Fim de semana ruim para os tricolores…

Galera do blog mais querido, ontem aconteceram vários clássicos e alguns jogos complementares. Assisti a vários deles, dois ao vivo e mais um pelo VT e outro pelos melhores momentos, seguem meus comentários:

Corinthians 1 x 0 Palmeiras: O Corinthians venceu a partida jogando com um menos o jogo inteiro, encerrou um jejum que durava mais de 03 anos e virou o líder do campeonato. Tudo isso com um gol de cabeça do “baixinho” Jorge Henrique, que junto com Felipe foram os melhores em campo.

Durante a partida ficou claro uma coisa, o Muricy nunca consegue ganhar uma partida com um a menos, o Palmeiras teve 65% de posse de bola, mas as poucas chances criadas encontraram Felipe inspiradíssimo. Ainda pelo lado alviverde, me assustou o nervosismo de Armero, da mesma forma que Edinho surpreendeu fazendo uma boa partida. Pelo lado alvinegro, como já disse Jorge Henrique foi o melhor em campo para mim, aliás eu o considero o jogador mais importante do time, enquanto Roberto Carlos fez papelão, e nos poucos 08 minutos que jogou, errou passe, falhou na marcação e ainda foi expulso justamente.

Sertãozinho 2 x 2 São Paulo: O tricolor continua jogando mal e contando com a sorte, ontem o time empatou com um gol no final da partida. Pelo Sertãozinho, Thiago Silvy e Mendes marcaram, enquanto Léo Lima e Wagner (contra) marcaram pelo São Paulo.

O São Paulo foi para Ribeirão Preto com um time misto, mas que no papel poderia dar bom resultado, porém o que se viu foi um time apático. Essa apatia em muito se deve a Hernanes que estava adormecido ontem e Léo Lima que vive dormindo em campo. Aliado a isso, a defesa tinha Andrè Luis e Renato Silva, só isso já bastava para o Sertãozinho sair vencedor. Gostei muito do Carlinhos Paraíba joga parecido ao Richarlyson, porém com disciplina tática e as entradas de Sergio Motta e Jorge Wagner melhoraram o time.

Internacional 1 x 0 Grêmio: Grande jogo, aguerrido como deve ser um Gre-Nal e como sempre decidido no detalhe, com um gol do sempre contestado Alecsandro, o Inter venceu o primeiro Gre-Nal do ano. Fica a certeza que o Rio Grande do Sul possui 02 dos 06 melhores times do Brasil.

Durante a partida, grande destaque para os laterais de ambos os times, Nei e Kléber do lado colorado e Lúcio e Joílson pelo lado tricolor. Foi pelas pontas que o jogo pegou fogo, os dois times abusavam das jogadas pelos flancos fazendo seus laterais correrem muito. Os dois times criaram muito, talvez o Grêmio um pouco mais, mas pecava muito nas finalizações, enquanto do lado vermelho, as chances eram sempre perigosas e exigiram mais esforço do Victor para defender. No final, resta ao Inter segue firme no projeto com a certeza de estar no caminho certo e para o Grêmio o mesmo recado, o tricolor não pode deixar essa derrota desestabilizar a casa.

Fluminense 3 x 5 Flamengo: O clássico carioca acompanhei apenas os melhores momentos, do lado tricolor Alan, Conca e Cássio anotaram seus gols, enquanto Adriano (3), Vagner Love e Kleberson marcaram na vitória rubro-negra.

Pelo que deu para entender, foram dois jogos, no primeiro tempo um passeio tricolor que acabou saindo barato para o Flamengo sair para o intervalo perdendo por “apenas” 3×1. Veio o segundo tempo e aí foi a vez do Flamengo passear em campo e marcar quatro gols e virar o jogo que parecia certo para o Fluminense. De resumo, fica a sensação de dois bons times do meio para frente, mas que são fracos na defesa. Nota negativa da partida foi a desavença entre Petkovic e o vice presidente Marcos Braz no intervalo e pode ter determinado o fim do ciclo Petkovic no Flamengo.

Anúncios