Resumo do fim de semana

Admito que nesse fim de semana, não pude acompanhar muito de perto o futebol, porém fiquei de ouvido ligado atento a tudo que estava acontecendo pelo mundo afora. Vamos lá aos meus destaques:

Sulamericano Sub – 20: Seleção brasileira mostrou muita personalidade, garantiu o título com uma rodada de antecedência, e o mais incrível viu nossos “queridos” hermanos terminarem o Hexagonal final em último. Parabéns molecada!! Meu destaques ficam para Douglas Costa, Giuliano e Maylson.

Campeonato Inglês: Será que alguém, pode pelo menos fazer um gol na equipe do Manchester continua a invencibilidade de treze jogos sem sofrer um gol sequer. Como sempre, vitória do Manchester 1 x 0 West Ham.A cabeça de Felipão começa a ficar ameaçada, o Chelsea somente empatou no sábado e vai ficando cada vez mais distante da disputa. Sobrou pro Liverpool tentar tirar o título que parece certo para Sir Alex Fergunson. Por sinal, vejam o que o Giggs aprontou nesta vitória do Manchester.

Campeonato Italiano: O destaque ficou para a partida indicada por este blogueiro, Roma x Genoa fizeram grande partida, mas a vitória foi do time da capital, Cicinho deixou sua marca antes de sair machucado, Rubinho também saiu machucado. Aliás a bruxa estava solta no fim de semana para os brasileiros, no jogo em Milão no só o Milan empatou com o lanterna da competição como viu Kaká se lesionar e desfalcar o time por duas semanas, ficando também de fora do amistoso da seleção. Bom, para Inter que venceu sua partida e segue líder do campeonato, seguido por Juventus e Milan.

Campeonatos Estaduais pelo Brasil: O que é esse time do Palmeiras em minha gente, como será que eles conseguem correr tanto? Bom, mérito da molecada que botou o Santos na rodada e goleou pelo placar de 4 x 1, Palmeiras 100 % e parece que está surgindo o novo camisa 9 da seleção, esse Keirrison está fazendo bonito por enquanto;

globoesporte.com

Keirrison (Palmeiras) - fonte: globoesporte.com

No sul um Gre-Nal eletrizante e vitória do colorado por 2 x 1, Nilmar e D’Alessandro pelo Inter e Jonas descontou para o tricolor; enquanto no rio Fluminense e Vasco protagonizaram um clássico triste, sonolento e dessa forma, nada mais justo que um 0 x 0.