corinthians jogou bem, sem fazer muita força, aliás nesse Paulistão está me surpreendendo a fragilidade dos times do interior, apenas Santo André e a Ponte Preta mostram times mas fortes tecnicamente, o alvinegro ganho com dois de Souza que parece enfim estar cumprindo seu papel.

Durante o jogo, fica claro qual é o único problema do Corinthians atual, a frente da sua zaga, Chicão e William (ontem jogou o Paulo André) forma uma excelente dupla, porém pesada, precisa de um cão de guarda a frente para melhorar o combate do time, a saída de Cristian ainda não foi reposta, Marcelo Mattos e Ralf tem apenas jogado “direitinho”.

Flamengo 1 x 2 Botafogo: Joel Santana é o cara mais sortudo jogando no Rio de Janeiro, venceu o Flamengo por 2×1, fez o Botafogo encerrar um jejum de 10 jogos contra o rubro-negro e se classificou para a final contra o Vasco.

Revi o jogo inteiro pelo VT, pelo lado rubro-negro, é impressionante como o time sofre da mesma dependência do Corinthians, a frente da zaga, a perda de Airton foi duramente sentida, ainda mais porque seu substituto é Toró, jogador mediano que sempre chega atrasado na bola. Pelo lado alvinegro, ficou claro que foi uma vitória da vontade e da disciplina tática, o time botafoguense é muito limitado, possui uma ótima dupla de ataque que vem se afinando com o passar do tempo e um bom lateral esquerdo, são essas as peças-chaves do Fogo.

Palmeiras 1 x 4 São Caetano: Acompanhei os melhores momentos do jogo , enquanto assistia a transmissão do jogo do Corinthians. Nada de novidade para mim, com relação ao Palmeiras, eu já disse inúmeras vezes, os jogadores defensivos do Palmeiras merecem no máximo jogar em um Atlético-PR, eu salvo apenas Pierre e Léo, o resto é muito fraco.

Agora, surpreendido fiquei com o Azulão, principalmente pela mudança de postura, desde que surgiu para o cenário do futebol nacional, o São Caetano sempre foi um time de defesa muito forte e saídas rápidas para o contra-ataque, porém ontem o que eu vi foi totalmente diferente, um time que vai para cima, Mandi, Everton Ribeiro e Eduardo são bons jogadores.

Anúncios